Para o senador Paulo Paim, “se Lula for preso vira o novo Nelson Mandela”

Waldemir Barreto / Agência Senado

O senador Paulo Paim, presidente da CPI da Previdência

Para o senador Paulo Paim (PT-RS), 2017 foi o “pior ano de todos os tempos” na política. Na sua “retrospectiva”, o petista cita o decreto presidencial que ameaçou a Amazônia, o retrocesso no combate ao trabalho escravo, o teto de gastos públicos congelados por 20 anos, as reformas trabalhista e da Previdência.

As informações são da revista Veja, que lembra que Paim presidiu a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Previdência, concluindo que não haveria deficit no setor se as empresas pagassem R$ 450 bilhões devidos.

O relatório final da CPI, de 253 páginas, precisou de 11 horas para ser lido no dia 23 de outubro. “A reforma, da maneira que está sendo feita, vai quebrar a Previdência. Eles não atacam a sonegação. Vão mais uma vez passar a conta para os mais pobres, aumentando o tempo da contribuição e idade”, disse à reportagem.

Quanto a possibilidade do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva ser condenado em segunda instância no julgamento do TRF4 marcado para 24 de janeiro, Paim diz que Lula “está no jogo” da eleição de “qualquer jeito”.

No caso de uma eventual prisão, Lula “vira um novo Nelson Mandela”, disse em referência ao ex-presidente da África do Sul e líder popular, preso por 27 anos e solto após uma campanha mundial por sua libertação.

Para Paim, o possível vice de uma chapa de Lula seria Roberto Requião (PMDB-PR), que poderia até mesmo substituir Lula, caso o ex-presidente seja impedido de concorrer, disse. “O debate ideológico está meio superado”, afirmou.

Ciberia // GNI / Veja

11 COMENTÁRIOS

  1. Sr. Paim, Deus que lhe ouça. Para ter “algo” em comum com o Sr. Mandela, se nossa justiça fosse de fato justa, poderia começar com 27 anos de prisão em regime fechado. Mas, sabemos, aqui é Brasil. Tentar comparar este dois, é um insulto ao prezado Mandela.

  2. O senador Paulo Paim perdeu a noção do ridículo. Nelson Mandela é único. Comparar essa escória da sociedade, símbolo vivo da corrupção em nosso país, com Mandela, é simplesmente querer comparar Lula com papel carbono. Nem existe mais.

  3. Tudo isso que o senador Paulo Paim afirma como motivos para o “pior ano de todos os tempos”, são justamente as medidas que pararam a piora da crise brasileira e, quem sabe, podem dar início à recuperacão econômica do Brasil.
    Em se tratando de Paulo Paim, nada a estranhar, afinal esse político profissional passou a sua vida a fazer o discurso populista de sempre, contando com a ignorância ou simpatia de eleitores que o reelegiam pleito após pleito.
    Para quem presidiu uma CPI que, depois de 6 meses, concluiu que a Previdência do Brasil não só não é deficitária, como dá lucro, trata-se realmente de um político que só pensa “em se reeleger”. Não é preciso fazer qualquer cálculo, mas apenas observar que as pessoas estão vivendo mais para saber que a Previdência oficial precisa ser revista. Sem falar nos privilégios que os cidadãos de primeira classe, compostos por politicos e funcionários públicos, principalmente do MPF e Judiciário.
    Por último, acho que o site dá um destaque exagerado, para não dizer favorável a manifestacões de esquerditas.

  4. Parabéns Senador Paulo Paim por sempre estar ao lado dos trabalhadores. Você é tão bom que atrai este monte de raivosos. Se não gostam de você, o que estão fazendo aqui?????

DEIXE UMA RESPOSTA:

Cientista revela como é o som do Sol

Já parou para pensar no som que as estrelas fazem? Bill Chaplin, professor de Astrofísica na Universidade de Birmingham, na Inglaterra, explica que esses corpos celestes têm um barulho natural. Segundo explica o professor Bill Chaplin, …

Grande Barreira de Corais sofreu um “colapso catastrófico”

A Grande Barreira de Corais na Austrália, patrimônio mundial da UNESCO, sofreu um “colapso catastrófico” de corais durante uma onda de calor em 2016. “Uma ameaça à diversidade da vida marinha”, revelou um estudo da …

Bolas gigantes de ervas daninhas "atacam" cidade da Califórnia

As bolas gigantes conhecidas como “tumbleweed” cobriram casas, invadiram ruas e lançaram um verdadeiro caos em uma cidade do estado da Califórnia, nos Estados Unidos. “Invasão” foi a palavra que a moradora Tanya Speight utilizou para …

Hans Asperger colaborou ativamente com os nazistas na Segunda Guerra Mundial

Documentos recentemente descobertos sugerem que Hans Asperger, o pediatra cujo nome descreve uma forma de autismo, esteve ativamente envolvido no programa de eutanásia do regime nazista na Áustria. As provas foram retiradas de documentos e registros …

Quase 40 anos depois, a Arábia Saudita voltou a ter cinema

A Arábia Saudita inaugurou nesta quarta-feira (18) o primeiro cinema comercial, pondo fim a uma proibição de quase 40 anos, em um esforço do príncipe saudita para modernizar o reino conservador. Segundo a Reuters, o novo …

Se reunião com a Coreia do Norte não correr bem, Trump se levanta e sai

Donald Trump admitiu haver a possibilidade de libertar os três norte-americanos presos na Coreia do Norte e adiantou que pode cancelar o encontro com Kim Jung-un se achar que não será produtivo. Nesta quarta-feira (18), Donald …

Miguel Díaz-Canel, o primeiro presidente da Cuba pós-Castro

Miguel Mario Díaz-Canel, o número 2 do governo de Cuba desde 2013, se tornou nesta quinta-feira (19) o novo presidente do país, onde, pela primeira vez em seis décadas, a principal liderança não tem Castro …

Projeto que prevê proibição de plástico descartável no Brasil é aprovado pelo Senado

Na terça-feira (17), a Comissão de Meio Ambiente (CMA), que faz parte do Senado, aprovou um projeto importantíssimo, que prevê a retirada gradual do plástico descartável no Brasil. De acordo com o projeto, em dez anos, …

MPF pede que Ibama indefira exploração de petróleo na foz do Amazonas

O Ministério Público Federal (MPF) no Amapá expediu recomendação nesta quarta-feira (18) para que o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) indefira licença para exploração de petróleo na foz do …

Temer tira dinheiro da saúde e do combate à violência contra a mulher para usá-lo em publicidade

No último dia 10, o governo de Michel Temer, através do Ministério do Planejamento, baixou a Portaria 75, que remaneja recursos do orçamento para a Secretaria de Comunicação (Secom), pasta responsável pela propaganda oficial do …