Terceira Guerra Mundial pode começar com ataque nuclear preventivo da Coreia do Norte

(dv) USFK / 8TH US ARMY

Os exercícios conjuntos dos EUA e Coreia do Sul pretenderam testar e demonstrar a "capacidade de efetuar lançamentos de precisão" de mísseis intercontinentais

De acordo com um artigo de opinião no The National Interest, a Coreia do Norte é simultaneamente mais e menos perigosa do que parece.

Com um exército de mais de um milhão de efetivos, a maioria do equipamento militar do país é obsoleto. De acordo com o The National Interest, a Coreia do Norte não é capaz de invadir a Coreia do Sul.

Ao mesmo tempo, o país possui de 10 a 20 armas nucleares e já testou uma grande variedade de plataformas de mísseis balísticos. O resultado do desenvolvimento do programa nuclear da Coreia do Norte é um arsenal crescente de armas nucleares com um alcance cada vez maior.

As armas nucleares da Coreia do Norte são inúteis para uma ofensiva, por isso seu próximo uso é para preservar o regime de Kim Jong-un. As armas nucleares garantem segurança e liberdade de ação ao líder do país.

As capacidades limitadas da Coreia do Norte determinam uma única maneira de utilização das armas nucleares – realizar um ataque preventivo antes de o potencial nuclear não seja destruído.

De acordo com o The National Interest, a Coreia do Norte vai tentar atingir a Casa Azul, a residência oficial do presidente sul-coreano, bem como o prédio da Assembleia Nacional da Coreia do Sul, o Ministério da Defesa e a sede do Serviço de Inteligência Nacional.

Além disso, as instalações norte-americanas na Coreia do Sul serão alvos do ataque, com o THAAD sendo o primeiro alvo para os mísseis norte-coreanos.

As armas nucleares da Coreia do Norte vão também atingir as instalações dos EUA na região da Ásia-Pacífico, particularmente as bases das forças reservadas para o conflito coreano e aquelas que são utilizadas como nós logísticos pelos EUA, bem como as bases navais de Yokosuka e Sasebo, as bases aéreas Misawa e Kadena e a base aeronaval Atsugi.

De acordo com o artigo de opinião, os ataques nucleares da Coreia do Norte vão não só destruir um número considerável do potencial militar do inimigo, mas também matar civis da Coreia do Sul e do Japão, bem como militares norte-americanos.

O dispositivo nuclear de vinte quilotons, a maior bomba testada pela Coreia do Norte, pode matar mais de 34 mil pessoas e ferir cerca de 106 mil se for lançada contra as bases de Yongsang em Seul ou Yokota no Japão.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Pessoas feias superestimam drasticamente suas aparências

Pessoas pouco atraentes parecem menos capazes de julgar com precisão sua própria atratividade, e tendem a superestimar sua aparência. Não faltam disparidades entre pessoas atraentes e pouco atraentes. Estudos mostram que os mais belos entre nós …

Noruega acusa Pequim de ciberataque contra serviços do governo

Pela primeira vez na história, o Serviço de Segurança Policial da Noruega (PST, na sigla em inglês) identificou a China como sendo responsável por um ataque hacker contra as autoridades do país nórdico. A agência de …

China supera marca de 1 bilhão de vacinas contra a covid-19 aplicadas

Quantia representa mais de um terço das doses aplicadas no mundo. Após início lento da imunização, autoridades chinesas querem vacinar completamente 40% da população até o final de junho. O número de doses de vacinas contra …

Brasileiros protestam no exterior contra Bolsonaro e gestão da epidemia

Dezenas de milhares de pessoas tomaram as ruas de várias capitais brasileiras neste sábado para protestar contra o presidente Jair Bolsonaro e sua gestão da pandemia, que já deixou mais de meio milhão de …

Relíquia do Jurássico: descoberto animal marinho cuja espécie vive há 180 milhões de anos

Um grupo de pesquisadores descreveu uma nova espécie de ofíuros – um animal marinho parecido com as estrelas-do-mar, que recebeu o nome de Ophiojura, informou nesta quinta-feira (17) Tim O’Hara, curador dos Museus Victoria (Austrália) …

Projeto de estrada cortando parque das cataratas de Iguaçu ameaça outras áreas de proteção pelo Brasil

Uma das paisagens naturais mais impressionantes do Brasil e reconhecida pela Unesco, o Parque Nacional do Iguaçu, que abriga as cataratas, no Paraná, pode ser cortado ao meio por uma rodovia asfaltada – em …

Por que a imunidade de rebanho está longe de ser realidade

Embora costume ser apresentada como simples cálculo matemático, alcançar a imunidade de rebanho não é tarefa fácil. Ela não só depende da infecciosidade das variantes, como da adoção de medidas sanitárias pela população. Apesar das campanhas …

Uso de maconha na adolescência pode atrapalhar o desenvolvimento do cérebro

O consumo de maconha pode ser prejudicial ao cérebro humano durante a adolescência, de acordo com estudo publicado na última quarta-feira (16). Segundo a pesquisa, realizada em regiões da Europa, o uso recreativo da planta pode …

EUA terão feriado para comemorar fim da escravidão

Data já celebrada na maioria dos estados vai se tornar feriado federal. O "Juneteenth" lembra dia em que os últimos escravos negros foram libertados no país, em 1865. Após aprovação pelo Congresso dos Estados Unidos na …

5 perguntas sobre os denisovanos, 'parentes' extintos dos humanos modernos que viveram na Terra há 50 mil anos

Desde que os primeiros vestígios dos denisovanos foram descobertos em 2008, os cientistas não descansaram tentando obter mais informações sobre eles. A tarefa, no entanto, não tem sido fácil, porque até agora só foram encontrados pequenos …