Descoberto material sólido mais antigo já encontrado na Terra

Poeira estelar localizada em meteorito que caiu há mais de 50 anos na Austrália é datada de 7 bilhões de anos. Material foi formado antes mesmo do Sistema Solar.

Um meteorito que caiu em 1969 no sudeste da Austrália contém o material sólido mais antigo já encontrado na Terra, anunciaram nesta segunda-feira (13/01) pesquisadores do Museu Field e da Universidade de Chicago, nos Estados Unidos. A idade da poeira estelar é anterior à formação do Sistema Solar.

A poeira estelar, que os investigadores calculam ter entre 5 bilhões e 7 bilhões de anos, encontrada no meteorito “é o material sólido mais antigo já encontrado e nos conta como é que as estrelas se formaram na nossa galáxia”, disse Philipp Heck, um dos autores do estudo publicado na revista especializada PNAS.

Esse material foi formado milhões de anos antes do Sol e da própria Terra, que cientistas calculam ter cerca de 4,6 bilhões de anos e 4,5 bilhões de anos, respectivamente.

“São amostras sólidas de estrelas, poeira estelar real”, que ficou presa em meteoritos e permaneceu inalterada por bilhões de anos, se tornando autênticas cápsulas do tempo, destacou Heck, em comunicado. As estrelas se formam a partir de nuvens de poeira e gás e quando morrem produzem também nuvens de poeira cósmica, que voltam a formar outros corpos celestes, como novas estrelas, planetas, luas ou meteoritos.

Heck e a sua equipe analisaram o meteorito, que caiu no estado australiano de Victoria em 28 de setembro de 1969, e encontraram partículas denominadas ‘grãos minerais pré-solares’, anteriores à formação do Sol. Esses grãos são muito raros devido ao seu tamanho minúsculo e por serem encontrados em apenas 5% dos meteoritos que caem na Terra.

Embora cientistas tivessem identificado as partículas há cerca de 30 anos na Universidade Chicago, sua idade não pode ser determinada naquela época. Para descobrir de que tipo de estrela eram os grãos e sua data de origem, cientistas usaram uma técnica que mede a exposição de raios cósmicos, que interagem com a matéria e formam novos elementos. “Quanto mais tempo estiverem expostos, mais elementos se formam“, disse Heck.

De acordo com Jennika Greer, coautora do estudo, o processo de análise do material presente no meteorito começa com a trituração de fragmentos do meteorito até ficarem em pó e se transformarem numa espécie de pasta, posteriormente dissolvida em ácido até restarem apenas os grãos pré-solares.

Pesquisadores disseram que essa descoberta proporciona dados para aprofundar o debate científico sobre o ritmo de formação de estrelas na Via Láctea. “Temos evidências diretas de um período de formação de estrelas em nossa galáxia há 7 bilhões de anos. Essa é uma das principais conclusões do estudo”, destacou Heck.

O resultado também confirma uma teoria astronômica que previu que houve um “baby boom de estrelas” antes da formação do Sol, em vez de um ritmo constante.

Até agora, o material sólido mais antigo encontrado na Terra era também um grão pré-solar de 5,5 bilhões de anos. Já o mineral mais antigo formado no planeta foi descoberto em rochas na Austrália e data de 4,4 bilhões de anos.

// DW

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Trump contradiz especialista e afirma que logo haverá vacina

Presidente diz que vacina contra covid-19 estará disponível daqui a algumas semanas, apenas horas depois de diretor de agência de saúde afirmar que ampla vacinação provavelmente ocorreria apenas em 2021. O presidente dos Estados Unidos, Donald …

Médicos estão prontos para implantar o primeiro olho biônico do mundo

Um time de cientistas da Monash University (Austrália) criou um “olho biônico” que, de acordo com eles, tem o potencial de devolver a visão a cegos através de um implante no cérebro. Os pesquisadores estão a …

Um planeta do tamanho de Júpiter conseguiu sobreviver perto de uma anã branca

Normalmente, para que uma anã branca seja formada, uma estrela passa pelo fim de sua evolução através de um processo que destrói qualquer coisa que estiver por perto. Entretanto, os astrônomos se depararam com um …

Internado há uma semana com Covid-19, cacique Raoni deve deixar o hospital

Internado há uma semana, o cacique Raoni Metuktire deverá deixar o hospital onde estava internado nas próximas horas, ainda nesta sexta-feira (4). Ele se recuperou de uma inflamação cardíaca, efeito colateral da Covid-19, e …

Barbados pretende destituir Elizabeth 2ª como chefe de Estado

Barbados pretende destituir a rainha Elizabeth 2ª do cargo de chefe de Estado e se tornar uma República, anunciou na terça-feira (15/09) o governo da pequena nação caribenha, reavivando um plano discutido várias vezes no …

Fator inesperado pode estar na base da existência de antiga civilização

Especialistas consideram que o fluxo de frações de poeira grossa favoreceu a fertilidade dos solos, e, dessa forma, a sobrevivência dos primeiros humanos. Um novo estudo defende que a existência de uma antiga civilização humana poderia …

Alemanha vai receber 1.550 refugiados que tiveram pedidos de asilo aceitos na Grécia

A Alemanha vai receber cerca de 1.550 migrantes que estão espalhados em várias ilhas gregas. A chanceler Angela Merkel costurou um acordo com seu ministro do Interior, Horst Seehofer, que era reticente à proposta, …

Em estudo, pesquisadores mostram por que é tão difícil encontrar vida em Marte

Julho de 2020 foi um mês agitado: três missões foram lançadas com destino ao Planeta Vermelho e, entre elas, está a missão Mars 2020, da NASA, levando consigo o rover Perseverance e helicóptero Ingenuity rumo …

O privilégio branco da professora universitária ‘negra’ que enganou todo mundo

Acadêmica voltada para estudos sobre diásporas africanas, a norte-americana Jessica Krug sustentou a carreira sob a alegação de ser negra. Contudo, a professora assistente da George Washington University resolveu se autodeclarar branca e desmentir suas …

Yoshihide Suga é eleito primeiro-ministro do Japão

O Parlamento do Japão elegeu nesta quarta-feira (16/09) Yoshihide Suga para o cargo de primeiro-ministro, em substituição a Shinzo Abe, que renunciou por questões de saúde após quase oito anos como líder do governo. Suga, de …