Paquistão ameaça Israel com guerra nuclear em reacção a notícia falsa

(dr) Iliya Pitalev / Sputnik News

O ministro da Defesa do Paquistão, Khawaja M. Asif

O ministro da Defesa do Paquistão, Khawaja M. Asif

Uma notícia falsa desencadeou um momento de tensão entre o Paquistão e Israel, duas das potências nucleares do planeta, depois de o ministro paquistanês da Defesa ter reagido à “notícia” lançando uma ameaça contra Israel.

A falsa notícia de uma reunião de um “ministro israelita da Defesa” – que na realidade já não é ministro – na qual o alegado governante ameaçava “destruir o Paquistão”, acabou por gerar uma ameaça nuclear contra Israel por parte do ministro paquistanês de Defesa, Khawaja M. Asif, conta o jornal israelita Ha’aretz.

O mal-entendido teve início em uma “informação” divulgada pelo AWD News, que em um artigo publicado a semana passada citava o “ministro da Defesa de Israel, Moshe Yaalon” a ameaçar o Paquistão.

Segundo o AWD News, Moshe Yaalon teria dito que Israel destruiria o Paquistão se este país enviasse tropas terrestres para a guerra contra o Estado Islâmico na Síria.

Esta sexta-feira, o ministro da defesa paquistanês reagiu à suposta ameaça israelita com um post no Twitter, no qual se referia à suposta reunião do “ministro”, salientando que “Israel esquece que o Paquistão é também uma potência nuclear”.

https://twitter.com/KhawajaMAsif/status/812370140507545600

Este fim de semana, depois de ter conhecimento do mal-entendido, o Ministério da Defesa israelense se apressou a clarificar que a alegada reunião de Yaalon é “inteiramente falsa”.

“A informação à que o ministro paquistanês respondia é completamente falsa“, afirmou um porta-voz do Ministro da Defesa israelita, Avigdor Lieberman, que lembrou que, em qualquer caso, Moche Yaalon seria sempre “um ex-ministro“.

O AWD News já foi identificado por organizações de verificação de informações como sendo “um site que publica falsas informações”.

Segundo o Media Bias / Fact Check, o AWD News é “essencialmente um site de pseudo-ciência e teorias da conspiração de direita com atenção focada em guerras mundiais”.

Israel mantém uma política de ambiguidade nuclear, não confirmando nem negando a existência de um arsenal nuclear próprio. O Paquistão, por seu lado, se tornou uma potência nuclear em 1998. Os dois países não têm laços diplomáticos.

Em 2015, o Paquistão possuía entre 110 e 130 ogivas nucleares – 66% das quais instaladas em mísseis balísticos. Mas na realidade, a principal razão pela qual o arsenal nuclear paquistanês é preocupante não é o presumível arsenal israelita.

A verdadeira preocupação dos analistas é na verdade a quantidade de ogivas da Índia, estimadas em 110 a 120 unidades.

// ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Preço para voar em nave da Boeing será 60% mais caro do que na da SpaceX

O inspetor-geral da NASA divulgou nesta quinta-feira (14) um relatório sobre o Programa Commercial Crew, com detalhes sobre os problemas técnicos enfrentados pelas empresas SpaceX e Boeing no desenvolvimento de suas espaçonaves - Crew Dragon …

A corrida para salvar 33 marinheiros e 1 cachorro da ilha onde missionário foi morto por nativos há 1 ano

"Homens selvagens, provavelmente mais de 50, com armas caseiras, estão fazendo dois ou três barcos. Temo que eles nos alcancem no pôr do Sol. A vida de todos os tripulantes está em risco." A corrida contra …

Gigante chinesa do comércio eletrônico vende U$ 1 bilhão em 1 minuto

Sessenta e oito segundos. Esse foi o tempo que consumidores chineses levaram para gastar seu primeiro bilhão de dólares em vendas pela internet numa tradicional liquidação do país. O resultado surpreendente de vendas foi alcançado …

“A Tumba”: depósito de lixo nuclear está começando a se romper e afundar nas Ilhas Marshall

Antes de lançar a primeira bomba atômica do mundo, os EUA fizeram vários testes de detonações em locais remotos. O problema é que toda a radiação está até hoje nesses lugares, sendo que um desses …

Brasil dá 'sinal positivo' e valoriza participação no BRICS, diz especialista

Contrariando estimativas de que o governo de Jair Bolsonaro reduziria a importância do BRICS na sua política externa, o Brasil demonstra empenho e compromisso com o bloco, segundo especialista ouvido pela Sputnik. Em entrevista à Sputnik, …

Elon Musk fala em "curar o autismo" com as inovações da Neuralink

Participando de um podcast voltado à discussão da inteligência artificial (IA), o CEO da Neuralink, Elon Musk, erroneamente afirmou que sua empresa será capaz de curar distúrbios neurológicos como a esquizofrenia e o Alzheimer, além …

Bomba-H da Coreia do Norte seria 17 vezes mais poderosa que a de Hiroshima

Dados de satélite japonês forneceram detalhes do teste de uma arma termonuclear, realizado em 2017, indicando que sua explosão teria sido 17 vezes mais poderosa do que a bomba de Hiroshima. A Coreia do Norte estimou …

Aquecimento global afetará saúde das novas gerações, diz relatório

Um relatório publicado nesta quinta-feira na revista científica The Lancet, a poucas semanas da conferência internacional para o clima (COP25), alerta para os riscos sanitários relacionados ao aquecimento global e às emissões de gás carbônico. O …

Estudante abre fogo em escola na Califórnia

Ao menos duas pessoas morreram e outras três ficaram feridas depois que um aluno abriu fogo nesta quinta-feira (14/11) numa escola secundária no sul da Califórnia, nos Estados Unidos, causando pânico entre estudantes e funcionários. …

Governo italiano deve decretar estado de catástrofe natural em Veneza

Metade da cidade está debaixo d’água, atingida pela pior cheia em 53 anos. O nível subiu 187 cm na terça-feira (12), o segundo mais alto desde 1966. A situação levou o governo a decidir decretar …