O polêmico experimento com células humanas cultivadas em embriões de macaco

Embriões de macaco contendo células humanas foram feitos em um laboratório. A pesquisa, feita por uma equipe de pesquisadores dos Estados Unidos e da China, gerou um novo debate sobre a ética de tais experimentos.

Os cientistas injetaram células-tronco humanas (células que têm a capacidade de se desenvolver em muitos tecidos diferentes do corpo) em embriões de macacos.

Os embriões em desenvolvimento foram estudados por até 20 dias.

Outros chamados embriões de espécies mistas, ou quimeras, foram produzidos no passado, com células humanas implantadas em embriões de ovelhas e porcos.

A equipe de cientistas foi liderada pelo professor Juan Carlos Izpisua Belmonte, do Salk Institute, dos Estados Unidos, que, em 2017, ajudou a fazer o primeiro híbrido humano-porco.

O trabalho pode abrir caminho para lidar com a grave escassez de órgãos transplantáveis, além de ajudar a entender mais sobre o desenvolvimento humano inicial, a progressão de doenças e o envelhecimento, disse ele.

“Essas abordagens quiméricas podem ser realmente muito úteis para o avanço da pesquisa biomédica não apenas nos primeiros estágios da vida, mas também no último estágio.”

Ele afirmou que o estudo, publicado na revista Cell, atendeu às normas éticas e legais vigentes.

“Em última análise, conduzimos esses estudos para compreender e melhorar a saúde humana”, disse ele.

‘Desafios éticos’

Alguns cientistas, no entanto, levantaram preocupações sobre o experimento, argumentando que embora os embriões neste caso tenham sido destruídos em 20 dias, outros poderiam tentar levar o trabalho adiante.

Eles estão pedindo um debate público sobre as implicações da criação de quimeras com parte humana e parte não humana.

Anna Smajdor, palestrante e pesquisadora em ética biomédica na Escola de Medicina de Norwich da Universidade de East Anglia, disse, comentando sobre a pesquisa, que ela apresenta “desafios éticos e legais significativos”.

Ela acrescentou: “Os cientistas responsáveis por esta pesquisa afirmam que esses embriões quiméricos oferecem novas oportunidades, porque ‘não somos capazes de conduzir certos tipos de experimentos em humanos’. Mas se esses embriões são humanos ou não é uma questão em aberto.”

Julian Savulescu, da Universidade de Oxford, disse que a pesquisa “abre a caixa de Pandora para quimeras humanas e não-humanas”.

“Esses embriões foram destruídos em 20 dias de desenvolvimento, mas é apenas uma questão de tempo antes que as quimeras humano e não humanas sejam desenvolvidas com sucesso, talvez como uma fonte de órgãos para os humanos. Esse é um dos objetivos de longo prazo desta pesquisa”, acrescentou Savulescu.

Sarah Norcross, diretora do Progress Educational Trust, disse que “avanços substanciais” estão sendo feitos na pesquisa de embriões e células-tronco, que podem trazer benefícios igualmente substanciais, mas aponta que “há uma clara necessidade de discussão pública e debate sobre as questões éticas e desafios regulatórios levantados”.

// BBC

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Estudo de terapia com MDMA é tão poderoso que 67% dos voluntários foram curados de trauma

Um teste clínico em humanos inovador alcançou resultados extremamente estatisticamente significativos e uma excelente taxa de segurança, demonstrando que a terapia psicodélica assistida por MDMA pode ser um tratamento eficaz para transtorno de estresse pós-traumático …

Bolsonaro diz que pessoas que cumprem isolamento são "idiotas"

Presidente critica apelos para que brasileiros restrinjam os contatos sociais em meio à pandemia, que já provocou 435 mil mortes no país. "Tem alguns idiotas que até hoje ficam em casa", diz. O Presidente Jair Bolsonaro …

EUA vão fornecer 20 milhões de vacinas contra Covid-19 para outros países

Os Estados Unidos fornecerão 20 milhões de doses adicionais de vacinas contra a Covid-19 para outros países até o final de junho, elevando o total destinado ao exterior para 80 milhões de doses. O …

Demi Lovato vai comandar programa de TV investigativo sobre OVNIs

A atriz e cantora Demi Lovato está prestes a se aventurar em um desafio de outro mundo. A artista anunciou na última semana a sua participação em uma série limitada para a plataforma de streaming …

CPI da Covid: como 'isolamento vertical' pode virar arma contra Bolsonaro

Uma das linhas de investigação da CPI da Covid apura se o governo federal adotou a estratégia da imunidade de rebanho, ou seja, a obtenção da imunidade coletiva por meio da infecção da população, no …

Astrônomos continuam encontrando inexplicáveis anéis circulares misteriosos no céu

Nos últimos anos, astrônomos avistaram vários objetos de rádio gigantescos e quase perfeitamente circulares no universo distante. Embora ninguém tenha uma explicação para essas entidades misteriosas ainda, uma equipe adicionou recentemente outra ao seu catálogo, …

Conflito tem seu dia mais sangrento em Gaza

Bombardeios israelenses deixam pelo menos 42 palestinos mortos e elevam total de vítimas a 188. Netanyahu diz que ataques continuarão. Sem um cessar-fogo à vista, o atual conflito entre Israel e Hamas teve neste domingo (16/05) …

Apple é acusada de enganar usuários através de aplicativos fraudulentos na App Store

A Apple segue batendo recordes financeiros. No entanto, escândalos um atrás do outro aumentam a preocupação em torno da App Store. Após chamar a atenção internacional com as recentes revelações sobre a existência de cassinos ocultos …

Chile escolhe representantes para elaborar nova Constituição

O domingo foi o último dia de votação no Chile para a escolha dos redatores da nova Constituição do país. Os 155 representantes eleitos terão a tarefa de mudar o texto herdado da ditadura. …

China consegue pousar veículo não tripulado em Marte

A China conseguiu neste sábado pousar um veículo autônomo não tripulado em Marte. A fase final da operação Tianwen-1 aconteceu sem falhas, informou a TV estatal chinesa, que transmitiu um programa especial chamado Alo …