Harley-Davidson se rende à Europa e transfere parte da produção para fora dos EUA

Um jogo de cintura para fugir das taxas alfandegárias impostas pela UE. A Harley-Davidson estima que as tarifas impostas prejudiquem seu negócio, traduzindo-se em um custo adicional de 2.200 dólares, cerca de R$ 8.300, por cada moto exportada. Assim, a empresa vai transferir parte da produção para a Europa.

Nesta segunda-feira (25), a famosa fabricante de motocicletas Harley-Davidson anunciou que vai transferir parte da sua produção dos Estados Unidos para outros países, a fim de evitar as tarifas impostas pela União Europeia, mas disputa entre a Casa Branca e a Europa ameaça as vendas internacionais da empresa.

Em retaliação às tarifas impostas pelo governo dos Estados Unidos sobre o aço e o alumínio, a União Europeia impôs tarifas este mês a uma longa lista de exportações americanas politicamente sensíveis, incluindo motocicletas.

A empresa estima que a nova taxa irá custar entre 90 a 100 milhões de dólares por ano, cerca de 340 a 378 de reais.

Em comunicado, a Harley-Davidson, sediada em Wisconsin, informou ao regulador que a tarifa de 25% irá se traduzir em um custo adicional de 2.200 dólares por cada moto exportada dos Estados Unidos para a União Europeia, que a empresa não quer refletir no preço final a ser pago pelo consumidor, informa o Jornal de Negócios.

Até o fim deste ano, o impacto das tarifas nas contas da fabricante será de 30 a 45 milhões de dólares. Segundo a Slate, a tarifas sobre as motos aumentaram de 6% para 31%. Para contornar o problema, a empresa irá transferir parte da sua produção para a Europa nos próximos 9 a 18 meses.

“A Harley-Davidson acredita que o tremendo aumento dos custos, se passado para os revendedores e clientes de retalho, terá um impacto negativo, imediato e duradouro, no negócio nessa região”, refere a empresa, no comunicado citado pela Reuters.

A Europa é o segundo maior mercado da empresa. No ano passado, a Harley-Davidson vendeu quase 40 mil motos na Europa, que representaram 14% das vendas totais.

Ainda assim, a fabricante tem feito muitos esforços para aumentar suas vendas no exterior, para evoluir dos atuais 43% do volume total para 50%. Depois de suas vendas para o exterior terem caído para o valor mais baixo dos últimos seis anos, a empresa anunciou o fechamento da sua unidade de produção em Kansas City, Missouri.

A Harley-Davidson não adiantou, porém, se os funcionários vão perder o emprego. No entanto, se a transferência levar a cortes de empregos ou não, a “icônica marca americana movimenta a fabricação no exterior” não é o tipo de manchete que o governo de Trump espera que suas agressivas táticas comerciais gerem.

Harley-Davidson se rendeu à Europa, acusa Trump

Também nesta segunda, o presidente norte-americano se pronunciou sobre o assunto, criticando a decisão da fabricante Harley-Davidson de transferir uma parte da sua produção para a Europa, informou a Renascença.

“Surpreendido”, Donald Trump acusa a empresa que é um dos símbolos dos Estados Unidos de ter sido a primeira “a levantar uma bandeira branca“. “Eu lutei arduamente por eles e, no final das contas, não vão pagar tarifas na União Europeia”, disse no Twitter.

As tarifas são apenas uma desculpa para a Harley. Tenham paciência.”

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Água líquida em Marte: descobertas mais reservas no polo sul do Planeta Vermelho

Em 2018, pesquisadores italianos anunciaram que haviam encontrado evidências da existência de água líquida em Marte, abaixo da calota polar sul. Agora, a equipe voltou em mais uma série de informações que não apenas sustentam essa …

Cientistas russos encontram nova forma de tratamento para covid-19

Uma equipe de cientistas russos sugeriu tratar os pacientes gravemente afetados pelo coronavírus SARS-CoV-2 da mesma maneira que são tratados alguns casos de intoxicação. De acordo com os especialistas do Instituto de Pesquisa de Medicina de …

Covid-19 já causou a morte de um milhão de pessoas no mundo

Nove meses após seu surgimento na China, a pandemia de Covid-19 superou, neste domingo (27), o número simbólico de um milhão de mortos no mundo. No total, o coronavírus causou 1.000.009 mortes e 33.018.877 casos …

Homem que comia alcaçuz todos os dias morre e médicos alertam sobre riscos à saúde

Um homem de 54 anos morreu após consumir alcaçuz em excesso. Segundo os médicos do Hospital Geral de Massachussets (EUA), após duas semanas ingerindo alcaçuz preto em excesso, o homem teve uma overdose de uma …

Conflito armado se acirra na fronteira entre Armênia e Azerbaijão

A Armênia e o Azerbaijão se acusaram mutuamente neste domingo (27/09) de iniciar confrontos mortais na região separatista de Nagorno-Karabakh, na fronteira entre os dois países, em meio a uma disputa territorial de décadas. Ao …

Grande depósito de ovos de dinossauro é descoberto na Espanha

O norte de Espanha foi palco de uma nova descoberta paleontológica. Foram encontrados ovos de 68 milhões de anos atrás, que podem conter embriões desses enormes répteis. José Manuel Gasca estava fazendo jogging um dia no …

Uma cidade brasileira pode ter atingido imunidade de grupo ao Covid-19 a um terrível custo

Um surto explosivo de COVID-19 em Manaus pode ter contaminado pessoas suficientes para que a imunidade coletiva tenha se manifestado, sugerem estudos iniciais. Exames de anticorpos mostram que até dois terços da população pode ter contraído …

O raro pedido de desculpas de Kim Jong-un pela morte de sul-coreano na Coreia do Norte

O líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, divulgou um raro pedido de desculpas pessoal pelo assassinato de um cidadão sul-coreano, segundo o governo da Coreia do Sul. Kim disse a seu colega sul-coreano, Moon Jae-in, …

Esses são os preparativos finais para a NASA coletar amostras do asteroide Bennu

A NASA já iniciou a contagem regressiva para o grande momento da missão OSIRIS-REx: a coleta de amostras do asteroide Bennu, que acontecerá no dia 20 de outubro. Será uma manobra complicada para a sonda …

Trump volta a lançar dúvida sobre processo eleitoral nos EUA

Após recusar comprometimento com transição pacífica de poder, presidente americano diz não saber se é possível um pleito "honesto". Líder republicano no Senado diz que transferência de mandato presidencial será ordenada. O presidente dos EUA, Donald …