Hackers russos revelam alegado doping de atletas americanas

Hackers informáticos russos divulgaram informações médicas privadas da ginasta Simone Biles e das tenistas Serena e Venus Williams, revelando que as famosas atletas americanas receberam permissão médica para usar drogas consideradas proibidas.

Segundo o New York Times, a Agência Mundial Antidoping (WADA) atribuiu a invasão a um grupo de ciberespionagem russo chamado “Tsar Team”, também conhecido como “Fancy Bear” – que tem como alvo os Ministérios da Defesa de vários países.

Apesar de confirmar a fuga de informação, a agência “lamenta a situação” e garante que as substâncias não foram usadas de forma irregular.

Segundo a WADA, algumas atletas com determinadas condições médicas podem pedir prescrições para certos medicamentos que estão na lista das substâncias consideradas proibidas.

A medalha de ouro em ginástica artística no Rio 2016, Simone Biles, terá consumido medicamentos para combater a hiperatividade – que são considerados proibidos no esporte mas foram aprovados pela agência de antidoping – e as irmãs Williams terão ingerido anti-inflamatórios.

“Em cada uma das situações, as atletas fizeram tudo de acordo com as regras globais para obter permissão para usar aquela medicação”, adiantou o presidente da Agência Antidoping dos Estados Unidos, Travis Tygart.

As famosas atletas já se defenderam das acusações nas redes sociais, destacando que cumpriram todas as normas estabelecidas.

“Tenho défice de atenção e tomo remédios desde criança. Por favor, saibam que eu sempre segui as regras e continuarei a fazê-lo já que o jogo limpo é crucial para o esporte e muito importante para mim”, explicou a ginasta no Twitter.

Venus Williams se mostrou desapontada com a divulgação das informações confidenciais e adiantou que é uma das grandes defensoras do “mais alto nível do desporto de elite”.

O grupo de hackers afirmou que, nos Jogos Olímpicos, os EUA tiveram uma boa prestação – mas que não foi justa – e admitiram ainda que vão publicar mais informações médicas sobre outros atletas mundiais nos próximos dias.

O governo americano está a investigar o caso, visto haver a suspeita de que os hackers tenham ligações ao Governo russo.

“Estes atos criminosos estão a comprometer muito o esforço da comunidade mundial antidoping para restabelecer a confiança na Rússia”, disse o diretor-geral da WADA, Olivier Niggli.

O porta-voz do presidente Vladimir Putin, Dmitry Pescov, negou que o país tenha alguma coisa a ver com o caso.

BZR, ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Trump não se compromete com transferência pacífica de poder

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, recusou-se a se comprometer com uma transferência pacífica de poder caso seja derrotado na eleição presidencial de 3 de novembro. "Vamos ver o que vai acontecer", disse Trump, ao …

TikTok impõe restrições em anúncios de emagrecimento para combater gordofobia

O TikTok anunciou nesta quarta-feira (23) uma série de novas regras que restringem a veiculação de anúncios de aplicativos e suprimentos de emagrecimento dentro da plataforma. Segundo o comunicado oficial da rede social, o objetivo das …

Volkswagen vai indenizar ex-trabalhadores que denunciaram ditadura militar no Brasil

A subsidiária da montadora alemã Volkswagen anunciou que vai indenizar ex-trabalhadores por violações de direitos humanos no Brasil. Como reconhecido pela própria empresa, seus serviços de segurança interna colaboraram com a ditadura militar brasileira …

Coreia do Sul acusa Norte de ter matado brutalmente um de seus funcionários desaparecido

A Coreia do Sul afirmou que um dos funcionários de seu Ministério dos Oceanos e Pesca foi morto e queimado após ter desaparecido durante o serviço no mar. O funcionário de 47 anos teria desaparecido nesta …

Pedaço de gelo quase do tamanho do Recife se descola da última plataforma do Ártico

Um pedaço de quase 110 quilômetros quadrados de gelo se desprendeu da última plataforma de gelo da Groenlândia, chamada de Nioghalvfjerdsfjorden ou 79N. A título de comparação, o tamanho da parte que se soltou equivale …

Blue Origin quer criar habitats espaciais comerciais já na década de 2020

Parece que a Blue Origin, empresa de Jeff Bezos focada em voos espaciais comerciais, está mesmo querendo entrar no novíssimo e vindouro mercado de habitats na órbita da Terra — e pode ter a NASA …

Brasil é líder em conflitos socioambientais na Amazônia

Dono da maior extensão de Floresta Amazônica, o Brasil também é campeão em conflitos socioambientais na região. Um levantamento inédito comparando a situação de quatro países mostrou que, dos 1.308 confrontos registrados em 2017 e …

Lukashenko toma posse em cerimônia secreta em Belarus

O presidente de Belarus prestou juramento, nesta quarta-feira (26), em uma cerimônia mantida em sigilo. Este é o sexto mandato do chefe de Estado, no poder há 26 anos. "Alexander Lukashenko prestou juramento no idioma bielorrusso, …

Pássaros sacrificados como oferenda aos deuses são encontrados no Egito

Milhões de aves, que teriam sido utilizadas como oferenda aos deuses Hórus, Rá ou Thoth foram encontradas por uma equipe de arqueólogos no Egito. Os arqueólogos da Universidade Claude Bernard Lyon estavam trabalhando nas escavações de …

Navalny deixa hospital em Berlim

Oposicionista russo recebe alta após um mês de tratamento para curar envenenamento por agente neurotóxico do tipo Novitchok. Médicos dizem que recuperação total é possível, mas não sabem estimar efeitos de longo prazo. O oposicionista russo …