EUA “nunca estiveram tão próximos” de uma guerra nuclear com a Coreia

imcomkorea / Flickr

O antigo Almirante Mike Mullen, ex-chefe das Forças Armadas de George W. Bush e Barack Obama

Os Estados Unidos “nunca estiveram tão próximos” de uma guerra nuclear com a Coreia do Norte, afirmou no primeiro dia do ano o ex-chefe das Forças Armadas norte-americanas Mike Mullen, para quem o presidente Donald Trump criou uma atmosfera “incrivelmente perigosa”.

A presidência de Donald Trump “é incrivelmente desestabilizadora e certamente imprevisível”, declarou Mike Mullen, antigo almirante e ex-chefe das Forças Armadas do republicano George W. Bush e do democrata Barack Obama, ao canal ABC.

“O presidente escolheu claramente desestabilizar e criar uma grande incerteza”, acrescentou o antigo militar, atualmente aposentado.

“Aqueles que foram nossos amigos durante muitos anos têm dúvidas sobre a firmeza do nosso compromisso com eles” e “nossos inimigos, aqueles que querem nos prejudicar, parecem tirar proveito dessa incerteza“, destacou.

“Existe uma atmosfera extremamente perigosa em toda essa incerteza, sobre como tudo isso vai terminar e, em particular , com a Coreia do Norte. Na minha opinião, nunca estivemos tão perto de uma guerra nuclear com a Coreia do Norte e na região. E não vejo como podemos resolver tudo isso através da via diplomática nesta fase”, afirmou.

O secretário de Estado norte-americano Rex Tillerson disse na quarta-feira passada que a “pressão será mantida” na Coreia do Norte. O regime norte-coreano acelerou nos últimos dois anos o desenvolvimento de programas banidos, aumentando os testes nucleares e balísticos.

Kim tem o botão nuclear na mesa

O líder norte-coreano Kim Jong-Un proclamou em novembro que seu país se tornou um Estado nuclear de pleno direito, depois de testar com sucesso um novo tipo de míssil que acredita que pode atacar os Estados Unidos em qualquer parte do seu território.

Nesta segunda-feira (1º), o líder norte-coreano disse que o botão para disparar uma arma nuclear está na sua mesa. “O botão nuclear está sempre na minha mesa. Isto não é chantagem, mas a realidade”, disse Kim Jong-Un.

No seu discurso de Ano Novo, o líder coreano afirmou que os Estados Unidos têm de reconhecer que o poder nuclear norte-coreano é uma realidade e não uma “ameaça”, que seu país atingiu uma proeza “histórica” com o sucesso das suas forças nucleares e que todo o território dos Estados Unidos está ao seu alcance.

Ciberia, Lusa // ZAP

COMPARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Senhores , Presidentes ?
    Correa do norte > Pyongyang
    Usa > Tramp
    Sugestão a Vocês? Senta na ponta de seus Misseis Nuclear e caga e caia em cima de cada local seus sem atingir quem não deve ., inocentes ?
    Pyongyang em cima da casa Branca U>S>A ( cem atingir a população )
    Tramp em Coreia do norte ( cem atingir a população )
    Parabéns para vocês ?

DEIXE UM COMENTÁRIO:

George W. Bush: o suposto plano para matar ex-presidente dos EUA desbaratado pelo FBI

Um simpatizante do Estado Islâmico planejava assassinar o ex-presidente dos EUA George W. Bush, mas o plano foi descoberto pelo FBI (polícia federal americana), segundo autoridades dos Estados Unidos. O suspeito, um residente de Ohio, supostamente …

O que se sabe sobre misterioso surto de varíola dos macacos

Casos recentes da doença na América do Norte e Europa acenderam o alerta entre especialistas. Endêmico na África, vírus é transmitido por animais contaminados e por contato próximo prolongado entre pessoas. Autoridades de saúde na América …

EUA: Estudo traz primeiros resultados 'promissores' de vacina de RNA mensageiro contra Aids

Uma vacina usando a tecnologia de RNA mensageiro, a mesma que algumas vacinas contra a Covid-19, pode ser usada desta vez contra a Aids. É o que mostram os primeiros resultados promissores de testes …

Viagem de Lula à Argentina visa fortalecer governo de Fernández e teoria de lawfare contra Kirchner

O ex-presidente Lula será o primeiro estrangeiro a discursar diante de uma multidão na Praça de Maio, em Buenos Aires, em um ato destinado a renovar o vínculo do governo argentino com o seu …

Após EUA, vários países se mobilizam em boicote aos Jogos Olímpicos de Inverno de Pequim

Reino Unido, Austrália, Canadá, Nova Zelândia seguiram os passos dos Estados Unidos e anunciaram que também vão participar do “boicote diplomático” aos Jogos Olímpicos de Inverno de Pequim, previstos para fevereiro. Os países acusam …

Musk anuncia que Neuralink testará microchips neuronais em humanos em 2022

O bilionário e empreendedor norte-americano referiu que já testou com sucesso um implante cerebral em um macaco, e quer agora que essa tecnologia seja aplicada em humanos. Os humanos poderão ter implantes cerebrais da empresa Neuralink …

Cientistas americanos encontram substância contra coronavírus em algas para sushi

Biólogos americanos esperam que sua descoberta ajude na criação de tratamentos antivírus com base em plantas. Os cientistas determinaram que o sulfato de rhamnan – polissacarídeo componente das algas verdes Monostroma nitidum, utilizadas para embrulhar o …

Mulheres comandam metade dos ministérios no governo Scholz

Futuro chanceler confirma nomes finais do seu governo, que deverá começar os trabalhos ainda esta semana. Percentual de mulheres no comando de ministérios federais é o maior da história da Alemanha. O próximo chanceler federal da …

Biden e Putin fazem videoconferência para tentar resolver impasse na Ucrânia

Joe Biden e Vladimir Putin se preparam para uma vídeoconferência nesta terça-feira (7) em um momento em que as tensões entre Washington e Moscou se intensificam com rumores de uma iminente invasão da Ucrânia …

Aung San Suu Kyi é condenada a 4 anos de prisão

Líder deposta por golpe militar em Mianmar enfrenta série de acusações que a Anistia Internacional chama de falsas. Novo veredicto deve sair nos próximos dias. A líder deposta de Mianmar, Aung San Suu Kyi, foi condenada …