Nove pessoas são identificadas por morte de turista italiano

Alexandre Macieira / Riotur

-

O turista italiano foi morto no Rio ao entrar por engano em favela de Santa Teresa

Nove pessoas envolvidas no assassinato do turista italiano Roberto Bardella no Morro dos Prazeres, em Santa Teresa, já foram identificadas, segundo a Polícia Civil.

Entre eles está Claudio Augusto dos Santos, conhecido como Jiló e apontado como chefe do tráfico local, que saiu da prisão há cerca de 30 dias. O acusado tem passagens por tráfico de drogas, formação de quadrilha e roubo.

Dos identificados, seis tiveram os pedidos de prisão decretados, e um, menor de idade, teve o pedido de apreensão solicitado. Outros dois aguardam o pedido de prisão da Delegacia de Homicídios ser deferido pela Justiça.

Segundo o delegado Fábio Cardoso, titular da Delegacia de Homicídios do Rio, o responsável por efetuar os disparos que mataram o italiano Roberto Bardella foi o traficante Rômulo Pontes Pinho, de 22 anos.

Ele foi um dos reconhecidos pelo italiano Rino Polato, primo de Bardella e que estava com ele no momento do assassinato. Polato chegou a ser sequestrado pelos bandidos e libertado horas depois.

Os outros suspeitos, segundo a polícia, são Wagner Moreira Rodrigues da Silva, o Guinin, de 22 anos, Thiago de Oliveira, o TG dos Prazeres, de 29 anos, Marcos Vinicius Paulo de Oliveira, de 24 anos e Marcos Elias Candido Bezerra, de 20 anos.

O delegado trabalha com a suspeita de que os turistas foram confundidos com policiais militares, pois usavam roupas de motociclista, de cor escura, que lembra o uniforme da PM.

De acordo com o depoimento, que durou cerca 10h entre quinta e sexta-feira, ao serem avistados pelos traficantes, os italianos ouviram gritos de ‘Para!’, mas não entenderam o comando e os bandidos atiraram quatro vezes. Dois disparos acertaram a cabeça e o tórax de Bardella.

Polato esteve no IML na tarde desta sexta-feira para o reconhecimento do corpo do primo. O corpo de Bardella aguarda liberação das autoridades para seguir para a Itália.

O caso é o terceiro registro de assassinato de italianos no Brasil em menos de um mês. Um deles morreu em Fortaleza (CE), e outro em Morro de São Paulo (BA).

Roberto Donati, o oficial que trabalha no serviço de cooperação da polícia italiana no Brasil,  acompanha as investigações e elogiou o trabalho da polícia.

Ele diz, no entanto, que, para a polícia italiana, identificar os suspeitos e decretar as prisões não põe um ponto final nas investigações, porque ninguém foi preso ainda.

O delegado fez um apelo à população que ajude a encontrar os foragidos e em caso de qualquer suspeita procure a DH, na Barra, ou entre em contato com o Disque-Denúncia.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Governo italiano deve decretar estado de catástrofe natural em Veneza

Metade da cidade está debaixo d’água, atingida pela pior cheia em 53 anos. O nível subiu 187 cm na terça-feira (12), o segundo mais alto desde 1966. A situação levou o governo a decidir decretar …

Oxigênio descoberto em Marte intriga cientistas da NASA

Padrão de comportamento do oxigênio recém-descoberto pelo rover Curiosity, da NASA, é tão diferente que os cientistas não conseguem desvendá-lo através dos processos químicos conhecidos pela ciência. A agência espacial norte-americana divulgou os resultados da análise …

O misterioso "Monstro Tully" acaba de ficar ainda mais esquisito

Um fóssil de 300 mil anos descoberto na década de 1950 no estado de Illinois (EUA) tem gerado muitas discussões entre cientistas. Batizado de Tullimonstrum, ou Monstro Tully, ele se parece com uma lesma. Mas …

Com asilo a Evo Morales, diplomacia mexicana dá passo à esquerda

México assume liderança esquerdista na América Latina ao receber o ex-presidente boliviano. Para analistas, medida desvia atenção de problemas internos, mas é jogo perigoso diante da dependência econômica dos EUA. A viagem de Evo Morales ao …

Incêndios florestais matam quatro pessoas e centenas de cangurus na Austrália

O número de vítimas pelos incêndios no leste da Austrália, onde 140 focos ainda continuam ativos, subiu para quatro nesta quinta-feira (14), com a descoberta de um cadáver perto da cidade de Kempsey, em Nova …

Holanda reduzirá limite de velocidade para combater poluição

O governo da Holanda reduzirá o limite máximo de velocidade nas rodovias do país como parte de uma série de medidas para combater as emissões de óxido de nitrogênio, geradas em grande parte por veículos …

A polêmica sobre campos de extermínio nazistas que opôs a Polônia ao Netflix

O primeiro-ministro da Polônia, Mateusz Morawiecki, enviou uma carta ao Netflix insistindo em mudanças no documentário The Devil Next Door (o diabo ao lado), sobre campos de extermínio nazistas. Na carta enviada no domingo, 10, e …

O único problema de ser filho único é o estigma

Filhos únicos possuem uma péssima reputação. Quantas vezes você não observou algum pai ser criticado por escolher ter apenas um pimpolho? “Ele vai ficar mimado, muito sozinho, egoísta, etc. etc. etc”. É um senso comum. Parece, …

Epidemia mundial: Pneumonia mata uma criança de menos de 5 anos a cada 39 segundos

O Dia Mundial da Pneumonia é comemorado em 12 de novembro. A data foi proposta pela Organização Mundial da Saúde (OMS), com o objetivo de conscientizar as pessoas sobre a importância da prevenção da doença, …

Senadora se declara presidente da Bolívia

A parlamentar oposicionista e segunda vice-presidente do Senado Jeanine Áñez declarou-se presidente da Bolívia nesta terça-feira (12). Ela também afirmou que o país terá novas eleições após a formação de uma nova comissão eleitoral. "De acordo …