Bitcoin: A bolha ‘estourou’ e vai gerar milhões de perdas?

Esse foi um ano e tanto para as criptomoedas. O bitcoin começou 2017 valendo menos de US$ 1 mil (aproximadamente R$ 3,3 mil) e, em dezembro, quase ultrapassou US$ 20 mil em meio a dois meses de grande flutuação.

Durante toda a curva de ascensão do preço da moeda, céticos previram que a bolha iria estourar – e, há duas semanas, parecia que isso estava de fato ocorrendo.

O preço da moeda caiu até quase US$ 13 mil – e passou a flutuar neste patamar. Na sexta, abriu o dia em US$ 14,4 mil e fechou em US$ 13,3 mil. As mudanças têm acontecido com tanta velocidade que qualquer artigo ou matéria sobre a flutuação ficam velhos cinco minutos depois de serem escritos.

O que é preocupante é que parece que estamos no estágio comum em bolhas econômicas em que as pessoas entram na onda de forma impulsiva, sem pensar muito, com pouco conhecimento sobre como o bitcoin funciona e sobre os riscos envolvidos.

Na rede social Reddit, na semana passada, várias pessoas de repente estavam se dando conta de que mercados também podem cair.

“Discuti com minha esposa durante meses para comprar”, escreveu um homem, logo depois de uma queda brusca no preço. “Finalmente consegui comprar um, quando estava a US$ 19,4 mil…”, revelou, soltando um palavrão em seguida.

Essas flutuações violentas no valor do bitcoin estão deixando cada vez mais evidente que não se trata realmente de uma moeda – existem pouquíssimos lugares que o aceitam e ninguém quer gastar uma moeda que pode valer muito mais no dia seguinte.

Agora, a sensação é de que o mercado não vai aguentar a pressão com o alvoroço se espalhando do bitcoin para outras “moedas” virtuais e para a tecnologia que as torna possível – a chamada blockchain.

Essa semana, a empresa de bebidas Long Island Iced Tea viu suas ações subirem mais de 400% depois de mudar seu nome para Long Blockchain – prova de que esse frenesi das criptomoedas está atingindo uma velocidade terminal.

Essa é a visão, por exemplo, de David Gerard, que escreveu o livro Attack of the 50 Foot Blockchain e desconstruiu o fenômeno todo de forma muito convincente. Sua preocupação é com as pessoas que entraram na onda no último momento.

É assim que as bolhas econômicas funcionam. Pessoas compram porque outros estão comprando e assumem que podem vender e ficar ricos. Quando a bolha estourar – e é quando, não se” – será um desastre para muitas pessoas.”

Uma preocupação é com o momento em que, ao tentar liquidar seus ativos, a saída esteja bloqueada. E se a corrida para vender continuar, existe uma boa chance do sistema entrar em colapso.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Protestos pelo mundo pedem ações contra mudanças climáticas

Manifestações iniciadas pelo movimento Greve pelo Futuro ocorrem em mais de 150 países, inclusive no Brasil. Na Austrália, 300 mil pessoas saíram às ruas. Greta Thunberg lidera manifestações em Nova York. Manifestações pedindo ações políticas concretas …

Tiroteio deixa morto e vários feridos em Washington

Uma pessoa morreu e várias outras ficaram feridas em um tiroteio ocorrido na noite desta quinta-feira nas ruas de Washington, D.C., conforme relatou a imprensa local. Até o momento, são poucas as informações disponíveis sobre o …

Nada de ETs: escurecimento da estrela mais estranha da galáxia poderia ter outra explicação

Astrofísicos teriam desvendado misterioso escurecimento da estrela de Tabby após levantarem hipótese de ação alienígena e de cometas. Trata-se da estrela mais estranha da Via Láctea. Desde o fim do século XIX, a estrela de Tabby …

Ex-ditador da Tunísia Ben Ali morre aos 83 anos na Arábia Saudita

O ex-presidente da Tunísia Zine Ben Ali, 83 anos, morreu nesta quinta-feira. Ben Ali sofria de câncer e estava hospitalizado há uma semana, informou seu advogado Mounir Ben Salha. O ex-ditador tunisiano vivia exilado em Jeddah …

A luta pela vida de bebê com doença rara que recebeu doações de quase 1 em cada 10 belgas

Quase um em cada dez belgas colaborou com a campanha de um casal para arrecadar 1,9 milhão de euros (cerca de R$ 8,6 milhões) e salvar a vida de seu bebê. Pia, de nove meses, tem …

Fukushima: absolvidos três ex-dirigentes da empresa Tepco

Três ex-dirigentes da empresa Tepco foram absolvidos nesta quinta-feira (19), por um tribunal de Tóquio, que determinou que não podem ser considerados culpados pelas consequências da catástrofe nuclear ocorrida em Fukushima em 2011, após um …

Israel vive impasse político após eleição sem vencedor claro

Resultado oficial confirma que nenhum partido conseguiu obter maioria e indica cenário complicado para a formação de coalizões estáveis. Proposta de governo de unidade nacional levanta dúvidas sobre futuro de Netanyahu. Um dia após as eleições …

Rússia e China criarão frota de satélites que darão Internet rápida à Terra

Em projeto conjunto, Rússia e China irão desenvolver uma frota de satélites que deverá fornecer Internet rápida ao nosso planeta. A notícia foi dada pelo vice-premiê russo, Maksim Akimov, durante fala a jornalistas. De acordo com …

Vídeos de OVNIs são reais, afirma Marinha dos EUA

Os três vídeos feitos pelos militares dos EUA, que mostram imagens de “fenômeno aéreo não identificado”, são verdadeiros, de acordo com declarações da Marinha do país obtidas pelo The Black Vault, um site dedicado a …

DNA preservado em museu ajuda a identificar maior anfíbio do mundo

Um anfíbio recém-identificado é possivelmente o maior do planeta. Pesquisadores chegaram a essa conclusão com o auxílio do DNA coletado em um espécime que está preservado em um museu. Atingindo quase dois metros de comprimento, a …