Biblioteca Pública de NY coloca clássicos no Stories do Instagram de forma integral

FTC

A ideia do projeto ‘Instanovels’ é tornar os livros acessíveis ao maior número de pessoas e revolucionar a forma como lidamos com as redes sociais

Não há dúvidas de que as redes sociais são ferramentas poderosas no mundo globalizado. Hoje em dia a presença digital é muito forte e se faz necessária não apenas para pessoas comuns, mas também – e principalmente – para marcas e empresas.

Quem souber usufruir das redes sociais para falar com o seu público já está muito à frente daqueles que não fazem isso.

Um exemplo muito interessante é o investimento feito pela Biblioteca Pública de Nova Iorque no Instagram. A biblioteca passou a usar os mecanismos disponíveis na rede social para incentivar o hábito da leitura nas pessoas, mesmo pela internet. Assim, foi lançada a série InstaNovels, com o intuito de divulgar integralmente alguns títulos para leitura.

O primeiro livro escolhido foi “Alice no País das Maravilhas”, de Lewis Carroll. Usando recursos como ilustrações, feitas por Magoz, e páginas animadas, a obra está salva nos stories da NYPL e pode ser acessada a qualquer momento. Em um primeiro momento foram divulgados seis dos doze capítulos do livro e posteriormente, o outros seis.

O projeto é realmente inovador e muito bem feito. E é claro, há muito estudo por trás de tudo para captar a atenção dos usuários.

Por exemplo, a fonte usada para os textos é a Georgia, que segundo o site da biblioteca de NY, foi uma das primeiras fontes serifadas projetadas para telas, para fazer com que textos mais longos se tornassem mais agradáveis de se ler.

Outro recurso muito legal é um pequeno espaço deixado em cada página onde o leitor pode descansar o dedo. Segurar a tela é importante nos stories para ler textos longos ou olhar uma imagem mais detalhadamente, já que essa ação “congela” a tela, permitindo que a pessoa veja o conteúdo com mais tempo do que os poucos segundos que o Instagram determina.

Assim também parece que o leitor está segurando a página do livro, como fazemos com o volume físico. Um último recurso que pretende aproximar a experiência de leitura digital da leitura física é em relação às páginas. O tom de branco escolhido para o fundo da tela é mais caloroso, o que cansa menos o olhar.

FTC

“Esse projeto está alinhado com a missão da Biblioteca de tornar o conhecimento do mundo acessível a todos”, disse Carrie Welch, chefe de Relações Externas da NYPL.

“É muito conveniente que uma das obras que estamos usando seja A Metamorfose, porque em colaboração com a agência Mother, nós estamos transformando completamente o modo como as pessoas olham para essa popular rede social e estamos reimaginando a maneira com que as pessoas têm acesso aos clássicos da literatura”, acrescentou Welch.

Após “Alice no País das Maravilhas”, as próximas obras previstas para serem digitalizadas e publicadas no Instagram são “O papel de parede amarelo,” uma pequena história de Charlotte Perkins Gilman, que será ilustrado por Buck, e “A Metamorfose”, de Franz Kafka, ilustrado por César Pelizer. Todos esses projetos são feitos em parceria da NYPL com a agência Mother in New York.

Se você adora leitura online, não deixe de baixar o aplicativo SimplyE, projetado pela Biblioteca Pública de Nova Iorque. Com ele, é possível baixar milhares de títulos de domínio público e ter acesso a boas leituras!

E não deixe de acompanhar esse projeto incrível seguindo a página da NYPL e lendo os InstaNovels no Instagram. Aproveita e compartilha com os amigos e familiares!

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Sobreviventes retornam a Auschwitz nos 75 anos da libertação

Autoridades de 50 países participam da solenidade no antigo campo de concentração na Polônia, em meio a temores pelo aumento do antissemitismo. "Precisamos tomar cuidado para que não volte a acontecer", diz sobrevivente. Mais de 200 …

Por que cientistas querem tanto provar que Einstein e Galileu estavam errados

Ano entra, ano sai, e tanto a lei dos corpos em queda de Galileu Galilei quanto a teoria da relatividade de Albert Einstein são testadas novamente apenas para os pesquisadores confirmarem pela enésima vez que …

Morreu Kobe Bryant, um dos maiores astros da NBA

Neste domingo (26), o astro do basquete norte-americano, Kobe Bryant, faleceu em acidente de helicóptero, na cidade de Los Angeles, nos EUA. Autoridades e testemunhas levantam as primeiras hipóteses sobre a causa da queda. O lendário …

Coronavírus terá impacto no PIB chinês e na economia global

A nova epidemia de coronavírus é um balde de água fria na cabeça do mundo. A começar pelos chineses. Em 2003, o último vírus mortal se propagando pelo mundo inteiro – o SARS – …

Abelhas adoram cannabis e este caso de amor pode ajudar a salvar a espécie

Consideradas os seres vivos mais importantes do planeta, as abelhas são animais insubstituíveis, dos quais dependemos para viver. No entanto, nas últimas décadas, devido ao aquecimento global e o uso execessivo de pesticidas, elas estão …

Cientistas finalmente descobriram como capturar o espectro todo da luz solar para gerar hidrogênio

Pela primeira vez, cientistas da Universidade Estadual de Ohio (EUA) desenvolveram uma molécula que é capaz de coletar a energia de todo o espectro da luz solar. O processo, 50% mais eficiente que as atuais …

Você agora pode ouvir a voz de uma múmia de 3 mil anos

Com uso de tomografia computadorizada, impressão 3D e laringe eletrônica, pesquisadores do Reino Unido reconstruíram o trato vocal de uma múmia egípcia. Para a realização do projeto que teve início em 2013, foi preciso combinar medicina, …

Krakatoa, o inferno de Java: a erupção há 137 anos que foi sentida no planeta inteiro

Em 1883, o mundo presenciou um evento natural tão bombástico e violento que pôde ser notado de alguma forma por praticamente todos os habitantes do planeta. A erupção do vulcão Krakatoa, na Indonésia, lançou detritos a …

Educação e confiança fazem da Dinamarca país menos corrupto do mundo

Imagine poder almoçar tranquilamente num restaurante ou fazer compras enquanto deixa o seu bebê no carrinho, estacionado do lado de fora na calçada. Essa cena, que faz parte do cotidiano dos dinamarqueses, só é …

Brasil adianta ponteiros do Relógio do Juízo Final

O Relógio do Juízo Final teve seus ponteiros ajustados nesta quinta-feira (23/01) para a marca de apenas 100 segundos para a meia-noite, simbolizando o maior perigo para a humanidade registrado desde criação do dispositivo em …