Assassinato da atriz Daniella Perez completa 25 anos

(dv)

Daniella Perez

O final do ano de 1992 ficou marcado por uma tragédia: o assassinato de Daniella Perez, no dia 28 de dezembro, há exatos 25 anos. Filha da autora Glória Perez, ela brilhava em “De corpo e alma”, novela escrita pela mãe para o horário nobre da Globo. A atriz foi morta pelo companheiro de cena, Guilherme de Pádua, hoje pastor evangélico, e por sua então mulher, Paula Thomaz.

Aos 22 anos, Daniella era casada com o ator Raul Gazolla. Os dois se conheceram nos bastidores de “Kananga do Japão”, exibida em 1989 pela extinta TV Manchete, em que a atriz interpretava uma dançarina, atividade que também exercia na vida real.

Na Globo, ela estreou em “O dono do mundo” vivendo Yara, irmã da protagonista Stela, papel de Glória Pires. Daniella atuou ainda em “Barriga de aluguel”, de autoria de sua mãe. Logo depois, voltou à cena em “De corpo e alma”.

Após a tragédia, os autores Gilberto Braga e Leonor Bassères assumiram a novela. Uma semana após a morte da filha, Glória Perez retomou o trabalho, conduzindo a trama até o fim. No último capítulo, exibido em 5 de março de 1993, o ator Stênio Garcia leu uma emocionante carta escrita pela mãe.

Depoimento de Léo Vilhena, editor-chefe da Rede GNI

No dia do assassinato da atriz Daniela Perez, eu não estava de serviço (nessa época eu ainda estava na ativa da Polícia Civil do Rio de Janeiro). Mas fui avisado do crime pelo meu irmão e primo, ambos da Polícia Militar do Rio. O cabo foi encarregado de ir até a residência do ator Raul Gazolla para avisá-lo do crime. Como era previsível, ele entrou em profundo desespero, tendo a guarnição que ampará-lo. Ele fez questão de ir até o local do crime para ver a cena, pois não acreditava.

Ao chegar ao local do crime, tomado de profunda agonia e dor, ele foi “consolado” pelo ator Guilherme de Pádua, autor do crime brutal. Até aquele momento, não se fazia a mínima ideia do envolvimento dele no crime. Buscando informações no local do assassinato, com os moradores da região, uma moradora disse que viu um carro saindo em alta velocidade daquele local, e ela havia anotado a placa do veículo. Ao checarem a placa no sistema, os policiais que atendiam a ocorrência não podiam acreditar: o carro estava em nome de Guilherme de Pádua, que recebeu voz de prisão imediatamente, para revolta de todos os presentes no local do crime.

Os policiais que atenderam a ocorrência e os demais que chegavam inconformados (foi um crime que comoveu a opinião pública) tiveram que se controlar, pois TODOS estavam indignados e com sede de vingança contra o assassino perverso e dissimulado, Guilherme de Pádua. Ele se diz arrependido e até virou pastor recentemente, mas nada disso vai trazer a Dani de volta.

Ciberia // GNI

COMPARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Limitar aquecimento global a 1,5ºC exige redução drástica de gases poluentes, mostra relatório

Manter a temperatura da Terra a 1,5°C será impossível sem uma redução massiva das emissões de gases poluentes. É o que mostra um novo relatório divulgado pela ONU nesta quinta-feira (16). O documento "United …

Alemanha libera entrada para brasileiros que apresentem teste negativo

A Alemanha vai deixar de considerar o Brasil como área de alto risco na pandemia do novo coronavírus a partir deste domingo, anunciou nesta sexta-feira (17/09) o Instituto Robert Koch (RKI), a agência governamental alemã …

Assembleia-Geral da ONU: exigência de vacina ainda não está decidida, mas é improvável que Bolsonaro seja barrado

Perdeu força a possibilidade de que líderes de países tenham que comprovar que se vacinaram contra a covid-19 para participar da 76ª Assembleia-Geral da Organização das Nações Unidas (ONU), que acontece na semana que vem …

Submarinos: França perde o "contrato do século" para a Austrália, que opta por EUA e Reino Unido

O jornal econômico Les Echos estampa em sua primeira página desta quinta-feira (16) uma notícia, ainda no condicional, que se concretizaria durante a madrugada: "A Austrália desiste de uma encomenda de 12 submarinos franceses …

VSR: o pouco conhecido vírus que se espalha entre crianças no mundo e também no Brasil

No início de 2021, a equipe do Hospital Infantil de Maimonides, no Brooklyn, em Nova York (EUA), começou a experimentar uma cautelosa sensação de alívio. Os casos de covid-19 na cidade estavam em queda. Como …

Com popularidade em queda, premiê britânico Boris Johnson reforma equipe de governo

Após semanas de boatos, o primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, decidiu modificar o governo nesta quarta-feira para formar uma "equipe unida" e enfrentar os desafios depois de um ano e meio de pandemia e em …

Relatório lista mais de uma dezena de crimes atribuídos a Bolsonaro

Um grupo de juristas liderados pelo ex-ministro da Justiça Miguel Reale Júnior entregou nesta terça-feira (14/09) à CPI da Pandemia um relatório de 226 páginas com possíveis crimes cometidos pelo presidente Jair Bolsonaro durante a …

Simulação virtual mais realista de sempre do Universo é revelada

Um dos aspectos mais incríveis da simulação é que mostra a evolução da matéria durante praticamente os 13,8 bilhões de anos de história do Universo, desde o Big Bang até a atualidade. Uma equipe internacional de …

Asteroide que dizimou dinossauros determinou sucesso das cobras, aponta estudo

As cobras devem seu sucesso na Terra, em parte, ao asteroide que atingiu o planeta há 66 milhões de anos e levou à extinção dos dinossauros, de acordo com um estudo publicado nesta terça-feira (14/9) …

“Abandonados pelo resto do mundo”: África vacinou apenas cerca de 3% da população contra a Covid

As autoridades alertam para os baixos índices de vacinação contra a Covid-19 no continente africano. Segundo dados divulgados nesta terça-feira, cerca de 3,5% da população foi totalmente imunizada contra o coronavírus. O balanço foi anunciado …