Congressista abre processo de impeachment contra Donald Trump

BrookingsInst / Flickr

O congressista californiano Brad Sherman (DEM)

O congressista californiano Brad Sherman (DEM)

Um congressista democrata, eleito pelo Estado da Califórnia, apresentou nesta quarta-feira (12) a primeira iniciativa legal com vista ao impeachment de Donald Trump da presidência dos EUA.

O congressista californiano Brad Sherman, membro da Câmara dos Representantes, acusa o presidente norte-americano Donald Trump de obstruir as investigações sobre a interferência da Federação Russa nas eleições presidenciais de 2016, em parte por demitir o então diretor do FBI, James Comey.

Brad Sherman reconheceu que a moção de impeachment, designada formalmente como artigo para a destituição e consistente em uma série de acusações, “é o primeiro passo em uma estrada muito comprida”.

Mas, em comunicado, Sherman se manifestou esperançado de que, “se a incompetência impulsiva continuar, então, eventualmente, dentro de muitos, muitos meses, os republicanos vão se juntar ao esforço para a destituição”.

O esforço tem poucas possibilidades de êxito na Câmara dos Representantes, dominada pelo partido republicano.

Sherman nem sequer tem o apoio de muitos dos seus correligionários democratas. Os próprios líderes dos democratas têm se distanciado dos esforços para destituir Trump, acreditando que apenas servem para estimular os apoiadores do presidente.

A resolução de Brad Sherman conta, no entanto, com o apoio do representante democrata eleito pelo Estado do Texas, Al Green.

Sherman entregou o documento um dia depois de Donald Trump Jr., o filho do presidente, ter admitido que se reuniu com uma advogada russa durante a campanha. A advogada prometeu informação do governo russo prejudicial para a então candidata presidencial democrata Hillary Clinton.

Trump Jr. garantiu que não recebeu informação sobre Clinton durante a reunião. O presidente, por seu turno, tem questionado os seus próprios serviços de informações e recusado a tese da interferência russa nas eleições.

Impeachment nos EUA

Nos Estados Unidos, o processo de impeachment é instaurado por denúncia no Congresso para apurar a responsabilidade por grave delito ou má conduta no exercício de funções de estado, cabendo ao Senado, se procedente a acusação, aplicar ao infrator a pena de destituição do cargo.

Até agora, apenas um presidente norte-americano foi afastado do seu cargo por impeachment: Andrew Johnson, 17º Presidente dos Estados Unidos, destituído em 1868 por violar a Tenure of Office Act, lei federal destinada a impedir o presidente de exonerar certos titulares de cargos públicos sem aprovação do Senado.

Em 1974, Richard Nixon, 37º presidente do país, renunciou ao cargo para evitar a destituição pelo seu envolvimento no escândalo Watergate.

Em 1999, o 42º presidente americano, Bill Clinton, foi alvo de um processo de impeachment por falso testemunho em um escândalo sexual a estagiária Monica Lewinsky, mas o processo de impugnação foi arquivado pelo Congresso norte-americano.

shermanforcongress / Flickr

O congressista Brad Sherman com o ex-presidente norte-americano Bill Clinton, o último a ser alvo de um processo de impeachment

O congressista Brad Sherman com o ex-presidente norte-americano Bill Clinton, o último a ser alvo de um processo de impeachment

// ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Astrônomos encontram "embrião" de planeta em formação a 330 anos-luz da Terra

Uma equipe de astrônomos encontrou algo que parece ser um planeta embrionário, girando em torno de sua estrela, bem pertinho dela, completando uma volta a cada mês. A estrela em questão é a HD 163296, que …

Físico propõe mega-satélite povoado por humanos orbitando Ceres

O físico Pekka Janhunen, do Instituto Meteorológico Finlandês, desenvolveu uma nova ideia para colonizar um lugar diferente da Terra, e não é a lua ou Marte. Em vez disso, Janhunen está sugerindo em um artigo publicado …

Biden promete "esforço de guerra" contra covid-19

O novo presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, divulgou nesta quinta-feira (21/01) o plano de resposta de seu governo à pandemia de covid-19, que inclui dez decretos. A estratégia amplia iniciativas que já haviam sido antecipadas …

'Não teremos escolha': Google adverte que pode bloquear seu mecanismo de busca na Austrália

Governo australiano trabalha em uma nova lei que deve governar as relações entre os meios de comunicação e as gigantes que dominam a Internet, entre as quais se destacam Google e Facebook. O Google anunciou nesta …

UE restringe viagens não essenciais, mas mantêm fronteiras internas abertas

Diante da inquietante propagação das variantes do coronavírus e a explosão de novos casos de contaminação no continente, líderes europeus, reunidos por videoconferência nesta quinta-feira, decidiram restringir as viagens não essenciais para os países …

‘Bridgerton’ abre debate sobre avó negra de rainha Elizabeth que Windsor prefere esconder

Disponível desde dezembro de 2020, a série Bridgerton, da Netflix, apresentou uma intérprete negra para viver a rainha Charlotte (1744 – 1818), a avó da rainha Elizabeth (1900 – 2002). Apesar da falta de consenso geral …

"Raios" azuis misteriosos podem ser mais comuns do que os cientistas pensavam

Entre os vários fenômenos climáticos que existem, os raios continuam enigmáticos para nós: embora tempestades não sejam tão raras, ainda não entendemos completamente as descargas elétricas geradas no céu — muito menos aquelas apelidadas de …

Dono de cachorro machucado gasta R$ 2.200 para descobrir que o bicho estava imitando o dono por solidariedade

De vez em quando, nossos amados animais de estimação provam ser ainda mais doces e solidários do que muitas pessoas. Conheça Bill — um lurcher de Londres que está imitando a mancada de seu dono …

Minas Gerais é uma das 10 regiões mais acolhedoras do mundo: ranking

Minas Gerais está entre as 10 regiões mais acolhedoras do mundo. É que diz a eleição do Traveller Review Awards 2021, que incluiu pela primeira vez uma localidade brasileira no ranking internacional divulgado todo ano. Minas …

Manaus suspende campanha de vacinação contra covid-19

Segundo prefeitura, medida visa redefinir a prioridade dentro de grupo que deve receber primeiras doses. Paralisação temporária ocorre em meio a suspeitas de desvios do imunizante para parentes de empresários. A vacinação contra a covid-19 foi …