Mistério dos crânios alongados encontrados na Baviera é desvendado

Krishna R. Veeramah et al

Crânios Alongados da Baviera, Alemanha

Uma equipe internacional de cientistas descobriu a origem dos misteriosos crânios alongados encontrados na Baviera, na Alemanha. Depois de análises de DNA aos restos humanos enterrados há mais de 500 anos, concluíram que as mulheres com deformações cranianas eram imigrantes.

O grupo internacional de pesquisadores se debruçou sobre os vestígios de 36 homens e mulheres que foram enterrados em 41 cemitérios da Baviera, mais ou menos por volta do ano 500. Destes, 14 dos esqueletos apresentavam sinais de deformidade no crânio, sendo mais alongados que o habitual.

A análise dos genomas desses restos mortais revelou que os homens tinham muitas semelhanças com os europeus modernos, enquanto as mulheres apresentavam uma grande diversidade genética, escrevem os cientistas no artigo publicado nos Proceedings of the National Academy of Sciences.

Os dados apurados indicam que a maioria dos homens tinha “uma ascendência que se assemelha muito com os europeus modernos do norte e centro” do Velho Continente, enquanto as mulheres revelam “uma heterogeneidade genética muito alta”, referem os autores do estudo.

A conclusão dos cientistas é que “a mais provável origem da maioria dessas mulheres era o sudeste da Europa“, até porque também apresentavam “características visíveis” muito diferentes umas das outras.

As deformações no crânio seriam um sinal da proveniência do leste europeu, revelando a herança cultural herdada dos Hunos, povo proveniente da Ásia que invadiu o Velho Continente.

A prática de alongamento do crânio, aplicada sobretudo nas mulheres, por se acreditar que ficavam mais bonitas e que revelava um estatuto social superior, foi implementada entre os povos que viviam na zona da atual Romênia, por volta do século II.

Entre os séculos IV e VII, a Europa viveu um período de grandes migrações, fruto da fuga às invasões dos Hunos, mas também devido a ondas de frio e à escassez de alimentos em certas regiões.

A pesquisa levada a cabo em torno dos vestígios humanos da Baviera reflete esses “processos demográficos complexos durante o primeiro período medieval”, sustentam os autores do estudo. As migrações podem, assim, ter contribuído, “de forma inesperada”, para “moldar o panorama genético europeu moderno“, concluem.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Ativistas preparam protesto global contra a Amazon

Um grupo internacional de ativistas climáticos, aliados a trabalhadores de armazéns da Amazon, lançou uma campanha online global, cujo objetivo é pressionar a gigante do e-commerce a oferecer melhores condições de trabalho para seus funcionários …

Pesquisadores descobrem em cometa elemento essencial para vida na Terra

A descoberta indica que os elementos imprescindíveis para o surgimento da vida podem ter chegado à Terra por meio de cometas. Pesquisadores identificaram fósforo e flúor em partículas de poeira sólida coletadas no interior do cometa …

Consumo de plásticos explode na pandemia e Brasil recicla menos de 2% do material

Com o avanço do delivery de alimentos e do comércio eletrônico, além do maior uso de material hospitalar descartável como máscaras e luvas, o consumo de plásticos explodiu durante a pandemia do coronavírus. O aumento do …

Cientistas explicam por que não se consegue parar a pandemia

Cientistas turcos descobriram que a quantidade de vírus SARS-CoV-2 no organismo de pacientes assintomáticos é mais alta do que nos que apresentam sintomas, o que diferencia radicalmente o novo coronavírus de outros patógenos e explica …

Al-Ahly venceu Liga dos Campeões da CAF

A equipa egípcia do Al-Ahly arrecadou o troféu da Liga dos Campeões da Confederação Africana de futebol pela nona vez ao derrotar o outro clube egípcio, o Zamalek, por 1-2. A final 100% egípcia decorreu no …

Monolito misterioso achado no deserto dos EUA desaparece

O misterioso monolito de metal que causou grande especulação após sua descoberta em um deserto no estado americano de Utah, nos EUA, aparentemente desapareceu, segundo funcionários locais. O escritório de administração fundiária do estado de Utah …

Parlamento iraniano assina texto que impede inspeção de centrais nucleares

A proposta é uma represália ao assassinato do cientista Mohsen Fakhrizadeh, chefe do Departamento de Pesquisa e Inovação do Ministério da Defesa, nesta sexta-feira (27). O governo iraniano responsabilizou Israel pelo crime, dizendo que …

Campanha pede debate da Globo online após Boulos testar positivo para covid-19

De última hora, o candidato à Prefeitura de São Paulo, Guilherme Boulos (PSOL), testou positivo para covid-19. Nessa sexta-feira (27), haveria o último debate antes das eleições entre ele e o candidato à reeleição Bruno Covas …

MDZhB: a misteriosa rádio soviética que segue emitindo sinais e ruídos há quase 50 anos

Uma misteriosa estação de rádio segue ininterruptamente transmitindo somente ruídos estáticos interrompidos por sons robóticos há mais de quatro décadas. Conhecida como UVB-76 ou MDZhB, os sinais da rádio são transmitidos de dois diferentes pontos da …

Atmosfera da Terra primitiva pode ter sido tão tóxica quanto a de Vênus hoje

Pesquisadores tentaram reproduzir o equilíbrio delicado entre os gases que evaporaram do oceano de magma e a atmosfera que eles podem ter criado, e descobriram que esta seria fina e composta por dióxido de carbono …