COVID-19 estaria afetando os sonhos das pessoas e causando “pesadelos coletivos”

O ano de 2020 não está sendo fácil. Além dos problemas de saúde relacionados ao novo coronavírus (SARS-CoV-2), o mundo enfrenta incertezas econômicas e financeiras.

Nesse cenário “estranho”, pesquisadores na Finlândia investigaram — com ajuda da Inteligência Artificial (IA) — os sonhos em plena pandemia da COVID-19 e descobriram relações diretas da situação com pesadelos.

Em artigo publicado na revista Frontiers in Psychology, cientistas descrevem como foi possível analisar e classificar o conteúdo dos sonhos de cerca de mil pessoas. A partir desse levantamento, a equipe de pesquisadores observou que situações relacionadas à COVID-19 estavam presentes em mais da metade dos pesadelos relatados.

Sonhos e a COVID-19

Os pesquisadores coletaram dados de sono e estresse de mais de quatro mil pessoas durante a sexta semana de lockdown na Finlândia. Desse total, cerca de 800 entrevistados também compartilharam informações sobre o conteúdo de seus sonhos durante aquele período, como situações que “viveram” durante à noite.

“Ficamos impressionados em observar associações repetidas de conteúdo, presente em sonhos, entre indivíduos que refletiam o ambiente apocalíptico do lockdown imposto pela COVID-19″, explica a autora principal do estudo e pesquisadora da Universidade de Helsinque, Anu Katriina Pesonen.

“Os resultados nos permitiram especular que os sonhos em circunstâncias extremas revelam imagens visuais compartilhadas e traços de memória e, dessa forma, os sonhos podem indicar alguma forma de visão mental compartilhada entre os indivíduos“, comenta Pesonen sobre os resultados. “A ideia de uma imagem compartilhada refletida nos sonhos é intrigante”, acrescenta.

Pesquisa sobre lockdown da COVID-19

Para a pesquisa, o grupo de pesquisadores transcreveu o conteúdo de cada sonho em uma lista de palavras e esses tópicos alimentaram um algoritmo de IA, que buscava por associações de palavras que apareciam com maior frequência. A partir das “partículas menores do sonho” — trechos, e não o sonho inteiro —, foi construído um banco com aglomerados de dados oníricos.

Conforme relatado, foram identificados que 33 grupos de sonhos ou temas emergiram. Desse total, 20 deles foram classificados como alguma forma de pesadelo e 55% deles tinham conteúdos específicos sobre a pandemia da COVID-19.

Entre eles, estavam questões como: incapacidade de distanciamento social; contágio do coronavírus; problemas com equipamentos de proteção individual (como máscaras); distopia; e apocalipse. “A análise assistida por IA, baseada em linguística computacional, que usamos é realmente uma nova abordagem na pesquisa de sonhos”, explica Pesonen.

Mais estresse na pandemia

Além dos pesadelos, o estudo percebeu alguns insights sobre os padrões de sono e os níveis de estresse das pessoas durante a fase de bloqueio. “No geral, os entrevistados dormiram substancialmente mais (54,2%), mas relataram um aumento médio de despertares noturnos (28,6%) e pesadelos (26%) da situação pré-pandêmica”, afirma os autores do estudo.

Além disso, mais da metade dos participantes da pesquisa relataram aumento nos níveis de estresse, que estavam intimamente ligados a padrões como sono agitado e pesadelos. Uma curiosidade é que o grupo mais estressado foi o que mais teve sonhos específicos sobre a pandemia da COVID-19.

“Pesadelos intensos e repetidos podem referir-se ao estresse pós-traumático”, explica a pesquisadora. “O conteúdo dos sonhos não é inteiramente aleatório e pode ser uma chave importante para entender qual é a essência da experiência de estresse, trauma e ansiedade”, completa Pesonen. Dessa forma, a descoberta lembra que o sono é um fator central em todos os problemas de saúde mental.

Publicado na revista Frontiers in Psychology, o estudo completo pode ser acessado aqui.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Esqueletos descobertos podem revelar a história do mais rico pirata da historia, morto há 300 anos

No início do século XVIII, quem mandava nos mares sem lei do Caribe, da América Central e da América do Norte era o grande pirata inglês Samuel Bellamy, imortalizado pelo apelido de “Black Sam”. Um dos …

Biden isola príncipe saudita, provável alvo de relatório da CIA sobre morte de jornalista

O presidente americano, Joe Biden, falou pela primeira vez por telefone nesta quinta-feira (25) com o rei Salman, da Arábia Saudita, na iminência da publicação de um aguardado relatório de inteligência sobre o assassinato …

O estudo que vacinará uma cidade inteira com a Coronavac

Serrana (SP), com 45 mil habitantes, se torna um dos laboratórios mundiais para analisar o coronavírus. Instituto Butantan quer avaliar impacto da imunização em massa na transmissão da covid-19. Wuhan é a cidade onde a pandemia …

Investigação revela terras protegidas da Amazônia à venda no Facebook

Pessoas que invadem e desmatam ilegalmente trechos da Floresta Amazônica estão anunciando as áreas no Facebook em busca de compradores. Uma investigação da BBC encontrou na plataforma dezenas de anúncios em que vendedores negociam pedaços da …

Primeiro ataque militar da era Biden mata pelo menos 17 no leste da Síria

Os Estados Unidos atacaram, nesta quinta-feira (25), infraestruturas utilizadas pelas milícias pro-iranianas no nordeste da Síria, deixando 17 mortos. Esta é a primeira operação militar organizada pelo governo de Joe Biden. A ação é …

Tiranossauros jovens impediram o desenvolvimento de espécies menores, diz estudo

A pesquisa demonstrou que grandes dinossauros, como o T-rex, que cresceram de um pequeno tamanho até se tornarem criaturas enormes, modificaram seus ecossistemas ao competirem com espécies rivais menores. Um estudo publicado nesta sexta-feira (26), no …

UE quer passaporte para vacinados até meio do ano

A União Europeia quer estabelecer um sistema de passaportes para vacinados contra covid-19 ainda antes de suas férias de verão, no meio do ano. O setor turístico é fundamental para várias economias do bloco, sobretudo …

Facebook encerra contas do exército birmanês devido ao recurso à violência

A rede Facebook anunciou hoje em comunicado ter encerrado as contas vinculadas à junta militar birmanesa devido ao uso da "violência mortífera" contra os manifestantes que têm protestado contra o golpe militar perpetrado no …

Malcolm X: carta indica plano do FBI e polícia de NY para assassinar líder negro

Morto em 1965, aos 39 anos, em Nova York, o ativista negro norte-americano Malcolm X não teve, até hoje, o assassinato totalmente esclarecido. Contudo, o surgimento recente de uma carta aponta para uma possível conspiração entre …

NVIDIA e Stefanini anunciam que desenvolverão Inteligência Artificial no Brasil

A Nvidia Enterprise e a Woopi, empresa do Grupo Stefanini focada em Inteligência Artificial (IA) anunciaram nesta quarta-feira (24) uma parceria para desenvolver soluções de IA e processamento de linguagem natural. E o primeiro projeto …