Netanyahu é indiciado por corrupção pela Justiça israelense

US Department of State / Wikimedia

O primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu

A Justiça de Israel acusou nesta quinta-feira (21) o primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, por uma série de crimes de corrupção, aprofundando ainda mais a crise política no país.

O procurador-geral israelense, Avichai Mandelblit, indiciou o dirigente em três casos diferentes, por fraude, quebra de confiança e suborno. É a primeira vez que um chefe de governo em exercício é acusado de um crime no país.

Netanyahu é acusado de aceitar milhares de dólares em presentes, incluindo garrafas de champanhe e charutos, de amigos ricos, de oferecer troca de favores a um dono de de jornal e de usar sua influência para ajudar um empresário do setor de telecomunicação em retribuição a uma cobertura favorável em um popular site de notícias.

A medida da Justiça não obriga que o primeiro-ministro renuncie, mas aumenta a pressão para que ele deixe o governo. Segundo Netanyahu, as acusações fazem parte de uma caça às bruxas.

Em fevereiro, a polícia recomendou a Mandelblit que fizesse as acusações contra o dirigente. De acordo com o jornal The Jerusalem Post, o procurador-geral vai pedir ao Knesset (Parlamento israelense) que retire a imunidade de Netanyahu, processo que pode levar 30 dias.

Entenda os 3 casos

No caso batizado de “1000”, Netanyahu é suspeito de aceitar US$ 264 mil (cerca de R$ 1,1 milhão) em presentes de Arnon MIlchan, produtor de Hollywood e cidadão isralense, e James Packer, bilionário australiano.

No “Caso 2000”, a acusação é de que Netanyahu negociou acordo com o proprietário do jornal Yedioth Ahronoth para obter uma melhor cobertura. Em troca, ele teria favorecido lei que prejudicaria o crescimento de um jornal rival. O acordo não teria sido concretizado, mas a lei do país prevê que a tentativa de suborno pode ser enquadrada como crime.

No “Caso 4000”, a acusação é de que ele concedeu favores regulatórios à principal empresa de telecomunicações de Israel, a Bezeq Telecom Israel, em troca da cobertura positiva dele e de sua esposa em um site de notícias controlado pelo ex-presidente da empresa.

Presidente encarregou Parlamento de formar governo

Mais cedo, o presidente de Israel, Reuven Rivlin, encarregou o Parlamento de encontrar um novo primeiro-ministro, enquanto ele tenta evitar novas eleições depois que Netanyahu e seu rival Benny Gantz falharam em formar um governo.

O Parlamento terá agora até 11 de dezembro para encontrar um candidato que possa comandar o apoio da maioria dos 120 parlamentares do país ou uma nova eleição geral será convocada para o início de 2020. Seria a terceira nos últimos 12 meses.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Governo argentino é alvo de roubo de 10 anos de arquivos administrativos

O governo da Argentina foi alvo de um ataque por meio de um ransonware e está com cerca de 10 anos de dados públicos sequestrados desde do dia 25 de novembro. Em entrevista, a ministra da …

Lausanne, na Suíça, é a melhor cidade pequena do mundo

A cidade de Lausanne, na Suíça, foi considerada a melhor cidade pequena do mundo pela influente revista britânica “Monocle”. A publicação fez uma lista com as 25 melhores cidades pequenas do mundo, com população …

Esse organismo unicelular toma "decisões" complexas mesmo sem um cérebro

Um organismo unicelular de água fresca chamado Stentor roeseli demonstra comportamento inteligente. Ele foi descoberto em 1906, e quando estimulado no microscópio, essa criatura com formato de trompete conseguiu tomar decisões consideradas complexas para um …

Rússia é banida de eventos esportivos mundiais por quatro anos

Decisão deixará o país de fora dos Jogos Olímpicos de 2020 e da Copa do Mundo de Futebol de 2022. Agência Mundial Antidoping (Wada) conclui que Moscou manipulou dados laboratoriais de seus atletas. A Rússia está …

Pessoas em situação de rua viram guias turísticos na Irlanda

Olha só que iniciativa maravilhosa. Na Irlanda, o projeto ‘Secret Street Tours’ treina pessoas em situação de rua para usar seu conhecimento sobre a cidade para serem guias de turistas em tours pela cidade de …

Cientistas finalmente criam neurônios artificiais

Uma equipe internacional liderada por pesquisadores da Universidade de Bath (Inglaterra) realizou um feito inédito: conseguiu reproduzir a atividade biológica de neurônios usando chips de silicone. E o que é ainda melhor: esses “neurônios artificias” requerem …

Huawei pode lançar novos smartphones no Brasil, afirma executivo

A Huawei oficializou, nesta quinta-feira, 5, uma plataforma de auxílio aos desenvolvedores para publicarem e divulgarem seus aplicativos para os dispositivos da companhia. Chamada Huawei Ability Gallery, trata-se de uma expansão do ecossistema da App Gallery, …

Metrô de Paris ficará em greve até segunda-feira contra reforma da Previdência

A greve dos metroviários de Paris contra o projeto de reforma da Previdência francesa foi prorrogada até segunda-feira (9). Nas assembleias-gerais realizadas pela categoria na manhã de quinta-feira (5), primeiro dia da paralisação, quase todos os …

"Operação Maleta Verde", o escândalo que atinge governo e oposição na Venezuela

Com semblante mais sério que de costume, Juan Guaidó, reconhecido como presidente interino da Venezuela pelos Estados Unidos, pelo parlamento da União Europeia e por vários países da América Latina, dirigiu-se a jornalistas reunidos em …

Sarampo causou mais de 140 mil mortes em 2018

De acordo com OMS, maioria das vítimas tinha menos de cinco anos de idade e não havia sido vacinada. No ano passado, foram registrados quase 10 milhões de casos da doença no mundo. O sarampo causou …