Facebook, Microsoft, Twitter e YouTube formam grupo para combater terrorismo

Facebook, Microsoft, Twitter e YouTube anunciaram nesta segunda-feira que formaram um grupo para combater o terrorismo através do seu trabalho conjunto, a promoção de pesquisas e a colaboração com organizações e instituições.

A coalizão empresarial, chamada Global Internet Forum to Counter Terrorism, ajudará a transformar as quatro empresas em espaços “hostis aos terroristas e aos extremistas violentos”, afirmaram Twitter e YouTube em diferentes comunicados postados em seus blogs corporativos.

O grupo desenvolverá seu trabalho a partir de iniciativas como o Fórum Europeu de Internet ou a base de dados compartilhada de “hashes” (impressões digitais específicas de cada arquivo) que seus integrantes impulsionaram em dezembro do ano passado.

“A propagação do terrorismo e do extremismo violento é um problema global diligente e um desafio crucial para todos nós”, indicou o grupo, que ressaltou como as suas “políticas e práticas de eliminação” de conteúdos extremistas mostram “posturas firmes” a respeito desta marca.

“Acreditemos que trabalhando lado a lado, compartilhando os melhores elementos tecnológicos e operacionais dos nossos esforços individuais, podemos ter um maior impacto sobre a ameaça do conteúdo terrorista na rede”, declararam.

Ainda que o campo de ação do Fórum possa variar em função das sempre “mudáveis táticas de terrorismo e extremismo“, essencialmente se centrará em fornecer soluções tecnológicas, promover a pesquisa e compartilhar conhecimentos.

As empresas planejam trocar experiências, desenvolver técnicas de detecção e classificação de conteúdos sensíveis e definir métodos de aviso transparente para sua eliminação.

A investigação que o Fórum promoverá tem por objetivo nutrir as iniciativas destinadas a resistir discursos terroristas ou extremistas, bem como dar fundo às decisões técnicas ou de políticas que girem em torno da eliminação de conteúdos.

O grupo compartilhará informação com especialistas em contraterrorismo, provenientes de governos, grupos civis, instituições acadêmicas e empresas para “aprender lado a lado sobre terrorismo”.

Neste sentido, estabelecerá uma rede de intercâmbio de colaboração com o escritório de contraterrorismo do Conselho de Segurança das Nações Unidas e da iniciativa ICT4Peace para auxiliar empresas pequenas e melhorar suas ações de antiterrorismo.

Junto a estas duas organizações, o Fórum anunciou que impulsionarão uma série de oficinas de aprendizagem no Vale do Silício e outros lugares do mundo, ainda que não tenha oferecido informação mais detalhada.

Facebook, Microsoft, Twitter e YouTube aproveitarão também suas iniciativas existentes destinadas a combater os discursos de ódio na internet para “empoderar e formar organizações civis ou indivíduos que podem dedicar-se a um trabalho similar”.

// EFE

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Médico sugere que Suécia pode se tornar 1.º país a se livrar do coronavírus

A Suécia pode ser o primeiro país a atingir imunidade de 60% a 70%, necessária para o fim da pandemia, comentou à Sputnik o imunologista e especialista nas mais perigosas infecções, Vladislav Zhemchugov. Na Suécia, há …

França não vai ceder ao terror, afirma Macron

Em Nice, presidente francês condenou atentado que matou três, e anunciou que vai mais que dobrar contingente de soldados antiterrorismo. França é alvo da "loucura islâmica por permitir que todos creiam livremente", disse. O presidente francês, …

Walmart recolhe armas em lojas por risco de "agitação social" em reta final das eleições nos EUA

Revólveres, pistolas, fuzis e munição de diferentes calibres foram recolhidos nesta semana das lojas Walmart, nos EUA, onde eram expostas do mesmo jeito que telefones celulares ou eletrônicos são apresentados em lojas de departamento no …

Fazenda futurista planeja cultivar e servir carne “impressa” no Espaço

Se a reprodução dos sabores, da textura, da aparência e do aroma de carnes de origem animal não são mais limite para as empresas que produzem carne vegetal, muito em breve nem o próprio Planeta …

Rara cobra de duas cabeças encontrada na Florida

O que tem dois cérebros, nenhuma perna e a melhor foto de perfil no Facebook? Com certeza esta rara cobra de duas cabeças recentemente descoberta por um gato doméstico em Palm Harbor, Flórida, EUA. A família …

Segunda onda no Brasil pode vir a qualquer momento, alerta especialista

Apesar de diminuição dos casos, epidemia do coronavírus não acabou no Brasil e segunda onda da COVID-19 pode acontecer a qualquer momento, disse médica à Sputnik Brasil. Na terça-feira (27), a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância …

Marido de Isabel dos Santos morreu no Dubai

Morreu nesta quinta-feira no Dubai o marido da empresária angolana Isabel dos Santos, o empresário congolês Sindika Dokolo, segundo confirmou à agência noticiosa Lusa, uma fonte ligada à família. A imprensa congolesa indicou há algumas …

Brasileira é uma das três vítimas do atentado em Nice

Uma brasileira está entre as três vítimas do atentado com faca ocorrido na cidade francesa de Nice nesta quinta-feira (29/10), segundo confirmou o Ministério das Relações Exteriores do Brasil. Em comunicado, o Itamaraty afirmou que a …

Governo do Catar se desculpa por exames ginecológicos forçados feitos em aeroporto

O Catar fez nesta quarta-feira (28) um mea culpa pelos exames ginecológicos forçados a que foram submetidas várias mulheres no aeroporto de Doha. Os testes foram realizados com o objetivo de encontrar a mãe …

Sonda descobre 'duendes' e 'elfos' surgindo na atmosfera de Júpiter

Uma equipe de cientistas analisou imagens ultravioletas da sonda Juno, da NASA, no planeta gigante, e por 11 vezes surgiram luzes extremamente curtas e peculiares. A sonda espacial Juno, da agência espacial norte-americana NASA, captou uma …