Partido de Macron conquista maioria absoluta nas eleições legislativas da França

Ville de Nevers / Flickr

O presidente da França Emmanuel Macron

O presidente da França Emmanuel Macron

A República em Movimento (LREM), partido do presidente da França, Emmanuel Macron, terá maioria absoluta na Assembleia Nacional, câmara baixa do Parlamento. O resultado das eleições deste domingo (18) mostra a sigla com 361 das 577 cadeiras do Legislativo, número muito superior ao necessário para aprovar projetos (289).

Os Republicanos, segundo as projeções, terá a segunda maior bancada, com grande distância de Macron, ao obter 126 cadeiras. Os resultados mostram assim um amplo triunfo do LREM, ainda que com vantagem inferior à prevista nas pesquisas de intenção de voto ao longo da última semana.

O Partido Socialista, do ex-presidente François Hollande, que controlava a maioria na Assembleia Nacional, ficará a partir de agora com 46 deputados junto a seus aliados ecologistas.

Já o França Insubmissa, de Jean-Luc Mélénchon, conseguiu formar uma bancada parlamentar própria (para isso, eram necessárias 15 cadeiras), ao obter 26 assentos.

Já a ultradireitista Frente Nacional, de Marine Le Pen, não alcançou, de novo a meta de ter bancada própria, ao obter 8 cadeiras.

O segundo turno do pleito foi marcado pela altíssima abstenção, com participação, ainda sem confirmação oficial, em torno de 42% dos eleitores, o que estabeleceria um recorde negativo na V República, fundada em 1958.

Fim da dicotomia

Com o resultado, acaba a dicotomia entre Socialistas e Republicanos, que dominaram a política francesa desde a fundação da V República, em 1958. Os números abriram crises em ambos os partidos.

Os conservadores mostraram fraturas internas importantes. Alguns dos candidatos do partido fizeram campanha afirmando estarem dispostos a trabalhar com a maioria que apoia o presidente. Outros anunciaram que farão uma oposição frontal e sem compromissos ao governo de Macron.

É o fim de uma época. Nossos candidatos foram derrotados porque parecemos mais próximos à França de ontem do que à de amanhã. Temos que reconstruir tudo, do chão ao teto”, afirmou uma das lideranças do partido, Valérie Pécresse.

Um cenário semelhante podia ser observado na sede do Partido Socialista, que conseguiu obter um resultado melhor do que o esperado e terá por volta de 45 deputados na Assembleia Nacional. O líder do partido, Jean-Christophe Cambadélis, apresentou sua renúncia e anunciou que uma junta diretiva comandará os socialistas.

O melhor exemplo do tamanho da derrota dos socialistas é que a imensa maioria dos ministros que fizeram parte dos governos de François Hollande ficou de fora do parlamento. Uma das três exceções foi o ex-primeiro-ministro Manuel Valls, que conseguiu a vitória por apenas 139 votos. Sua adversária, no entanto, anunciou que vai tentar impugnar o resultado.

Mélechon sai fortalecido do pleito. Após uma campanha que encostou nos líderes – pesquisas chegaram a colocá-lo às vias de ir ao segundo turno -, o líder do França Insubmissa tentará se credenciar como líder oposicionista na Câmara.

Segundo ele, a alta abstenção nestas eleições legislativas tem um grande “significado político”, que mostraria que, apesar da maioria no Parlamento, as reformas de Macron não têm apoio irrestrito da população.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Coronavírus terá impacto no PIB chinês e na economia global

A nova epidemia de coronavírus é um balde de água fria na cabeça do mundo. A começar pelos chineses. Em 2003, o último vírus mortal se propagando pelo mundo inteiro – o SARS – …

Abelhas adoram cannabis e este caso de amor pode ajudar a salvar a espécie

Consideradas os seres vivos mais importantes do planeta, as abelhas são animais insubstituíveis, dos quais dependemos para viver. No entanto, nas últimas décadas, devido ao aquecimento global e o uso execessivo de pesticidas, elas estão …

Cientistas finalmente descobriram como capturar o espectro todo da luz solar para gerar hidrogênio

Pela primeira vez, cientistas da Universidade Estadual de Ohio (EUA) desenvolveram uma molécula que é capaz de coletar a energia de todo o espectro da luz solar. O processo, 50% mais eficiente que as atuais …

Você agora pode ouvir a voz de uma múmia de 3 mil anos

Com uso de tomografia computadorizada, impressão 3D e laringe eletrônica, pesquisadores do Reino Unido reconstruíram o trato vocal de uma múmia egípcia. Para a realização do projeto que teve início em 2013, foi preciso combinar medicina, …

Krakatoa, o inferno de Java: a erupção há 137 anos que foi sentida no planeta inteiro

Em 1883, o mundo presenciou um evento natural tão bombástico e violento que pôde ser notado de alguma forma por praticamente todos os habitantes do planeta. A erupção do vulcão Krakatoa, na Indonésia, lançou detritos a …

Educação e confiança fazem da Dinamarca país menos corrupto do mundo

Imagine poder almoçar tranquilamente num restaurante ou fazer compras enquanto deixa o seu bebê no carrinho, estacionado do lado de fora na calçada. Essa cena, que faz parte do cotidiano dos dinamarqueses, só é …

Brasil adianta ponteiros do Relógio do Juízo Final

O Relógio do Juízo Final teve seus ponteiros ajustados nesta quinta-feira (23/01) para a marca de apenas 100 segundos para a meia-noite, simbolizando o maior perigo para a humanidade registrado desde criação do dispositivo em …

Estudo comprova ligação entre estresse e cabelos brancos

Pesquisadores brasileiros e americanos investigaram processo de embranquecimento dos cabelos e concluem que estresse leva à liberação de substância que pode danificar células-tronco regeneradoras de pigmentos. Quando Maria Antonieta foi capturada durante a Revolução Francesa, consta …

Japão pretende desenvolver tecnologia ultrarrápida 6G até 2030

O governo japonês elaborará uma estratégia abrangente sobre as futuras redes de comunicação sem fio ultrarrápidas 6G e montou um painel para discutir o assunto, declarou ministra japonesa do Interior e Comunicações. O anúncio foi feito …

Tesla atinge valor de mercado de US$ 100 bi — e Musk receberá um grande bônus

A Tesla é uma das companhias mais promissoras do mundo, mas ainda gera dúvidas entre os investidores, devido aos problemas para atingir as metas de produção e polêmicos acidentes envolvendo seus veículos — além de …