Luva inteligente ajudará astronautas a controlar drones e robôs em outros mundos

Além de trajes mais modernos para as futuras explorações espaciais na próxima década, a NASA, juntamente com algumas organizações parceiras, está desenvolvendo uma luva inteligente para astronautas usarem em suas missões na Lua, Marte, e além. Ela servirá para controlar dispositivos à distância, como drones, através de gestos com a mão.

Apresentada pelo Projeto Haughton-Mars (PHM, um projeto da NASA que realiza experimentos em terrenos que simulam a superfície de Marte) a luva inteligente também tem a parceria das organizações SETI Institute, Mars Institute, NASA Ames Research Center, Collins Aerospace e Ntention.

O equipamento será útil nas atividades extraveiculares (ou seja, fora das espaçonaves) das missões espaciais, uma vez que os trajes limitam bastante a precisão e a destreza dos movimentos dos astronautas. Com a luva, eles conseguirão executar tarefas mais delicadas com maior facilidade.

Uma das colaboradoras, a Ntention, já tem experiência em desenvolvimento de luvas inteligentes. Ela é uma startup fundada e administrada por estudantes da Universidade Norueguesa de Ciência e Tecnologia, em Trondheim, Noruega, e ficou conhecida pelo design e desenvolvimento de uma luva inteligente capaz de controlar drones entre outros robôs por simples gestos de mão.

Ainda este ano, a Ntention havia desenvolvido uma dessas luvas para o MPH. O Dr. Pascal Lee, cientista planetário do SETI Institute e do Mars Institute, e diretor do MPH, assistiu a uma demonstração dessa luva para aplicações terrestres, e gostou tanto que sugeriu aplicá-la ao traje espacial de um astronauta. Assim, nasceu a ideia de realizar um estudo de campo do conceito de “luva inteligente de astronauta” no HMP.

Conforme explica Lee, “um traje espacial pressurizado é relativamente rígido e os movimentos das mãos e dedos encontram resistência substancial. Na ‘luva inteligente de astronauta’, a sensibilidade dos movimentos das mãos é ajustável e pode ser ajustado, o que significa que a tecnologia pode ser adaptável à pressão rígida do traje espacial”.

Para o teste de campo, a tecnologia de luvas inteligentes foi integrada a um traje espacial da Collins Aerospace. “Os astronautas precisam de trajes espaciais que facilitem a interação com o ambiente, incluindo tarefas complexas e delicadas“, disse Greg Quinn, líder de desenvolvimento de trajes espaciais da Collins Aerospace. Os membros da equipe avaliaram a tecnologia através de uma série de testes, como operação de drones.

A escolha por testes com drones não foi à toa. Lee explica que “os astronautas na Lua ou em Marte vão querer pilotar drones por várias razões, por exemplo, para coletar uma amostra que está fora de alcance ou que precisa ser isolada de contaminação. Ou para ajudar em uma operação de busca e salvamento”.

Os testes mostraram que um astronauta em um traje espacial poderá executar facilmente várias tarefas importantes de ciência e exploração usando a luva inteligente e uma interface de visualização de realidade aumentada.

“Os testes de voo e operações sugerem que a luva inteligente e a interface homem-máquina de realidade aumentada permitiriam aos astronautas operar drones e outros ativos robóticos com facilidade e precisão, inclusive em um traje espacial pressurizado”, disse Brandon Dotson, engenheiro aeroespacial e piloto de testes do Exército dos EUA que testou o dispositivo.

Ainda falta avaliar a luva inteligente com outros dispositivos robóticos, incluindo jipes espaciais e outros sistemas científicos. Se tudo der certo, a nova era da exploração espacial poderá ser ainda mais interessante do que pensávamos.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Asteroide passa ‘raspando’ pela Terra e chega mais perto de nós do que satélites de TV

Por pouco não tivemos a ‘visita‘ de um asteroide na manhã desta quinta-feira (24). O evento era, basicamente, a cereja do bolo do que está sendo o anos de 2020. Quase! O objeto, chamado de ‘2020 …

Sarcófago de 'supervisor dos tronos' é desenterrado no Egito

Um sarcófago de pedra calcária e várias estatuetas funerárias ushebti foram descobertas na cidade egípcia de Minya, por uma missão arqueológica do país, liderada por Mostafa al-Waziry, o secretário-geral do Conselho Supremo de Antiguidades do …

Trump não se compromete com transferência pacífica de poder

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, recusou-se a se comprometer com uma transferência pacífica de poder caso seja derrotado na eleição presidencial de 3 de novembro. "Vamos ver o que vai acontecer", disse Trump, ao …

TikTok impõe restrições em anúncios de emagrecimento para combater gordofobia

O TikTok anunciou nesta quarta-feira (23) uma série de novas regras que restringem a veiculação de anúncios de aplicativos e suprimentos de emagrecimento dentro da plataforma. Segundo o comunicado oficial da rede social, o objetivo das …

Volkswagen vai indenizar ex-trabalhadores que denunciaram ditadura militar no Brasil

A subsidiária da montadora alemã Volkswagen anunciou que vai indenizar ex-trabalhadores por violações de direitos humanos no Brasil. Como reconhecido pela própria empresa, seus serviços de segurança interna colaboraram com a ditadura militar brasileira …

Coreia do Sul acusa Norte de ter matado brutalmente um de seus funcionários desaparecido

A Coreia do Sul afirmou que um dos funcionários de seu Ministério dos Oceanos e Pesca foi morto e queimado após ter desaparecido durante o serviço no mar. O funcionário de 47 anos teria desaparecido nesta …

Pedaço de gelo quase do tamanho do Recife se descola da última plataforma do Ártico

Um pedaço de quase 110 quilômetros quadrados de gelo se desprendeu da última plataforma de gelo da Groenlândia, chamada de Nioghalvfjerdsfjorden ou 79N. A título de comparação, o tamanho da parte que se soltou equivale …

Blue Origin quer criar habitats espaciais comerciais já na década de 2020

Parece que a Blue Origin, empresa de Jeff Bezos focada em voos espaciais comerciais, está mesmo querendo entrar no novíssimo e vindouro mercado de habitats na órbita da Terra — e pode ter a NASA …

Brasil é líder em conflitos socioambientais na Amazônia

Dono da maior extensão de Floresta Amazônica, o Brasil também é campeão em conflitos socioambientais na região. Um levantamento inédito comparando a situação de quatro países mostrou que, dos 1.308 confrontos registrados em 2017 e …

Lukashenko toma posse em cerimônia secreta em Belarus

O presidente de Belarus prestou juramento, nesta quarta-feira (26), em uma cerimônia mantida em sigilo. Este é o sexto mandato do chefe de Estado, no poder há 26 anos. "Alexander Lukashenko prestou juramento no idioma bielorrusso, …