Assessora sugere que Trump foi espionado com microondas

Gage Skidmore / Flickr

A conselheira do presidente dos Estados Unidos Donald Trump, Kellyanne Conway

A conselheira do presidente dos Estados Unidos Donald Trump, Kellyanne Conway

A conselheira do presidente Donald Trump, Kellyanne Conway, sugeriu ontem que seu chefe teria sido espionado através de telefones, televisores e, inclusive, um aparelho de microondas, mas voltou atrás em seus comentários nesta segunda-feira e admitiu que não tem provas sobre a suposta espionagem.

“Não sou o ‘Inspetor Bugiganga’. Não acredito que as pessoas usassem um microondas para espionar a campanha Trump”, disse hoje Kellyanne Conway em uma entrevista à rede de televisão “CNN”.

A conselheira, uma das assessoras mais próximas do presidente norte-americano, desencadeou a polêmica neste domingo ao dizer que a campanha de Donald Trump tinha sido espionada de “muitas maneiras”.

“Havia um artigo esta semana sobre como se pode supervisionar as pessoas através de seus telefones, televisores e, claro, de muitas outras maneiras. Por exemplo, os microondas que se transformam em câmeras, etc. Sabemos que isto é um fato da vida moderna”, afirmou Conway em entrevista ao jornal “The Bergen Record”.

A assessora aparentemente fez referência aos vazamentos do site Wikileaks para responder a uma pergunta sobre as denúncias que Trump fez contra seu antecessor, Barack Obama, a quem acusou, sem provas, de ter ordenado que suas conversas na Trump Tower, em Nova York, fossem gravadas durante a campanha.

O site Wikileaks, dirigido por Julian Assange, vazou na semana passada milhares de documentos que descrevem um suposto programa secreto de “hacking” da agência de inteligência americana CIA destinado a invadir, através de um sofisticado software, telefones inteligentes e computadores conectados à internet.

O Wikileaks afirmou que a CIA espionou cidadãos estrangeiros através de smartphones e até televisores Samsung, supostamente transformados em microfones.

Apesar de Conway aparentemente ter feito referência a esse tipo de espionagem, ela comentou hoje no Twitter que seus comentários tinham sido tirados de contexto pela imprensa.

“A resposta que dei ao Bergen Record era sobre os artigos de espionagem nas notícias e as técnicas utilizadas de maneira geral, não sobre a campanha. A manchete estava ruim”, disse.

Atualmente, o FBI e os comitês de inteligência do Senado e da Câmara dos Representantes estão investigando a suposta ingerência do governo russo nas eleições de novembro para prejudicar com ataques cibernéticos a então candidata democrata, Hillary Clinton, e favorecer Trump.

Após suas acusações contra Obama, Trump pediu ao Congresso que analise também qualquer possível vigilância ordenada por Obama, como parte de sua investigação sobre a intervenção da Rússia no pleito.

// EFE

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Fortnite dá desconto por fora, é banido pela Apple e caso vai parar na justiça

A Epic está processando a Apple pela retirada de Fornite da App Store. Após um embate jurídico entre as duas companhias, o jogo foi bloqueado na loja do iOS, criando reação imediata da desenvolvedora. A história, …

Com 1000 anos, maior cidade pré-colombiana da região dos EUA fica sob a cidade St Louis

Por mais que tenhamos sido ensinados que a história do continente americano começa pela chegada por aqui dos navegadores europeus – e o próprio nome de tal território sublinha essa recorrente doutrinação – o fato …

Asteroide Psyche poderia ser núcleo de planeta que não se formou, dizem cientistas

Cientistas examinaram um asteroide que deve ser visitado por uma missão da NASA em 2022, encontrando provas que suas propriedades atraíram sucessão de outros asteroides. Após realizar diversas simulações em 2D e 3D usando um supercomputador, …

Essa “formiga-diabo” pré-histórica ataca sua presa há 99 milhões de anos

Uma linhagem extinta há tempos, nomeada afetuosamente de “formiga do inferno” ou “formiga-diabo”, foi encontrada presa em âmbar há 99 milhões de anos atrás, com sua mandíbula em formato de foice agarrada firme na presa. No …

Mataram um crocodilo de meia tonelada e 4,5 metros depois de 50 anos de perseguição

Notícia triste para quem luta pela preservação do meio ambiente. Conhecido como Demônio, um crocodilo de meia tonelada e 4,5 metros, que segundo moradores aterrorizava vilarejos na ilhas Bangka Belitung (Indonésia), foi morto na semana …

China diz que encontrou traços de coronavírus em frango brasileiro

Carga de asas de frango que chegou a Shenzhen, no sul do país asiático, foi confiscada. Funcionários da alfândega que entraram em contato com alimentos foram testados, mas exames deram negativo. Traços do novo coronavírus foram …

Vacinação em SP começa em janeiro, segundo diretor do Butantan

Com a pandemia, inúmeras empresas estão dedicadas ao desenvolvimento de uma vacina que possa ajudar na luta contra a COVID-19. Nesta quarta-feira (12), o diretor do Instituto Butantan, Dimas Tadeu Covas, afirmou que o estado …

Descoberto "Stonehenge de madeira" de 4.500 anos em Portugal

A estrutura de madeira achada é a "única na pré-história da Península Ibérica", explicou o arqueólogo que lidera as escavações. Durante uma escavação no sítio arqueológico de Perdigões, arqueólogos descobriram uma estrutura para fins cerimoniais de …

Coronavírus reaparece na "protegida" Nova Zelândia e gera alerta

A detecção de quatro casos de transmissão local do novo coronavírus, depois de mais de 100 dias sem o vírus, levou as autoridades da Nova Zelândia a restaurar a quarentena em Auckland, cidade mais populosa …

Viagem aos anos 90: Airbnb abrirá reservas para pernoites na última Blockbuster

Quem viveu o boom das locadoras nos anos 90 sabe que ir até uma Blockbuster ou redes semelhantes de VHS e DVDs era um verdadeiro programa de final de semana: a experiência de assistir a …