Em provocação a Biden, Kim Jong-un avisa que vai reforçar arsenal nuclear da Coreia do Norte

KCNA / YONHAP

O líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un

O líder norte-coreano, Kim Jong-un, afirmou que vai reforçar o arsenal nuclear de seu país, em discurso de encerramento do congresso do partido no poder, anunciou nesta quarta-feira (13) a imprensa oficial, a uma semana da posse do novo presidente americano, Joe Biden.

“Ao reforçarmos nosso arsenal de guerra nuclear, devemos fazer todo o possível para construir um exército mais poderoso“, declarou Kim durante o Congresso do Partido dos Trabalhadores, segundo a agência de notícias oficial KCNA.

Ao longo do evento, que durou oito dias, duas vezes mais do que o último, realizado em 2016, Kim Jong-un lançou farpas aos Estados Unidos, país que classificou como “principal obstáculo ao desenvolvimento da nossa revolução e nosso principal inimigo”.

“A verdadeira intenção da sua política para a República Democrática da Coreia do Norte não mudará nunca, independentemente de quem estiver no poder“, estimou Kim, que não mencionou o nome do presidente eleito Joe Biden.

Submarino, ogivas, satélites e mísseis

Kim anunciou que a Coreia do Norte concluiu seus planos para desenvolver um submarino nuclear e enunciou a lista de objetivos armamentistas, como ogivas nucleares supersônicas, satélites de reconhecimento militar e mísseis balísticos intercontinentais de combustível sólido.

Os programas armamentistas se aceleraram desde a chegada de Kim ao poder, entre eles o de uma potente bomba nuclear e mísseis capazes de atingir o território americano.

O avanço desses programas, proibidos por várias resoluções do Conselho de Segurança das Nações Unidas, levou ao fortalecimento das sanções internacionais contra Pyongyang.

Durante um desfile militar em outubro passado, a Coreia do Norte apresentou um novo míssil balístico intercontinental (ICBM), que os especialistas dizem ser o maior míssil movido a combustível líquido conhecido no mundo.

O Congresso do Partido dos Trabalhadores e as fortes declarações de Kim chegam no momento em que o democrata Joe Biden se prepara para substituir o republicano Donald Trump na Casa Branca.

Kim e Trump mantiveram uma relação tumultuada, que começou com trocas de insultos e ameaças recíprocas de guerra antes de culminar em uma reaproximação diplomática e uma cúpula em junho de 2018, em Singapura.

Uma segunda cúpula entre os dois homens, em fevereiro de 2019 em Hanói, fracassou devido a diferenças de opinião sobre o alívio das sanções internacionais que Kim pediu antes de iniciar um processo de desnuclearização. Desde então, as negociações estagnaram.

Antipatia ao novo presidente

A mudança de liderança em Washington constitui um desafio para Kim. Mesmo antes da campanha para as eleições presidenciais de novembro passado, durante a qual Biden chamou o líder norte-coreano de “bandido”, Pyongyang não escondia sua antipatia pelo ex-vice-presidente democrata.

A agência KCNA lançou um ataque verbal de rara violência contra o futuro presidente em novembro de 2019. “Cães raivosos como Biden podem machucar muitas pessoas se forem deixados livres”, atacou a agência oficial. “É preciso espancá-los até a morte”.

Durante o congresso, Kim foi eleito no domingo (10) secretário-geral do Partido dos Trabalhadores, do qual era presidente, uma mudança simbólica de nome com o objetivo de fortalecer seu poder, segundo analistas.

A Coreia do Norte, duramente atingida por sanções internacionais e mais isolada do que nunca devido à pandemia do coronavírus, passa por imensas dificuldades econômicas.

Durante o congresso, Kim admitiu o fracasso da política econômica conduzida recentemente na Coreia do Norte, declarando que “quase todos os setores” não haviam alcançado seus objetivos.

// RFI

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Por que iceberg do tamanho do Rio de Janeiro que se desprendeu da Antártida anima cientistas?

Um iceberg gigante de cerca de 1.270 km² (a cidade do Rio de Janeiro tem 1.255 km²) quebrou e se desprendeu da Antártida, gerando euforia na comunidade científica. Na sexta-feira (26/2), instrumentos na superfície da plataforma …

Coronavírus: Por que vacinação sem lockdown pode tornar Brasil 'fábrica' de variantes superpotentes

O cenário atual no Brasil, que combina início da vacinação com transmissão descontrolada da covid-19, pode tornar o país uma "fábrica" de variantes potencialmente capazes de escapar por completo da eficácia das vacinas. Esta é …

Esquema de venda de vacinas falsas da COVID-19 é descoberto pela Interpol

Na última quarta-feira (3), autoridades da África do Sul apreenderam centenas de vacinas falsas da COVID-19, esquema que já havia sido alertado pela Interpol devido às disputas pelo imunizante no mundo inteiro. No país africano, foram …

Egito descobre cemitério de 2 mil anos com 600 cães e gatos

Pesquisadores poloneses encontraram cerca de 600 restos mortais de animais em um cemitério de dois mil anos, no Egito. De acordo com os cientistas, os corpos encontrados na necrópole são de gatos (cerca de 90% deles), …

Nova superterra encontrada pode dar pistas sobre vida fora do Sistema Solar

Um novo exoplaneta detectado orbitando uma estrela relativamente perto do nosso Sistema Solar, pode potencialmente ajudar a resolver enigmas sobre vida alienígena. Um exoplaneta com uma massa 2,8 maior do que a da Terra designado Gliese …

China anuncia meta de crescimento econômico mais modesta na abertura do Congresso Nacional do Povo

A reunião anual do Congresso Nacional do Povo da China foi aberta nesta sexta-feira (5), em Pequim, com o tradicional discurso do primeiro-ministro do país, Li Keqiang. O líder anunciou um objetivo de crescimento …

Análogo de Buraco negro de laboratório se comporta como Stephen Hawking previu

Pesquisadores do Instituto de Tecnologia Technion-Israel tentaram confirmar duas das previsões mais importantes de Hawking, que a radiação hawking surge do nada e que não muda de intensidade ao longo do tempo, o que significa …

SP concentra 40% dos feminicídios com 200 mortes, diz estudo do Observatório de Segurança

A Rede de Observatórios da Segurança publicou seu relatório de dados sobre a violência contra a mulher do ano de 2020. O boletim, que traz números de cinco estados (SP, RJ, PE, CE e BA), mostrou …

Em pior momento da pandemia, Bolsonaro critica 'mimimi' e diz que brasileiro tem que enfrentar vírus

Um dia após o registro de novo recorde diário de mortes pela covid-19 no país, o presidente Jair Bolsonaro deu uma série de declarações dando a entender que o choro pelas vítimas é "frescura" e …

89% dos norte-americanos veem a China como inimiga ou concorrente

A maioria dos norte-americanos não vê a China como parceira e expressa preocupações crescentes sobre o histórico de direitos humanos e as práticas econômicas de Pequim, revelou uma nova pesquisa do Pew Research Center nesta …