Ruivas são geneticamente abençoadas com “superpoderes”

A sociedade nos confundiu ao longo do tempo. Até hoje, não sabíamos se ser ruivo era sinônimo de ser único ou, pelo contrário, estranho. Mas a ciência veio esclarecer a dúvida: ser ruivo é, afinal, “ter superpoderes”.

A escritora Erin La Rosa, no seu livro The Big Redhead Book: Inside the Secret Society of Red Hair, explica que nós não somos naturalmente atraídos por cabelos vermelhos, sendo a sociedade a principal responsável por nos impor mensagens contraditórias sobre como é ser ruivo (umas boas e outras más).

De acordo com a alphr, o livro da escritora e performer norte-americana revela uma série de fatos interessantes sobre as mulheres ruivas. A autora se dirige, inclusive, às mais novas como os “unicórnios do mundo humano”.

“Pensem nisto: nós, ruivos, somos raros (representamos apenas 2% da população mundial), somos lindos (olá, Jessica Chastain), e temos a capacidade de voar (exemplo disso é a família Weasley, em Harry Potter)”, escreve a autora.

Ainda assim, Erin considera que a natureza das ruivas é muito mais especial e não se resume a apenas estas curiosidades. No seu livro, a autora compila um conjunto de pesquisas que provam que as mulheres ruivas são culturalmente negligenciadas e que são cheias de qualidades genéticas.

Em um estudo de 2003, da Universidade de McGill, ficou provado que as mulheres ruivas têm limites de dor mais altos. Graças à mutação do gene MC1R, que é o responsável pela coloração do cabelo, conseguem suportar uma maior intensidade de dor, conseguindo tolerar até 25% mais dor do que as loiras ou as morenas.

A Universidade de Louisville também revelou em um estudo que é necessário 20% mais de dose de anestesia geral para que faça efeito em uma ruiva, enquanto uma morena pode precisar apenas de um pouco de Novocaína, um anestésico local injetável muito usado pelos dentistas. Isto significa que a mutação é, literalmente, um “superpoder”.

Em 2005, a mesma universidade chegou à conclusão que o gene MC1R pode reativar o gene de detecção da temperatura humana, tornando os ruivos mais sensíveis a variações térmicas. No livro, Erin explica que “sabe quando o inverno está chegando”.

Além disso, a mutação faz com que os ruivos necessitem de menos vitamina D, dado que são capazes de produzi-la em um curto espaço de tempo. Este é um “superpoder” vantajoso, já que os baixos níveis de vitamina D podem provocar raquitismo, diabetes e artrite.

As pesquisas provam, também, que a “superioridade” está bem presente na televisão norte-americana. Um relatório de 2014, da Upstream Analysis, concluiu que 30% dos anúncios televisivos nos EUA contam com uma mulher ruiva em um papel de destaque.

A rede televisiva CBS, dos EUA, afirmou também que a cada 106 segundos uma pessoa ruiva surge nas telas dos norte-americanos.

Ciberia // ZAP

DEIXE UMA RESPOSTA:

Fóssil com 245 milhões de anos parece o gémeo perdido de Darth Vader

Cientistas mexicanos e norte-americanos ficaram surpreendidos com a descoberta de um fóssil com 245 milhões de anos que parece o gêmeo perdido de Darth Vader, o famoso personagem da saga de filmes Star Wars. O fóssil …

Afinal, a orientação sexual pode mesmo estar escrita nos genes

Os cientistas reportam aquilo que pode ser a primeira prova concreta de ligações genéticas à orientação sexual masculina no primeiro estudo observacional de mapeamento do genoma que examinou o traço. Pesquisadores recrutaram mais de 2 mil …

O apocalipse das abelhas não passa de um mito

Um estudo recente do Departamento de Agricultura dos EUA assinala que o número de colônias de abelhas que produzem mel cresceu no país desde 2008. Vários cientistas assinalaram que o alarme que anuncia um apocalipse de …

Após morte cerebral, paciente deverá ser observado por 6 horas

O Conselho Federal de Medicina (CFM) divulgou nesta terça-feira (12) critérios mais rígidos para definir morte encefálica. A mudança nos procedimentos tem impacto no processo de doação e transplante de órgãos, que só pode ser …

CPMI da JBS: relatório pede indiciamento de Janot, irmãos Batista e mais três

O deputado Carlos Marun (PMDB-MS) pediu, no relatório final da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) da JBS, o indiciamento do ex-procurador-geral da República Rodrigo Janot e do procurador da República Eduardo Pellela, que foi …

Crimes de adoções ilegais pela Igreja Universal em Portugal já prescreveram

Pelo menos dez crianças portuguesas acolhidas em um lar da Igreja Universal do Reino de Deus teriam sido roubadas das mães na década de 90 para adoção. Na sequência da reportagem emitida nesta segunda-feira (11) pelo …

Moreira Franco: reforma da Previdência permitirá ao país entrar em ciclo virtuoso

A aprovação da reforma da Previdência pelo Congresso Nacional permitirá que o país entre em 2018 em um ciclo virtuoso. A avaliação foi feita nesta segunda-feira (11) pelo ministro-chefe da Secretaria-Geral da Presidência da República, …

Bomba em Nova York explodiu antes do previsto

O presumível autor do ataque junto ao maior terminal rodoviário de Manhattan ficou gravemente ferido e foi detido. As autoridades afirmam que foi uma tentativa de ataque terrorista fracassada. O ataque ocorreu em um túnel na …

BC sinaliza novo corte na taxa básica de juros em fevereiro

A taxa básica de juros, a Selic, poderá voltar a ser reduzida em fevereiro de 2018. É o que sinalizou o Comitê de Política Monetária (Copom), do Banco Central, em ata da última reunião, realizada …

Tiririca usou dinheiro público para viajar pelo Brasil fazendo shows de humor

Ao discursar pela primeira e última vez na tribuna da Câmara no último dia 6, o deputado federal Tiririca (PR-SP) afirmou que deixaria a política “triste” e “com vergonha” pelo o que acontece no Congresso. …