Alemanha multará em 50 milhões de euros redes sociais com posts de ódio

Apelidada de “Lei do Facebook”, uma novidade que entrará em vigor em outubro na Alemanha exigirá que as redes sociais removam conteúdos com discurso de ódio em um prazo de 24 horas. Do contrário, os serviços serão multados em 50 milhões de euros.

Os parlamentares alemães aprovaram a nova legislação nesta sexta (30), e considera como redes sociais não somente o Facebook, mas também Twitter, YouTube e qualquer outro site que possua mais de dois milhões de usuários nativos da Alemanha.

Quando alguém denunciar um conteúdo por conter discurso de ódio, caso comprovado, terá apenas um dia para removê-lo. Já caso o conteúdo não seja flagrantemente agressivo, essa análise poderá ser feita em até sete dias.

Além da multa de 50 milhões de euros caso haja o descumprimento do prazo previsto pela nova lei, as empresas poderão, ainda, ser penalizadas em até 50 milhões de euros. Tudo vai depender de cada caso, de acordo com o que as postagens estão exibindo e da postura das empresas.

Mas já há grupos defensores da liberdade na internet se declarando contra a medida.

Esses grupos estão argumentando que o tempo para analisar um conteúdo não deve ser limitado, o que pode gerar uma onda de censura acidental, já que as redes sociais preferirão simplesmente retirar qualquer conteúdo denunciado do ar, do que se dar ao trabalho de analisar caso a caso minuciosamente.

O Facebook já se manifestou sobre o assunto, dizendo que “as melhores soluções serão encontradas quando o governo, sociedade civil e indústria trabalharem juntos”. Sobre a nova lei, a companhia de Mark Zuckerberg declarou que “essa lei, colocada como está, não vai melhorar os esforços para combater esse importante problema social”.

A empresa dona da maior rede social do mundo também disse acreditar “que a alta de escrutínio e de consulta não fazem justiça à importância desse assunto”, explicando que continuarão “fazendo tudo o que podemos para garantir a segurança para as pessoas em nossa plataforma”.

Contudo, o ministro da Justiça da Alemanha crê que, sem uma punição severa, as empresas como o Facebook não se comprometeriam tanto quanto é necessário para coibir discursos de ódio em suas redes.

“A experiência mostrou que, sem pressão política, os grandes operadores das plataformas não cumprirão suas obrigações, e essa lei é imperativa”. Nos últimos dois anos, os crimes de ódio aumentaram em quase 300% na rede somente no país europeu.

A nova lei surge depois que o governo alemão criticou a postura das redes sociais quanto às suas posturas com relação à remoção de publicações odiosas, sendo que, em 2016, Facebook, Twitter e YouTube já haviam fechado um acordo para retirar do ar dentro de 24 horas publicações com esse teor, desde que infringissem o Código Penal da Alemanha.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Arqueólogos encontram o que seria o túmulo de Rômulo, fundador de Roma

A descoberta é considerada "excepcional" pelos arqueólogos. O que poderia ser o túmulo de Rômulo (Romulus), o rei fundador de Roma, foi apresentado ao público pela primeira vez nesta sexta-feira (21), trazendo à tona uma …

Venezuela pede investigação do aeroporto de Lisboa em caso de tráfico de drogas

Polícia prendeu duas pessoas em Caracas, envolvidas em envio quinzenal de drogas para Portugal. Segundo autoridades venezuelanas, o transporte era feito em voos da TAP e o aeroporto de Lisboa foi acusado de cumplicidade. O Ministério …

Alemanha reforça medidas de segurança contra extrema direita após atentado

Após o choque do ataque racista em Hanau e pressionado por todos os lados a reagir, o governo alemão anunciou nesta sexta-feira (21) um fortalecimento da vigilância policial, especialmente em torno das mesquitas, diante de …

Tribunal autoriza Tesla a derrubar floresta nos arredores de Berlim

O Tribunal Administrativo Superior de Berlim-Brandemburgo, na Alemanha, autorizou nesta quinta-feira (20/02) a fabricante americana de carros elétricos Tesla a continuar derrubando uma floresta nos arredores de Berlim para a construção de sua primeira fábrica …

McDonald’s lança vela perfumada com ingredientes de hambúrguer

Quando você pensa que o McDonald’s já esgotou a sua cota de criatividade, eis que o marketing da franquia de restaurantes surge com as velas perfumadas com ingredientes de hambúrguer. Criadas para comemorar os 50 anos …

Câmara oculta no túmulo de Tutancâmon poderia abrigar rainha Nefertiti, revelam cientistas

Uma equipe de arqueólogos afirma ter encontrado evidências da existência de uma câmara oculta por atrás das paredes da famosa tumba de Tutancâmon, no Vale dos Reis, Egito. Essa câmara, segundo cientistas, poderia ser a …

Donald Trump critica Oscar por ter escolhido Parasita como Melhor Filme

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, não ficou nada satisfeito com a escolha de Parasita, longa sul-coreano, como vencedor do Oscar de Melhor Filme. O político disparou contra a Academia, que escolheu a produção de …

Vídeo viral de menino que sofre bullying gera onda de comoção e apoio global

Pessoas de todo o mundo se uniram em apoio a um menino australiano de nove anos depois que um vídeo mostrando sua profunda angústia por ter sofrido bullying viralizou nas redes sociais. Yarraka Bayle postou o …

Inteligência dos EUA diz que Rússia atua por reeleição de Trump

Oficiais alertam parlamentares de que Moscou vem interferindo para ajudar campanha eleitoral do presidente americano. Mídia afirma que Trump substituiu diretor de Inteligência Nacional após se irritar com a revelação. Oficiais de inteligência dos EUA alertaram …

Levantamento aponta que Brasil tem 300 mil bruxos e bruxas

De acordo com a União Wicca do Brasil (UWB), há cerca de 300 mil bruxos e bruxas no país. O Rio de Janeiro é o estado campeão em número de praticantes, somando 40 mil adeptos …