Misteriosa minilua vai entrar na órbita da Terra em outubro e ficará por meio ano

Corpo celeste tem uma velocidade muito baixa, o que é atípico para asteroides. Cientistas suspeitam que a minilua afinal seja lixo espacial do século passado.

Astrônomos descobriram o corpo celeste 2020 SO, que está em uma trajetória de aproximação que provavelmente o fará ser capturado pela gravidade da Terra. As projeções indicam que 2020 SO entrará na órbita da Terra em outubro e permanecerá até maio de 2021, quando partirá para outros arredores.

Os cientistas chamam esses pequenos objetos que são temporariamente capturados pela órbita do nosso planeta, pairando por um curto período antes de ser lançado de volta ao espaço, de miniluas.

Até hoje apenas duas miniluas foram detectadas: o asteroide 2006 RH120, que nos visitou entre 2006 e 2007, e o asteroide 2020 CD3, que ficou na órbita da Terra de 2018 a 2020.

Todavia, desta vez os astrônomos acreditam que esta minilua não é um asteroide, uma vez que a sua velocidade é muito inferior. “O que estou vendo é que está se movendo muito devagar, o que reflete sua velocidade inicial. Isso é essencialmente uma grande revelação”, comenta ao portal Science Alert a arqueóloga espacial Alice Gorman, da Universidade Flinders, na Austrália.

Corpos celestes que vieram da Lua também têm uma velocidade menor do que asteroides, mas Gorman destaca que 2020 SO é ainda mais lento do que as rochas lunares.

Tudo isso aponta para o objeto potencialmente ser lixo espacial, um objeto feito pelo homem, especialmente devido à órbita semelhante à da Terra e a velocidade baixa.

Paul Chodas, do Laboratório de Propulsão a Jato da agência espacial norte-americana, sugere que o corpo celeste é, na verdade, um propulsor do foguete da sonda dois do programa Surveyor NASA, que foi lançado em 20 de setembro de 1966.

O tamanho estimado do 2020 SO corresponde às propriedades do propulsor do foguete. O corpo celeste tem entre 6,4 metros e 14 metros de comprimento e o lixo espacial mede 12,68 metros.

O 2020 SO vai chegar mais próximo da Terra em duas ocasiões. Em 1 de dezembro, o corpo celeste passará a uma distância de cerca de 50 mil quilômetros e por volta de 2 de fevereiro de 2021 ele chegará a 220 mil quilômetros de distância.

Em nenhuma dessas ocasiões 2020 SO chegará perto o suficiente para entrar na atmosfera da Terra, de forma que o objeto não representa nenhum perigo. Mas essas distâncias, especialmente em velocidades lentas, podem ser suficientes para estudá-lo mais de perto e determinar o que é de fato o 2020 SO.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

'Vai comprar lá na Venezuela', rebate presidente a apoiador que reclamou de preço do arroz

O presidente Jair Bolsonaro rebateu neste domingo (25), durante passeio de moto por Brasília, crítica de apoiador sobre a alta do preço do arroz. No momento em que saia da Feira Permanente do Cruzeiro, região administrativa …

Espanha, Itália e França ampliam restrições em fim de semana com recorde de casos da Covid-19

Os líderes europeus intensificam as medidas de combate à pandemia do coronavírus, depois da alta de 42% de novos casos da Covid-19 em uma semana. A Itália reforçou neste domingo as medidas de restrição …

Pistachio, o cãozinho filhote que nasceu com pelo verde na Itália

O fazendeiro italiano Cristian Mallocci esperava uma ninhada normal de cachorros de sua cadelinha labradora. Entretanto, ao ver os filhotinhos que nasceram, ele percebeu que um era um pouquinho diferente. ‘Pistachio’, como foi nomeado posteriormente, …

Fóssil de pterossauro nunca antes visto de 100 milhões de anos é descoberto na China

Um novo gênero e uma nova espécie de pterossauro dsungaripterídeo, que viveu durante o Cretáceo Inferior, foram catalogados na China após análise de uma mandíbula inferior incompleta. Pterossauros eram répteis voadores que viveram simultaneamente com os …

A consciência é um campo energético: afirma estudo

Uma nova ideia incomum em neurociência sugere que nossa consciência é derivada de um campo de ondas eletromagnéticas emitidas pelos neurônios quando disparam suas cargas elétricas. A ideia é que essas ondas de atividade elétrica sejam …

Pais gays viram alvo de investigações na Rússia

Alguns anos atrás, o advogado Vladimir (nome modificado), morador de uma grande cidade russa, decidiu ter um filho com o auxílio de uma mãe de aluguel. Sua família inteira ficou contente quando uma menina nasceu. …

Líbano: Saad Hariri volta ao posto de primeiro-ministro para formar novo governo

Saad Hariri foi nomeado novamente primeiro-ministro do Líbano, com o desafio de chegar a um acordo com as várias forças políticas do país e formar um governo capaz de realizar as reformas necessárias para …

Alunos incentivam câmeras ligadas para que professores não ‘falem’ com telas em branco

Para amenizar a sensação de solidão de professores em aulas online, alunos norte-americanos começaram a usar o TikTok para incentivar mais estudantes a abrirem as câmeras durante encontros educacionais à distância. A usuária da rede social …

Identificada a causa da maior extinção em massa na história da Terra

A vida na Terra tem uma história longa, mas também extremamente turbulenta. Em mais de uma ocasião, a maioria de todas as espécies foi extinta e uma biodiversidade já altamente desenvolvida reduziu para um mínimo …

Cães farejadores de covid: eficazes e baratos, mas esnobados

A Europa está em pânico em meio ao segundo surto de covid-19, com taxas de contágio explodindo e os PIBs despencando. A Bélgica acaba de anunciar que não mais testará cidadãos assintomáticos, mesmo que tenham …