O mundo pode ficar sem água até 2050

Um relatório da gigante multinacional Nestlé elaborado em 2009 e recentemente disponibilizado na página WikiLeaks revela uma situação preocupante: o Mundo está ficando sem água. Essa pesquisa foi enviada para oficiais do governo estadunidense em caráter secreto.

A empresa considerou como limite global sustentável máximo o consumo de 12.500 quilômetros cúbicos de água potável por ano – em 2008, foi registrado o uso de 6.000 quilômetros cúbicos -, mas ao que parece, o aumento da demanda tornará impossível a manutenção dessa quantidade.

Os principais responsáveis pelo grande aumento do consumo da água são a crescente população a nível mundial, a intensificação do consumo de carne e as novas demandas de biocombustível.

A Nestlé acredita que cerca de um terço do mundo irá sofrer com a escassez de água em 2025 e os problemas serão mais severos nas regiões do Oriente Médio, norte da Índia, norte da China e oeste dos Estados Unidos.

Uma verdadeira catástrofe está prevista para 2050, quando a falta de água será global.

Para evitar que o consumo de água potável se intensifique ainda mais, a companhia sugere três medidas:

  • a criação de um mercado virtual para controle do recurso (bastante conveniente se considerarmos que seria a própria Nestlé uma das principais empresas a atuar no mercado);
  • eliminação de subsídios e medidas preferenciais dadas à produção de biocombustíveis; adoção geral de plantas modificadas geneticamente que requeiram menos água em sua manutenção
  • liberalização do comércio da agricultura por todo o globo (o que também resultaria em grandes vantagens para os produtores gigantes).

O Banco Mundial confirma a existência de uma crise sem precedentes, causada pelo aumento populacional e econômico, revelando que, atualmente, cerca de 1,6 bilhões de pessoas enfrentam a escassez de água – número que pode dobrar até 2025.

Hoje, 70% do consumo de água é destinado para a agricultura e para atender a uma população que chegará a 9 bilhões em 2050 será preciso aumentar a produção em 40% – o que significará 15% a mais no fornecimento de água -, isso sem falar na necessidade de se gerar mais energia elétrica.

Um relatório publicado em maio deste ano revela que as mudanças climáticas serão responsáveis pela piora da escassez de água, podendo custar, para algumas regiões, o equivalente a 6% de seu PIB, resultando em processos de migração e conflitos, os quais podem também se intensificar por conta do aumento do preço de alimentos.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Estudo sugere que 2,5 bilhões de tiranossauros rex viveram na Terra

Estimativa inédita da população total dos dinossauros foi publicada na revista "Science". Biólogo brasileiro integrou equipe da Universidade da Califórnia que fez o cálculo. Se um Tyrannosaurus rex já parece bastante assustador, imagine 2,5 bilhões deles. …

Submarino soviético atingido por minas alemãs encontrado no mar de Barents

Uma expedição da Frota do Norte russa e da Sociedade Geográfica Russa encontrou no mar de Barents o submarino Katyusha, afundado durante a Segunda Guerra Mundial, de acordo com informação do serviço de imprensa da …

Filme desaparecido do mestre do cinema Orson Welles pode estar no Brasil

Apaixonado por Orson Welles, um documentarista norte-americano se prepara para ir ao Brasil relançar a busca de um filme desaparecido do mestre de Hollywood, Orson Welles: a versão original de "The Magnificent Ambersons", que …

Cientistas criam embriões que são parte humanos, parte macacos

Pela primeira vez, cientistas criaram embriões que são uma mistura de células humanas e macacos. Os embriões, descritos quinta-feira na revista Cell, foram criados em parte para tentar encontrar novas formas de produzir órgãos para pessoas …

Criatura misteriosa em árvore que assustou moradores em cidade da Polônia era croissant

Quando autoridades polonesas receberam o chamado de que um animal incomum estava escondido em uma árvore da cidade de Cracóvia, não sabiam o que esperar. "As pessoas não estão abrindo as janelas porque estão com medo …

"Os Simpsons": Hank Azaria se desculpa por dar voz ao personagem indiano Apu

O ator e dublador Hank Azaria pediu desculpas por sua contribuição ao racismo estrutural contra a população indiana. Azaria, que é branco, foi a voz por trás do personagem Apu Nahasapeemapetilon no desenho animado Os Simpsons …

STF confirma anulação das condenações de Lula na Lava Jato

Plenário do Supremo referenda decisão de Fachin que considerou a 13ª Vara Federal de Curitiba incompetente para julgar ações contra o ex-presidente. Com isso, petista retoma o direito de disputar eleições em 2022. O plenário do …

Biden: EUA estão prontos para mais medidas se Rússia continuar a interferir na nossa democracia

Em discurso nesta quinta-feira (15), o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, disse que notificou o presidente russo, Vladimir Putin, de que seu governo poderia ter tomado mais medidas contra a Rússia, mas preferiu ser …

Eurodeputados defendem que Bolsonaro seja responsabilizado por necropolítica

O embaixador brasileiro na União Europeia, Marcos Galvão, pediu nesta quinta-feira "vacinas, vacinas e vacinas" para tirar o Brasil "da situação desastrosa" em que se encontra. Durante audiência com deputados do Parlamento Europeu, em …

Robô em forma de estrela vai estudar o fundo do mar

Cientistas do MIT criaram uma estrela-do-mar robótica, que consegue nadar pela vizinhança sem chamar muita atenção. Um dos principais problemas enfrentados pelos robôs marinhos é que eles não se parecem com peixes ou com alguma outra …