O arroz “esconde” um perigo para o corpo humano

O arroz, grão amplamente utilizado por todo o mundo como parte essencial da dieta alimentar humana, pode acumular grandes quantidades de arsênico e outras toxinas, a maioria das quais entra no corpo durante a digestão.

A notícia é divulgada pelo portal Eurek Alert, que cita biólogos especialistas que participaram em recente conferência da Society for Risk Analysis, em Nova Orleans, nos Estados Unidos.

Os cientistas alertam que altos níveis de chumbo, arsênico e outros elementos encontrados na água, canalizações, pratos e outros objetos domésticos e da vida cotidiana, produzem, muitas vezes, distúrbios graves no cérebro e corpo humano. Quanto ao arsênico, os especialistas apontam que a principal fonte da toxina está na água subterrânea.

Tendo em conta a contaminação significativa dessas águas, uma equipea de cientistas da Universidade de Indiana, nos EUA, decidiu estudar com os altos níveis de arsênio e outras substâncias afetam as plantações de arroz, que representam as maiores atividades de cultivo na cultura da China, Índia, assim como em outros países do sul e leste asiático. 

Para a pesquisa, os especialistas analisaram dados recolhidos por autores em 143 artigos científicos sobre o metabolismo do arsênio e seu comportamento no interior do corpo humano e em diversos alimentos. Posteriormente, selecionaram dez estudos mais detalhados sobre o tema, comparando-os com seus resultados experimentais.

Os cientistas descobriram que os grãos de arroz acumulam grandes quantidades de arsênico, que na maioria das vezes permanece na polpa sob a forma de um composto inorgânico, sem ser processado pela planta.

Em média, cerca de 70-80% do arsênico passa através da água da planta sem experimentar qualquer mudança, ou seja, uma proporção semelhante a esta entra diretamente no corpo das pessoas e animais que o ingerem.

Os cientistas esperam que, num futuro próximo, além de avaliar o conteúdo de arsênico em grãos de arroz comuns e determinar a quantidade da substância tóxica que entra no corpo, possam ainda determinar como afeta os humanos.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. É realmente preocupante. Talvez o povo que mais consuma arroz no mundo é à séculos São os chineses….. Só tem 1,5 bilhão e meio deles por aí…. E hj!
    Da pra perceber o grande “mal”que o arroz fez pra eles, estão a beira do extermínio.

  2. Verdade Renato meu pais e avós durante anos comendo arroz e ainda estão vivos com mais de 80 anos.
    Temos que tomar muito cuidado pois se continuarmos a comer muito arroz , talvez vamos passar dos 85 anos e moleee…

  3. A matéria esqueceu-se de citar que o arroz brasileiro é irrigado com água de superfície, não utilizando águas subterrâneas e, portanto, não tendo este tipo de contaminação.

  4. bife, arroz, feijão – faz mal nada
    -amanhã vou comer feijoada –
    -tenho um metro e meio e mais de cem kilos
    -obesidade mórbida –
    -mas falando sério essas matérias são mais interessantes que as de crime –
    -são mais útil, tudo o que é útil é bom – acrescenta algo na vida da gente –

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Uma cidade brasileira pode ter atingido imunidade de grupo ao Covid-19 a um terrível custo

Um surto explosivo de COVID-19 em Manaus pode ter contaminado pessoas suficientes para que a imunidade coletiva tenha se manifestado, sugerem estudos iniciais. Exames de anticorpos mostram que até dois terços da população pode ter contraído …

O raro pedido de desculpas de Kim Jong-un pela morte de sul-coreano na Coreia do Norte

O líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, divulgou um raro pedido de desculpas pessoal pelo assassinato de um cidadão sul-coreano, segundo o governo da Coreia do Sul. Kim disse a seu colega sul-coreano, Moon Jae-in, …

Esses são os preparativos finais para a NASA coletar amostras do asteroide Bennu

A NASA já iniciou a contagem regressiva para o grande momento da missão OSIRIS-REx: a coleta de amostras do asteroide Bennu, que acontecerá no dia 20 de outubro. Será uma manobra complicada para a sonda …

Trump volta a lançar dúvida sobre processo eleitoral nos EUA

Após recusar comprometimento com transição pacífica de poder, presidente americano diz não saber se é possível um pleito "honesto". Líder republicano no Senado diz que transferência de mandato presidencial será ordenada. O presidente dos EUA, Donald …

Criador do Novichok aponta falta de principais sintomas da substância em Navalny

Leonid Rink não considera convincente a evidência apresentada pela Alemanha sobre o alegado uso do Novichok contra o opositor russo, pois, se isso tivesse acontecido, os efeitos teriam sido diferentes. Podem ter sido encontrados vestígios de …

Este pode ser o 1º planeta descoberto em outra galáxia, a 23 milhões de anos-luz

Astrônomos encontraram um candidato a planeta localizado em outra galáxia, bem longe da Via Láctea, em uma região de intensa atividade caótica. Este mundo distante parece ser um pouco menor do que Saturno e orbita um …

EUA: Trump causa alvoroço ao recusar transição pacífica caso perca as eleições

Donald Trump tensionou a classe política nos Estados Unidos ao se recusar a garantir uma passagem pacífica do poder se perder a eleição presidencial dos Estados Unidos para Joe Biden, em 3 de novembro. Bastou uma …

Escolas de samba adiam desfile de Carnaval no Rio de Janeiro

A Liga Independente das Escolas de Samba do Rio de Janeiro (Liesa) decidiu adiar os desfiles das escolas de samba do grupo especial, que aconteceriam em fevereiro, devido à pandemia de covid-19. A decisão foi tomada, …

Governo brasileiro publica portaria sobre aborto retirando obrigatoriedade de informar polícia

Nova portaria publicada nesta quinta-feira (24) no Diário Oficial retira a obrigatoriedade de que a polícia seja avisada sobre a realização de abortos previstos em lei. O texto é assinado pelo ministro da Saúde, Eduardo Pazuello. …

Asteroide passa ‘raspando’ pela Terra e chega mais perto de nós do que satélites de TV

Por pouco não tivemos a ‘visita‘ de um asteroide na manhã desta quinta-feira (24). O evento era, basicamente, a cereja do bolo do que está sendo o anos de 2020. Quase! O objeto, chamado de ‘2020 …