Frankfurt disputa espólio financeiro de Londres pós-Brexit

barnyz / Flickr

A cidade de Frankfurt, na Alemanha

A cidade de Frankfurt, na Alemanha

Embora muitas incertezas pairem sobre as consequências econômicas do Brexit, para Frankfurt, capital financeira da Alemanha, a saída do Reino Unido da União Europeia (UE) pode ser um bom negócio.

A cidade de pouco mais de 687 mil habitantes no oeste da Alemanha espera receber instituições financeiras que, com este processo de divórcio, devem deixar Londres para garantir sua presença no bloco.

Além de instituições financeiras, Londres perderá ainda a Autoridade Bancária Europeia (EBA), agência reguladora da UE com sede na capital britânica. Por já sediar o Banco Central Europeu (BCE), as chances de Frankfurt receber a EBA são boas.

Porém, a disputa por essas instituições é grande; a cidade alemã tem concorrentes de peso, como Paris, Dublin, Amsterdã e Luxemburgo.

“A procura dos bancos por locais para transferência dos negócios de Londres gerou quase como um concurso de beleza entre as cidades europeias”, afirma o economista Stefan Kooths, do Instituto para Economia Mundial da Universidade de Kiel.

Segundo especialistas ouvidos pela BBC Brasil, esse “concurso” está no começo e ainda é difícil determinar quem será o vencedor. Mas Frankfurt largou na frente. Em dezembro passado, o instituto financeiro suíço UBS escolheu a cidade alemã para sediar sua filial europeia.

Em janeiro, entretanto, a rede bancária britânica Barclays anunciou que pretende abrir em Dublin a sucursal para negócios europeus.

Pedra no caminho

Para especialistas, a principal concorrente de Frankfurt é Paris. Apesar de a metrópole francesa ser visto por muitos como o principal centro financeiro da Europa continental, a cidade alemã tem a grande vantagem de sediar o BCE. A proximidade com o banco central seria um dos fatores levado em consideração pelas instituições na busca por uma nova sede.

Além disso, Frankfurt possui mais de 150 bancos internacionais, tem um custo de vida e aluguéis mais baratos do que a principal concorrente, abriga o terceiro maior aeroporto da Europa e conta com uma ampla infraestrutura de transporte. Juntos, esses aspectos podem contribuir para consagrar a cidade como capital financeira da Europa.

As leis trabalhistas alemãs, no entanto, podem ser uma pedra nesse caminho. “O grande empecilho não é específico de Frankfurt, é um problema alemão, que são as leis trabalhistas restritivas, além da falta de uma cultura de imigração para atrair mão de obra estrangeira qualificada”, afirma Kooths.

Entre as exigências dos bancos estaria uma mudança na legislação para facilitar demissões, principalmente, em cargos nos quais os salários ultrapassem 250 mil euros por ano. Mas segundo o jornal alemão Welt, o governo alemão não pretende fazer essas modificações nas leis trabalhistas.

Disputa em aberto

Apesar das boas perspectivas para a cidade alemã, o economista Thore Schlaak, do Instituto Alemão para Pesquisas Econômicas (DIW), diz que é muito cedo para fazer estimativas. “Não está claro, por exemplo, se as instituições financeiras realmente sairão de Londres ou manterão as sedes na cidade para apenas abrir sucursais na UE”, destaca.

Já o economista Michael Thöne, do Instituto de Pesquisa Financeira da Universidade de Colônia, avalia que não haverá apenas um ganhador nesta competição.

Londres deve continuar sendo importante em algumas aéreas no setor financeiro. Na gestão de ativos, por exemplo, ela é principal cidade no mercado global e muitas instituições devem optar por continuar lá. As que saírem devem se dividir entre as cidades europeias que as disputam”, acrescenta Thöne.

Devido à complexidade de uma possível mudança, especialistas estimam que as instituições financeiras com sedes em Londres devem anunciar suas estratégias e opções até meados deste ano, para dar então início ao processo de transferência, que pode durar cerca de dois anos.

// BBC

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Viagem tripulada a Marte seria melhor com passagem por Vênus, afirmam astrônomos

De acordo com cientistas norte-americanos, cálculos das órbitas entre a Terra e Marte os levaram a concluir que tais viagens seriam mais rápidas, eficientes, e permitiriam estudar os dois planetas. Uma viagem da Terra a Marte …

EUA: Suprema corte autoriza a divulgação de documentos financeiros de Trump

A Suprema Corte dos Estados Unidos impôs uma grande derrota a Donald Trump, ao decidir que um procurador de Nova York tem direito de acesso a vários documentos financeiros do presidente, incluindo declarações de …

O fenômeno "água morta", observado a mais de cem anos, é finalmente explicado

Finamente uma equipe com especialistas de múltiplas áreas CNRS e da Universidade de Poitiers, ambas na França, decifrou a misteriosa ocorrência pela primeira vez. O estranho é fenômeno que desacelera navios ou faz que eles parem …

Pode mesmo haver vida nas nuvens de Vênus, dizem cientistas

Quem gosta de astronomia não deve saber que Vênus não é o mais habitável dos planetas. Com temperaturas em torno de 470ºC e com uma atmosfera formada por dióxido de carbono e nitrogênio noventa vezes …

Cientistas rebatem decisão da China de coletar DNA de homens e meninos

Um relatório que revelou que a China está coletando DNA de milhões de pessoas para ajudar a solucionar crimes. Essa informação tem levantado preocupações entre os pesquisadores sobre privacidade e consentimento, sob o argumento de que …

China revela análise de substância estranha encontrada na Lua em 2019

Em julho de 2019, a equipe da missão chinesa Chang'e 4 encontrou uma substância estranha na Lua. A descoberta foi anunciada em agosto do mesmo ano, chamando a atenção da comunidade científica, mas nada foi …

Cientistas alertam OMS para transmissão aérea do coronavírus além de dois metros

A transmissão aérea do novo coronavírus interpela os especialistas desde o início da pandemia. Nessa segunda-feira, um grupo de 239 cientistas alertou as autoridades de saúde do mundo inteiro, e em particular a OMS, …

Governo tem que tirar garimpeiros de terras yanomami em 15 dias para começar a enfrentar covid-19 em áreas indígenas

O Tribunal Regional Federal da 1ª Região determinou que o Governo Federal deveria retirar os garimpeiros das terras yanomami de Roraima como medida para conter o avanço do novo coronavírus nos territórios indígenas. A decisão liminar …

Encontrada a origem da vida no universo

Uma estrela morre por segundo no universo. Mas esses objetos estelares não somem totalmente, algo sempre fica para trás. Certas estrelas entram em supernova, que geram um buraco negro ou uma estrela de nêutrons, enquanto a …

Bolsonaro afirma que está com covid-19

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta terça-feira (07/07) que seu exame para detectar a covid-19 teve resultado positivo. Bolsonaro, de 65 anos, se submeteu ao exame na segunda-feira, após dizer que estava sentindo sintomas leves da …