Agências da ONU prometem acabar com a fome até 2030

(dr) PMA

A iniciativa Fome Zero foi anunciada pelo secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, em 2012.

A iniciativa Fome Zero foi anunciada pelo secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, em 2012.

FAO, Ifad e PMA querem manter compromisso do Fome Zero, lançado pelo secretário-geral da ONU em 2012; diretor-geral da Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação fala à Rádio ONU sobre as implicações da mudança climática à segurança alimentar.

Três agências da ONU se reuniram para confirmar o compromisso de erradicar a fome no mundo até 2030. A iniciativa Fome Zero foi anunciada pelo secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, em 2012.

Numa reunião em Nova York, representantes da ONU e da sociedade civil renovaram suas iniciativas de alcançar a meta como parte dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, ODSs.

Fatos consumados

Em entrevista à Rádio ONU, o diretor-geral da Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação, FAO, José Graziano da Silva, disse que o impacto é ainda mais severo nos países mais pobres.

“Eu acho que o que nós vimos, neste dois últimos anos, principalmente com El Niño desvastando particularmente o leste e o sudeste da África foi aterrador. Progresso de 10 anos foi perdido num espaço de um ano. Nós não podemos continuar assim. E nós não podemos reagir aos fatos consumados. Nós temos que encontrar maneira de antencipar.”

Durante o encontro, José Graziano da Silva lembrou que a iniciativa do Fome Zero nasceu no Brasil e foi adotada e adaptada a países em todo o mundo. Para ele, esta é uma tarefa não só de governos, mas do setor privado, da sociedade civil, dos pequenos agricultores, de todos.

Movimento

No evento paralelo aos debates da Assembleia Geral, estavam também a chefe do Programa Mundial de Alimentos, Ertharin Cousin, e o presidente de Gana, John Mahama.

Cousin afirmou que o pedido de união das agências na luta contra a fome partiu do líder da ONU, Ban Ki-moon, que pediu aos chefes do PMA, do Ifad e da FAO que formassem um verdadeiro movimento para erradicar o desafio, que afeta hoje 800 milhões de pessoas em todo o mundo.

Já o presidente do Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola, Ifad, Kanayo F. Nwanze, disse que é preciso voltar a atenção para as áreas rurais que concentram as pessoas mais pobres e famintas do mundo.

Para José Graziano da Silva, é preciso ainda trabalhar com doadores para responder a situações inesperadas como aconteceu há alguns anos, no nordeste do Brasil que enfrentou enchentes após um período de seca.

Fome zero emergencial

“Estamos fazendo um apelo hoje principalmente aos doadores. Estamos pondo em marcha o que eu chamo de um programa fome zero emergencial, que foi testado a primeira vez no nordeste brasileiro em 2003. Numa condição muito similar. O nordeste vinha de três anos de seca e estava se preparando para enfrentar fortes chuvas.”

José Graziano da Silva participou de vários eventos paralelos durante a Assembleia Geral incluindo um encontro de alto nível sobre resistência antimicrobiana que também contou com a participação da diretora-geral da Organização Mundial da Saúde, Margaret Chan.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

George W. Bush: o suposto plano para matar ex-presidente dos EUA desbaratado pelo FBI

Um simpatizante do Estado Islâmico planejava assassinar o ex-presidente dos EUA George W. Bush, mas o plano foi descoberto pelo FBI (polícia federal americana), segundo autoridades dos Estados Unidos. O suspeito, um residente de Ohio, supostamente …

O que se sabe sobre misterioso surto de varíola dos macacos

Casos recentes da doença na América do Norte e Europa acenderam o alerta entre especialistas. Endêmico na África, vírus é transmitido por animais contaminados e por contato próximo prolongado entre pessoas. Autoridades de saúde na América …

EUA: Estudo traz primeiros resultados 'promissores' de vacina de RNA mensageiro contra Aids

Uma vacina usando a tecnologia de RNA mensageiro, a mesma que algumas vacinas contra a Covid-19, pode ser usada desta vez contra a Aids. É o que mostram os primeiros resultados promissores de testes …

Viagem de Lula à Argentina visa fortalecer governo de Fernández e teoria de lawfare contra Kirchner

O ex-presidente Lula será o primeiro estrangeiro a discursar diante de uma multidão na Praça de Maio, em Buenos Aires, em um ato destinado a renovar o vínculo do governo argentino com o seu …

Após EUA, vários países se mobilizam em boicote aos Jogos Olímpicos de Inverno de Pequim

Reino Unido, Austrália, Canadá, Nova Zelândia seguiram os passos dos Estados Unidos e anunciaram que também vão participar do “boicote diplomático” aos Jogos Olímpicos de Inverno de Pequim, previstos para fevereiro. Os países acusam …

Musk anuncia que Neuralink testará microchips neuronais em humanos em 2022

O bilionário e empreendedor norte-americano referiu que já testou com sucesso um implante cerebral em um macaco, e quer agora que essa tecnologia seja aplicada em humanos. Os humanos poderão ter implantes cerebrais da empresa Neuralink …

Cientistas americanos encontram substância contra coronavírus em algas para sushi

Biólogos americanos esperam que sua descoberta ajude na criação de tratamentos antivírus com base em plantas. Os cientistas determinaram que o sulfato de rhamnan – polissacarídeo componente das algas verdes Monostroma nitidum, utilizadas para embrulhar o …

Mulheres comandam metade dos ministérios no governo Scholz

Futuro chanceler confirma nomes finais do seu governo, que deverá começar os trabalhos ainda esta semana. Percentual de mulheres no comando de ministérios federais é o maior da história da Alemanha. O próximo chanceler federal da …

Biden e Putin fazem videoconferência para tentar resolver impasse na Ucrânia

Joe Biden e Vladimir Putin se preparam para uma vídeoconferência nesta terça-feira (7) em um momento em que as tensões entre Washington e Moscou se intensificam com rumores de uma iminente invasão da Ucrânia …

Aung San Suu Kyi é condenada a 4 anos de prisão

Líder deposta por golpe militar em Mianmar enfrenta série de acusações que a Anistia Internacional chama de falsas. Novo veredicto deve sair nos próximos dias. A líder deposta de Mianmar, Aung San Suu Kyi, foi condenada …