Covid afeta economia do Vaticano e papa Francisco é obrigado a reduzir os salários mais altos

O papa Francisco decidiu cortar os salários de cardeais e clérigos devido ao agravamento da crise econômica no Vaticano como resultado da pandemia de coronavírus. A decisão foi anunciada nesta quarta-feira (24) pela assessoria de imprensa da Santa Sé.

Em uma carta apostólica, chamada ‘Motu Proprio’, o papa anuncia que a partir de 1º de abril o salário dos cardeais será reduzido em 10%, e o dos chefes e secretários de dicastérios (ministérios) em 8%. Esses cargos são os que recebem remunerações mais altas. Já o pagamento dos clérigos e outros religiosos, que ganham menos, sofrerá um corte de 3%.

“Um futuro economicamente sustentável requer hoje, entre outras decisões, a adoção de medidas relativas aos salários dos funcionários”, escreveu o papa argentino no documento que anuncia o corte proporcional e indefinido nos salários no Vaticano.

O pontífice, que quer evitar demissões, considera que as despesas devem ser contidas e por isso decidiu intervir, “segundo critérios de proporcionalidade e progressividade”.

Os ajustes afetam especialmente os clérigos, os religiosos e os níveis mais altos de remuneração, informou o Vaticano News, o site de informações do Vaticano.

A decisão foi tomada devido ao “déficit que há vários anos marca a gestão econômica da Santa Sé” e, sobretudo, pela situação gerada pela pandemia, “que afetou negativamente todas as fontes de receitas da Santa Sé e do Estado da Cidade do Vaticano”, explicou o pontífice no documento.

Os aumentos salariais por tempo de serviço também estão suspensos por dois anos para todos os funcionários com remunerações mais elevadas.

Contas no vermelho

As contas do Vaticano estão no vermelho devido à queda nas doações (25%), à perda líquida de receita dos Museus do Vaticano (85%), além das reduções que a entidade teve de aplicar em 2020 aos aluguéis de suas instalações para empresas em crise por causa da pandemia.

A Cúria Romana – administração central da Igreja Católica que agrupa 60 entidades ao serviço do papa – registrou um buraco da ordem dos € 90 milhões (mais de R$ 580 milhões) nas suas contas de 2020, após um déficit de € 11 milhões (mais de R$ 71 milhões) em 2019.

No total, o Vaticano emprega cerca de 5.000 pessoas, que recebem regularmente seus salários. No ano passado, devido à emergência sanitária, a Santa Sé teve de recorrer a suas reservas financeiras, bem abastecidas, para poder cobrir as necessidades, sem ter de abrir mão de seus numerosos bens imóveis.

Desta forma, a entidade compensou uma queda da ordem de “20% a 25%” em sua receita em 2020, que provavelmente se repetirá em 2021, explicaram fontes vaticanas.

// RFI

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

As vovós que lutam pela democracia na Polônia

Idosas polonesas organizam protestos regulares contra erosão da democracia no país, governado por partido ultraconservador. "Não sou capaz de ficar tranquila em casa, cada violação dos direitos me dói", diz aposentada. Clima de fim de expediente …

Coruja super rara dá o ar da graça depois de 125 anos

A coruja rajá de Bornéu (Otus brookii brookii) é uma espécie tão pequena que apenas seu tamanho já tornaria sua identificação mais complexa. Nativa do Sudeste da Ásia e com peso médio de apenas 100 gramas, …

Nintendo bate todos os recordes de lucros com videogames durante a pandemia

A Nintendo apresentou resultados recordes para o ano fiscal de 2020/21 encerrado em 31 de março, impulsionada pela mania global dos videogames em tempos de pandemia, mas o grupo japonês não espera repetir essa …

Doença cerebral misteriosa intriga médicos no Canadá

Médicos no Canadá têm deparado com pacientes que apresentam sintomas semelhantes aos da doença de Creutzfeldt-Jakob, um mal raro e fatal que ataca o cérebro. Mas quando resolveram investigar o mal em mais detalhe, o …

Governador do Rio diz que operação que terminou com 25 mortos foi ação de 'inteligência'

O governador do Rio de Janeiro, Cláudio Castro, afirmou que a operação da Polícia Civil realizada no Jacarezinho foi "ação pautada e orientada por longo e detalhado trabalho de inteligência e investigação".  A operação terminou com …

Butantan diz que ataques de Bolsonaro à China afetam vacinas

Presidente insinuou que chineses, principais fornecedores de matéria-prima para imunizantes ao Brasil, criaram vírus como parte de "guerra química". "Essas declarações têm impacto", diz diretor do Instituto Butantan. A direção do Instituto Butantan e o governador …

Fotos da última sessão de Kurt Cobain são vendidas como NFT

As imagens da última sessão de fotos da vida do compositor e cantor Kurt Cobain irão a leilão em formato de token não-fungível, os célebres NFTs. O anúncio foi feito por Jesse Frohman, fotógrafo por trás …

EUA, França e Rússia apoiam quebra de patentes contra a Covid-19, mas laboratórios resistem

A ideia de suspender as patentes da fabricação de vacinas contra a Covid-19 continuou a ganhar apoio em todo o mundo nesta quinta-feira, após o impulso inicial dado Estados Unidos. Porém, os laboratórios resistem, …

Descoberta a evidência mais antiga de atividade humana

Uma das atividades mais antigas de humanos foi identificada em uma caverna na África do Sul. Uma equipe de geólogos e arqueólogos encontrou evidências de que nossos ancestrais estavam fazendo fogo e ferramentas na Caverna …

Jeff Bezos: os planos do homem mais rico do mundo para voo espacial turístico

O fundador da Amazon, Jeff Bezos, afirma que está pronto para levar pessoas ao espaço. A empresa Blue Origin, do empresário americano detentor de uma fortuna estimada em R$ 1 trilhão, diz que lançará uma tripulação …