Maior moeda de ouro do mundo é roubada de museu em Berlim

Desconhecidos roubaram a maior moeda de ouro do mundo do Museu Bode, em Berlim, na madrugada de segunda-feira, por volta das  03h30 locais (10h30 de Brasília), anunciou a polícia alemã.

A Efe noticia que o alerta foi dado ao ter sido encontrada uma escada de mão no exterior do edifício, junto a uma linha férrea próxima, o que levou a fechar a circulação ferroviária em três linhas durante duas horas.

A peça foi produzida em 2007 pela Real Casa da Moeda do Canadá, numa série limitada, é de ouro puro (99,99%), pesa 100 quilos e tem o valor nominal de um milhão de dólares (mais de R$  3 milhões).

Numa das faces da moeda está representado o perfil da rainha Elizabeth II, da Inglaterra, chefe de Estado do Canadá, e na outra, uma folha de plátano, símbolo nacional canadense.

Esta peça foi incluída no Guiness Book em 2008 como a maior moeda de ouro do mundo.

O museu tem uma das maiores coleções de moedas do mundo, sendo a mais antiga moeda datada do século VII antes de Cristo, proveniente da Anatólia, na Ásia, região maioritariamente no atual território turco.

A polícia tenta entender como os ladrões conseguiram entrar no Bode, na capital federal alemã, a menos de cem metros da residência particular da chancelar alemã, Angela Merkel.

// ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

EUA mudam posição histórica e afirmam que colônias de Israel não são ilegais

Os Estados Unidos afirmaram nesta segunda-feira (18) que não consideram mais os assentamentos de Israel na Cisjordânia ocupada uma quebra do direito internacional. A mudança foi anunciada pelo secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo, que …

Trump poderá depor no inquérito sobre seu impeachment na Câmara dos Representantes

O presidente Donald Trump anunciou nesta segunda-feira  que poderá testemunhar no comitê de investigação da Câmara dos Representantes, que avalia a possibilidade de pedir seu impeachment. O pedido foi feito pela líder dos democratas, Nancy …

Buraco negro supermassivo disparou estrela em altíssima velocidade

Há cerca de cinco milhões de anos uma estrela foi lançada do buraco negro supermassivo que fica no centro da Vial Láctea, Sagittarius A. Os cientistas imaginam que a velocidade inicial era de milhares de …

Ataque a tiros deixa mortos em festa de quintal na Califórnia

Quatro pessoas morreram e ao menos seis ficaram feridas neste domingo em um novo ataque com arma de fogo no estado da Califórnia, nos Estados Unidos. Familiares e amigos assistiam a um jogo de futebol no …

Jovem norueguesa monitora quase 500 perfis nas redes sociais para evitar suicídios

Ingebjørg Blindheim tem 22 anos e já ganhou o apelido de “salva-vidas”. A norueguesa monitora quase 500 perfis nas redes sociais buscando identificar usuários que possam estar próximo de cometer suicídio. Quando percebe uma situação de …

NASA pode ter encontrado pistas sobre Planeta X

O suposto Planeta X segue repleto de mistérios e a única coisa que se sabe é que há algum objeto grande e massivo na região do cinturão de Kuiper. O grande objeto estaria causando uma grande …

Co-fundador da Wikipedia lança rede social livre de anúncios

O co-fundador da Wikipédia, Jimmy Wales, desenvolveu uma rede social chamada WT: Social, que opera basicamente do mesmo jeito que a enciclopédia virtual, ou seja, sem publicidade, apenas com doações. Apesar disso, não há ligação …

O que é a peste pulmonar e por que sua aparição na China preocupa

A forma mais rara, porém mais letal de peste, apareceu na China. Duas pessoas foram hospitalizadas em Pequim após contrairem a peste pulmonar ou pneumônica - uma variante altamente infecciosa da doença e muitas vezes …

Mais de 200 pessoas perderam visão em protestos no Chile

A principal associação médica do Chile anunciou nesta quinta-feira (14/11) que pelo menos 230 pessoas perderam a visão, parcial ou completamente do olho afetado, devido a tiros com espingarda de pressão disparadas por agentes de …

Movimento dos "coletes amarelos" completa um ano com efeitos positivos na economia

O diário econômico francês Les Echos desta sexta-feira dedica sua capa e várias páginas ao movimento dos coletes amarelos, que completa um ano neste domingo. O jornal analisa as consequências dos protestos na economia francesa …