Estudo encontra relação entre dieta sem glúten e diabetes tipo 2

A maioria dos nutricionistas e médicos ensinam que uma dieta variada é fundamental para ser saudável. Apesar disso, a moda de blogs sobre vida fitness se espalhou pelo mundo e as pessoas acabam ouvindo as celebridades das redes sociais como se elas tivessem a mesma formação destes profissionais qualificados.

Assim, cada vez mais pessoas adotam dietas restritivas sem acompanhamento de um profissional da saúde e sem considerar os riscos que podem correr.

Na última semana, durante uma reunião da associação americana do coração realizada em Portland, foi apresentado um novo estudo que descobriu que a adoção de uma dieta livre de ou com baixo teor de glúten pode aumentar o risco de desenvolver diabetes tipo 2.

Desenvolvida na Universidade de Harvard, a pesquisa examinou 30 anos de dados médicos de 200 mil participantes e mostrou que aqueles que limitaram ou evitaram completamente a ingestão de glúten tinham uma chance 13% maior de desenvolver diabetes tipo 2.

“Queríamos determinar se o consumo de glúten afeta a saúde em pessoas sem razões médicas aparentes para evitar o glúten”, explicou Geng Zong, pesquisador da Escola de Saúde Pública de Harvard.

“Os alimentos sem glúten muitas vezes têm menos fibra dietética e outros micronutrientes, tornando-os menos nutritivos, e também tendem a custar mais”.

O glúten é uma proteína encontrada no trigo, centeio, cevada e outros grãos relacionados. É a proteína que dá a textura mastigável de pratos assados e a elasticidade no processo cozimento.

Aqueles que são genuinamente intolerantes têm uma doença autoimune conhecida como doença celíaca, em que seu sistema imunológico responde à proteína glúten atacando o intestino delgado. Apenas cerca de 1% da população é diagnosticada como celíaca.

Banco de dados gigantesco

No estudo, os pesquisadores usaram dados do Nurses Health Study, no qual 199.794 pessoas responderam perguntas relacionadas a alimentos a cada dois a quatro anos.

Eles descobriram que os participantes consumiam em média cerca de 6 a 7 gramas de glúten por dia. Durante o período de acompanhamento de 30 anos, 15.942 casos de diabetes tipo 2 foram diagnosticados.

O estudo constatou que aqueles que tinham uma maior ingestão de glúten – até 12 gramas por dia – eram menos propensos a desenvolver diabetes tipo 2. Aqueles que comeram menos da proteína também tiveram uma menor ingestão de fibra de cereais – conhecida por proteger contra o diabetes tipo 2.

Quando analisaram o efeito protetor da fibra, descobriram que aqueles entre os 20% com maior consumo de glúten tinham 13% menos chance de desenvolver diabetes tipo 2, em comparação com aqueles que consumiram 4 gramas ou menos.

“Pessoas sem doença celíaca podem reconsiderar limitar sua ingestão de glúten para a prevenção de doenças crônicas, especialmente o diabetes”, aconselha Zong.

Acompanhamento médico

Como aponta Katy Evans, do site IFLScience, apesar de não haver provas de que a adoção de uma dieta isenta de glúten tenha algum benefício para a saúde, as pessoas aparentemente ainda preferem seguir os conselhos de “blogueiros de saúde” ou “fitness”, já que a tendência de uma dieta “glúten free” ainda continua crescendo.

No entanto, se você constuma sentir algum mal-estar depois de consumir alimentos com glúten e acha que pode ter uma intolerância, procure um médico ou um nutricionista e faça o teste imediatamente.

O autodiagnóstico de sensibilidade ao glúten e a consequente remoção da proteína da dieta pode ser potencialmente prejudicial para celíacos não diagnosticados.

Isso porque para testar a intolerância, os médicos precisam estudar a dieta do paciente, o que não poderão fazer se o glúten já tiver sido removido dela.

Além disso, sem um diagnóstico adequado, celíacos não diagnosticados são menos propensos a manter a dieta rigorosa de que precisam, arriscando a saúde, causando danos ao intestino e aumentando o risco de alguns tipos de câncer.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Médico sugere que Suécia pode se tornar 1.º país a se livrar do coronavírus

A Suécia pode ser o primeiro país a atingir imunidade de 60% a 70%, necessária para o fim da pandemia, comentou à Sputnik o imunologista e especialista nas mais perigosas infecções, Vladislav Zhemchugov. Na Suécia, há …

França não vai ceder ao terror, afirma Macron

Em Nice, presidente francês condenou atentado que matou três, e anunciou que vai mais que dobrar contingente de soldados antiterrorismo. França é alvo da "loucura islâmica por permitir que todos creiam livremente", disse. O presidente francês, …

Walmart recolhe armas em lojas por risco de "agitação social" em reta final das eleições nos EUA

Revólveres, pistolas, fuzis e munição de diferentes calibres foram recolhidos nesta semana das lojas Walmart, nos EUA, onde eram expostas do mesmo jeito que telefones celulares ou eletrônicos são apresentados em lojas de departamento no …

Fazenda futurista planeja cultivar e servir carne “impressa” no Espaço

Se a reprodução dos sabores, da textura, da aparência e do aroma de carnes de origem animal não são mais limite para as empresas que produzem carne vegetal, muito em breve nem o próprio Planeta …

Rara cobra de duas cabeças encontrada na Florida

O que tem dois cérebros, nenhuma perna e a melhor foto de perfil no Facebook? Com certeza esta rara cobra de duas cabeças recentemente descoberta por um gato doméstico em Palm Harbor, Flórida, EUA. A família …

Segunda onda no Brasil pode vir a qualquer momento, alerta especialista

Apesar de diminuição dos casos, epidemia do coronavírus não acabou no Brasil e segunda onda da COVID-19 pode acontecer a qualquer momento, disse médica à Sputnik Brasil. Na terça-feira (27), a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância …

Marido de Isabel dos Santos morreu no Dubai

Morreu nesta quinta-feira no Dubai o marido da empresária angolana Isabel dos Santos, o empresário congolês Sindika Dokolo, segundo confirmou à agência noticiosa Lusa, uma fonte ligada à família. A imprensa congolesa indicou há algumas …

Brasileira é uma das três vítimas do atentado em Nice

Uma brasileira está entre as três vítimas do atentado com faca ocorrido na cidade francesa de Nice nesta quinta-feira (29/10), segundo confirmou o Ministério das Relações Exteriores do Brasil. Em comunicado, o Itamaraty afirmou que a …

Governo do Catar se desculpa por exames ginecológicos forçados feitos em aeroporto

O Catar fez nesta quarta-feira (28) um mea culpa pelos exames ginecológicos forçados a que foram submetidas várias mulheres no aeroporto de Doha. Os testes foram realizados com o objetivo de encontrar a mãe …

Sonda descobre 'duendes' e 'elfos' surgindo na atmosfera de Júpiter

Uma equipe de cientistas analisou imagens ultravioletas da sonda Juno, da NASA, no planeta gigante, e por 11 vezes surgiram luzes extremamente curtas e peculiares. A sonda espacial Juno, da agência espacial norte-americana NASA, captou uma …