Raro amuleto islâmico com mil anos é encontrado em Jerusalém

(dr) אליהו ינאי / ארכי

Amuleto encontrado na Cidade de David, em Jerusalém

Uma equipe de arqueólogos escavava uma das áreas mais antigas de Jerusalém e encontrou um pequeno amuleto islâmico, único do tipo, com cerca de mil anos.

Segundo o jornal israelense Haaretz, o pequeno amuleto encontrado tinha como objetivo “proporcionar ao proprietário a proteção divina de Alá”. De acordo com a Autoridade das Antiguidades de Israel, o achado data do tempo do Califado Abasí, nos séculos IX a X.

O talismã contém uma inscrição em duas linhas, em árabe, que pode ser traduzida como “Kareem confia em Alá, o Senhor do Mundo é Alá“. Kareem seria provavelmente o proprietário original do talismã, diz o periódico israelense.

“O objetivo de um amuleto desse tipo é obter proteção pessoal contra o mau-olhado”, explica o professor Yiftah Shalev, arqueólogo da Autoridade das Antiguidades de Israel. Segundo o perito, as estruturas do local onde o amuleto foi achado, os fragmentos de cerâmica encontrados no local e a caligrafia da inscrição são típicos o Califado Abasí.

“As estruturas que escavamos estavam muito mal preservadas. Encontramos também utensílios de cozinha”, diz Shalev. “Parece se tratar de um complexo residencial, com uma pequena instalação industrial”.

O artefato foi encontrado durante a escavação do sítio arqueológico anteriormente conhecido como “Parque Givati”, localizado a sul do Monte do Templo, onde se acredita ter nascido a cidade. O local é considerado sagrado por judeus, cristãos e muçulmanos e um dos mais disputados do mundo.

Pela fragilidade e pequena dimensão, esse pode ser um amuleto único do gênero, afirmam os arqueólogos. A composição do artefato, de barro friável, permite supor que houvesse outros do tipo no local, que ao longo dos séculos devem ter sido destruídos.

O pequeno objeto parece ter sobrevivido intacto até os dias de hoje por se encontrar enterrado entre camadas de gesso, não sendo possível determinar, explicam os arqueólogos, se o artefato foi deliberadamente colocado no gesso durante a construção do edifício, ou se o misterioso “Kareem” simplesmente o perdeu.

A cidade de Jerusalém é habitada há pelo menos 7 mil anos. A santidade histórica do Monte do Templo, também chamado Cidade de David ou Esplanada das Mesquitas, é uma das razões pelas quais os antigos judeus e mais tarde os muçulmanos construíram no local alguns de seus principais monumentos religiosos.

Os judeus, que acreditam que esse é o local onde Deus juntou a poeira com que criou Adão e onde Abraão tentou sacrificar o filho, Isaac, construíram no local o Templo de Salomão, destruído pelos babilônios em 587 a.C. O antigo templo foi reconstruído e de novo destruído, pelos romanos, em 70 d.C.

O Monte do Templo, ou Al-Haram al-Sharif, é também sagrado para os muçulmanos, que construíram o emblemático Domo da Rocha, um dos monumentos religiosos mais importantes do Islã, no local em que Maomé teria subido ao céu.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Relatório da ONU aponta que 2020 deve ser um dos 3 anos mais quentes já registrados

A Organização Meteorológica Mundial (OMM) publicou um relatório que aponta que o ano de 2020 deve ser um dos três anos mais quentes desde o início dos registros de temperatura. O secretário-geral da OMM, Petteri Taalas, …

Documentos oficiais mostram que a China escondeu informações sobre a Covid-19

Relatórios oficiais chineses teriam sido transmitidos à rede de TV americana CNN por meio de um informador anônimo. A investigação se chama “Wuhan files” e tem como foco o começo da pandemia de Covid-19, em …

Jovem que filmou morte de George Floyd por policiais brancos ganha prêmio por bravura

A mulher que filmou o assasinato de George Floyd pelo policial Derek Chauvin vai ser condecorada com um prêmio por sua coragem. Darnella Frazier, de 17 anos, fez o registro enquanto ia com o primo …

Remédio experimental reverteu o declínio mental da idade avançada em dias

Apenas algumas doses de um medicamento experimental podem reverter o declínio relacionados à idade na memória e flexibilidade mental em ratos, de acordo com um novo estudo realizado por cientistas da UC San Francisco. A droga, …

Bebê nasce de embrião congelado há 27 anos: quase a idade da mãe

A pequena Molly Everette Gibson, de um mês, estabeleceu um novo recorde no mundo. A garotinha, filha de Tina e Ben Gibson, nasceu de um embrião que foi congelado há 27 anos e gerado por …

Covid-19: exame pioneiro mostra danos em pulmões 3 meses depois de infecção por coronavírus

A covid-19, a doença causada pelo novo coronavírus, pode estar causando anormalidades pulmonares ainda detectáveis mais de três meses após os pacientes serem infectados, revela um novo estudo. Cientistas da Universidade de Oxford, no Reino Unido, …

"Hyperloop de levitação": a próxima revolução nas viagens?

Imagine viajar para o trabalho a quase 1.000 km/h, pairando um pouco acima do solo, sem barulho de motor. Pode soar como um filme de ficção científica, mas este cenário se aproximou da realidade quando o …

OMS alerta para situação "muito preocupante" da Covid-19 no Brasil

O diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus, disse nesta segunda-feira que a situação da pandemia de Covid-19 no Brasil é "muito, muito preocupante". A declaração foi dada durante uma entrevista …

NASA detecta 150 objetos voadores não identificados orbitando a Terra

Para além de qualquer especulação vaga ou teoria da conspiração, os famosos Objetos Voadores Não-Identificados – mais conhecidos como OVNIs – são uma realidade, cada vez mais documentada e tornada publica por agências espaciais como …

Reino Unido aprova vacina da Pfizer para uso já na semana que vem

O governo do Reino Unido anunciou nesta quarta-feira (02/11) a aprovação da vacina para covid-19 produzida em parceria pela Pfizer e pela Biontech e adiantou que ela estará disponível já na próxima semana. O governo comunicou …