NASA pronta para estudar o coração de Marte

Goddard Space Center / NASA

A NASA está prestes a embarcar numa jornada para estudar o interior de Marte. A agência espacial realizou uma coletiva de imprensa no JPL (Jet Propulsion Laboratory) em Pasadena, no estado norte-americano da Califórnia, detalhando a próxima missão ao Planeta Vermelho.

Com lançamento previsto para 5 de maio, o “lander” estacionário InSight da NASA será a primeira missão dedicada a explorar o interior profundo de Marte. Essa também será a primeira missão da NASA, desde os pousos lunares das missões Apollo, a possuir um sismógrafo, dispositivo que mede tremores no solo.

Para Bruce Banerdt, do JPL e cientista principal da InSight, é também um trabalho de amor. Banerdt trabalhou mais de 25 anos para tornar a missão uma realidade.

“De certa forma, a InSight é como uma máquina do tempo que nos trará de volta informações sobre os primeiros estágios da formação de Marte há 4,5 bilhões de anos”, comenta Banerdt. “Irá nos ajudar a aprender como os corpos rochosos se formam, incluindo a Terra, a Lua e até mesmo planetas em outros sistemas solares”, afirmou.

O veículo de pouso InSight transporta um conjunto de instrumentos sensíveis para recolher dados e, ao contrário de uma missão móvel como as dos rovers, os instrumentos requerem um módulo estacionário a partir do qual podem ser cuidadosamente colocados acima e abaixo da superfície marciana.

De certo modo, Marte é o “exoplaneta mais próximo” – um exemplo vizinho de como o gás, a poeira e o calor se combinam e se organizam para formar um planeta. Ao observarem o interior profundo de Marte, os cientistas poderão compreender o quanto sua crosta, manto e núcleo são diferentes da Terra.

A NASA não é a única agência animada com a missão InSight. Vários parceiros europeus contribuíram com instrumentos ou componentes de instrumentos. O Centro Nacional de Estudos Espaciais, na França, liderou uma equipe multinacional que construiu um sismômetro ultrassensível para detectar terremotos marcianos.

O Centro Aeroespacial Alemão desenvolveu uma sonda térmica que vai se enterrar de forma autônoma até 5 metros no subsolo e medir o calor que flui de dentro do planeta.

“A InSight é uma verdadeira missão espacial internacional“, realça Tom Hoffman, gestor de projetos no JPL. “Nossos parceiros nos forneceram instrumentos incrivelmente capazes que tornarão possível a recolha de dados científicos únicos depois de pousarmos”.

Atualmente, o “lander” Insight está na Base Aérea de Vandenberg, na Califórnia, em fase de preparação final antes do lançamento. Na semana passada, o dispositivo completou o que é conhecido como teste de rotação: toda a nave gira a uma alta velocidade para confirmar seu centro de gravidade.

Isso é crucial para a sua entrada, descida e pouso em Marte em novembro, explica Hoffman. Durante este mês, a plataforma científica será acoplada ao foguete, as ligações entre os dois serão verificadas e a equipe de lançamento passará por um treino final.

“Este mês será emocionante”, disse Banerdt. “Temos ainda algum trabalho final por fazer, mas estamos quase prontos para ir a Marte”. Empolgante, não?

Ciberia // CCVAlg / ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Revelada consequência grave da COVID-19 mais frequente do que se acreditava

Novo estudo revelou que os pacientes com COVID-19 que foram internados em unidades de terapia intensiva (UTI) têm mais possibilidade de desenvolver deficiências cognitivas contínuas. O estudo de quase 150 pacientes internados no início da pandemia …

Fundo de Bill Gates investe US$ 50 milhões em robôs agricultores que poupam água

A startup norte-americana Iron Ox recebeu um aporte de US$ 53 milhões (R$ 280,5 milhões) para melhorar sua tecnologia de robôs usados na agricultura e que consomem 90% menos água que plantações tradicionais. O dinheiro veio …

Bolsonaro pede à população que tome banho frio e evite elevador

O presidente Jair Bolsonaro pediu nesta quinta-feira (23/09) à população que tome banho frio e evite usar o elevador para economizar energia elétrica. "Aqui são três andares. Quando tem que descer, mesmo que o elevador esteja …

A incrível descoberta que indica presença humana nas Américas muito antes do que se pensava

Novas descobertas científicas apontam que humanos chegaram às Américas pelo menos 7 mil anos antes do que se estimava anteriormente. As pesquisas em torno do momento em que o continente americano passou a ser povoado a …

Mianmar: Justiça americana ordena quebra de sigilo do Facebook para investigar ameaças contra rohingyas

Um juiz americano ordenou ao Facebook que divulgue os arquivos de contas ligadas de membros do exército birmanês e de milícias budistas que perseguiram a minoria Rohingya em Mianmar. A decisão, que encontra resistência …

Eduardo Bolsonaro está com covid-19

O deputado federal Eduardo Bolsonaro, filho do presidente Jair Bolsonaro, está com covid-19. A informação foi divulgada nesta sexta-feira (24/09) por vários sites brasileiros de notícias. O próprio Eduardo teria confirmado seu diagnóstico ao portal …

Covid: o que alta em internação de idosos revela sobre efetividade da vacina e 3ª dose

As últimas estatísticas de casos, internações e mortes por covid-19 no Brasil trazem uma conclusão importante: as vacinas funcionam e protegem contra as formas graves da doença, mas algumas pessoas mais vulneráveis realmente precisam tomar …

Líder separatista catalão Carles Puigdemont é detido na Itália

Carles Puigdemont, que foi presidente do governo regional catalão durante a declaração de independência frustrada de 2017, foi detido na ilha italiana da Sardenha (oeste) nesta quinta-feira (23) após quatro anos foragido da justiça …

Por que as drogas psicodélicas estão mais perto do mercado convencional

O aumento da permissão de uso de psicodélicos como terapia promete transformar a forma como vemos o extraordinário. Foi em 1971 que Rick Doblin usou LSD pela primeira vez. Era uma tarde de sábado na Flórida, em …

Covid-19: EUA autorizam 3ª dose da vacina da Pfizer para idosos e grupos de risco

Os Estados Unidos autorizaram nesta quarta-feira a aplicação de uma terceira dose da vacina contra a covid-19 da Pfizer para maiores de 65 anos, pessoas com alto risco de contrair uma forma grave da …