Agências da ONU prometem acabar com a fome até 2030

(dr) PMA

A iniciativa Fome Zero foi anunciada pelo secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, em 2012.

A iniciativa Fome Zero foi anunciada pelo secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, em 2012.

FAO, Ifad e PMA querem manter compromisso do Fome Zero, lançado pelo secretário-geral da ONU em 2012; diretor-geral da Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação fala à Rádio ONU sobre as implicações da mudança climática à segurança alimentar.

Três agências da ONU se reuniram para confirmar o compromisso de erradicar a fome no mundo até 2030. A iniciativa Fome Zero foi anunciada pelo secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, em 2012.

Numa reunião em Nova York, representantes da ONU e da sociedade civil renovaram suas iniciativas de alcançar a meta como parte dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, ODSs.

Fatos consumados

Em entrevista à Rádio ONU, o diretor-geral da Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação, FAO, José Graziano da Silva, disse que o impacto é ainda mais severo nos países mais pobres.

“Eu acho que o que nós vimos, neste dois últimos anos, principalmente com El Niño desvastando particularmente o leste e o sudeste da África foi aterrador. Progresso de 10 anos foi perdido num espaço de um ano. Nós não podemos continuar assim. E nós não podemos reagir aos fatos consumados. Nós temos que encontrar maneira de antencipar.”

Durante o encontro, José Graziano da Silva lembrou que a iniciativa do Fome Zero nasceu no Brasil e foi adotada e adaptada a países em todo o mundo. Para ele, esta é uma tarefa não só de governos, mas do setor privado, da sociedade civil, dos pequenos agricultores, de todos.

Movimento

No evento paralelo aos debates da Assembleia Geral, estavam também a chefe do Programa Mundial de Alimentos, Ertharin Cousin, e o presidente de Gana, John Mahama.

Cousin afirmou que o pedido de união das agências na luta contra a fome partiu do líder da ONU, Ban Ki-moon, que pediu aos chefes do PMA, do Ifad e da FAO que formassem um verdadeiro movimento para erradicar o desafio, que afeta hoje 800 milhões de pessoas em todo o mundo.

Já o presidente do Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola, Ifad, Kanayo F. Nwanze, disse que é preciso voltar a atenção para as áreas rurais que concentram as pessoas mais pobres e famintas do mundo.

Para José Graziano da Silva, é preciso ainda trabalhar com doadores para responder a situações inesperadas como aconteceu há alguns anos, no nordeste do Brasil que enfrentou enchentes após um período de seca.

Fome zero emergencial

“Estamos fazendo um apelo hoje principalmente aos doadores. Estamos pondo em marcha o que eu chamo de um programa fome zero emergencial, que foi testado a primeira vez no nordeste brasileiro em 2003. Numa condição muito similar. O nordeste vinha de três anos de seca e estava se preparando para enfrentar fortes chuvas.”

José Graziano da Silva participou de vários eventos paralelos durante a Assembleia Geral incluindo um encontro de alto nível sobre resistência antimicrobiana que também contou com a participação da diretora-geral da Organização Mundial da Saúde, Margaret Chan.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

FMI prevê melhora para economia brasileira, apesar da redução do crescimento mundial

O Fundo Monetário Internacional reduziu nesta segunda-feira (20) sua expectativa de crescimento global para este ano. A instituição é mais otimista sobre a situação do Brasil, que deve crescer nos próximos anos. O FMI disse …

Harry diz estar triste por deixar deveres reais

O príncipe Harry falou neste domingo (19/01) de sua tristeza por ser obrigado a desistir de seus deveres reais em um acordo com a família real britânica, dizendo não haver outra opção se ele e …

Ultrassom destrói células cancerosas

Cientistas do Instituto de Tecnologia da Califórnia e do Instituto de Pesquisa Beckman da Cidade da Esperança desenvolveram uma técnica de ultrassom direcionado de baixa intensidade que mata células cancerígenas sem afetar as células saudáveis …

Robôs são maior ameaça à humanidade que mudança climática, segundo especialista

Especialista em inteligência artificial acredita que robôs podem ser hackeados por terroristas, além de outros problemas, tornando-os potencialmente perigosos para o homem. Se por um lado a tecnologia pode ajudar o homem em suas tarefas do …

Sem capacidade para reciclar, Malásia devolve lixo para países desenvolvidos

A Malásia devolveu 150 contêineres de lixo ilegal para seus países de origem. Entre eles estão os Estados Unidos, a França, o Reino Unido e o Canadá, anunciaram as autoridades nesta segunda-feira (20). Segundo …

Defesa de Trump diz que processo de impeachment é ilegal

Em primeira manifestação formal desde o início do julgamento do presidente, defesa acusa oposição democrata de tentar interferir nas eleições de 2020. Os advogados do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disseram neste sábado que o …

Cidade de interior de SP inicia tarifa zero no transporte público

Enquanto diversas capitais ao redor do país aumentam o valor das passagens no transporte público, algumas outras cidades pensam diferente. Se o transporte coletivo gratuito parece um sonho inalcançável e utópico, algumas administrações públicas buscam maneiras …

Quantos anos de vida saudável os ricos ganham em relação aos pobres?

Um novo estudo europeu e americano descobriu que os ricos possuem cerca de nove anos de vida saudável a mais do que os pobres. A pesquisa foi bastante abrangente – os cientistas analisaram dados de mais …

O país sul-americano que deve crescer 14 vezes mais que a China neste ano

A Guiana ganhou na loteria e está prestes a resgatar o prêmio. Seus vizinhos, especialmente a Venezuela, aguardam intrigados para saber em que ela vai gastar. De acordo com o Fundo Monetário Internacional (FMI), a economia …

Portugal supera marca histórica de 500 mil imigrantes residindo no país; brasileiros são a maioria

Portugal atingiu um número recorde de imigrantes vivendo no país. O anúncio foi feito pelo governo nesta quarta-feira (15), durante debate no Parlamento sobre o Orçamento de Estado para 2020. "Os dados preliminares levam a dizer …