O mundo pode ficar sem água até 2050

Um relatório da gigante multinacional Nestlé elaborado em 2009 e recentemente disponibilizado na página WikiLeaks revela uma situação preocupante: o Mundo está ficando sem água. Essa pesquisa foi enviada para oficiais do governo estadunidense em caráter secreto.

A empresa considerou como limite global sustentável máximo o consumo de 12.500 quilômetros cúbicos de água potável por ano – em 2008, foi registrado o uso de 6.000 quilômetros cúbicos -, mas ao que parece, o aumento da demanda tornará impossível a manutenção dessa quantidade.

Os principais responsáveis pelo grande aumento do consumo da água são a crescente população a nível mundial, a intensificação do consumo de carne e as novas demandas de biocombustível.

A Nestlé acredita que cerca de um terço do mundo irá sofrer com a escassez de água em 2025 e os problemas serão mais severos nas regiões do Oriente Médio, norte da Índia, norte da China e oeste dos Estados Unidos.

Uma verdadeira catástrofe está prevista para 2050, quando a falta de água será global.

Para evitar que o consumo de água potável se intensifique ainda mais, a companhia sugere três medidas:

  • a criação de um mercado virtual para controle do recurso (bastante conveniente se considerarmos que seria a própria Nestlé uma das principais empresas a atuar no mercado);
  • eliminação de subsídios e medidas preferenciais dadas à produção de biocombustíveis; adoção geral de plantas modificadas geneticamente que requeiram menos água em sua manutenção
  • liberalização do comércio da agricultura por todo o globo (o que também resultaria em grandes vantagens para os produtores gigantes).

O Banco Mundial confirma a existência de uma crise sem precedentes, causada pelo aumento populacional e econômico, revelando que, atualmente, cerca de 1,6 bilhões de pessoas enfrentam a escassez de água – número que pode dobrar até 2025.

Hoje, 70% do consumo de água é destinado para a agricultura e para atender a uma população que chegará a 9 bilhões em 2050 será preciso aumentar a produção em 40% – o que significará 15% a mais no fornecimento de água -, isso sem falar na necessidade de se gerar mais energia elétrica.

Um relatório publicado em maio deste ano revela que as mudanças climáticas serão responsáveis pela piora da escassez de água, podendo custar, para algumas regiões, o equivalente a 6% de seu PIB, resultando em processos de migração e conflitos, os quais podem também se intensificar por conta do aumento do preço de alimentos.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Otan tenta exibir união, enquanto líderes são flagrados falando de Trump

Chefes de Estado e de Governo de 29 países participaram nesta quarta-feira (4) do segundo dia da cúpula de aniversário de 70 anos da Otan (Organização do Tratado do Atlântico Norte), em Watford, nos arredores …

Radar aéreo descobre um navio viking em uma fazenda

Um estudo do Instituto Norueguês de Pesquisa do Patrimônio Cultural (NIKU) descobriu um navio viking em uma fazenda usando radar aéreo. O achado foi uma surpresa e um golpe de sorte, uma vez que este local …

Casamentos entre pessoas do mesmo sexo saltam 61,7% no Brasil

O número de casamentos realizados entre pessoas do mesmo sexo em 2018 aumentou 61,7% em relação ao ano anterior, segundo dados divulgados nesta quarta-feira (04/12) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). De acordo com …

Uber do entulho te ajuda a descartar resíduos corretamente

O lixo é definitivamente um problema contemporâneo de dimensões globais – e não só a qualidade, o material ou o destino desse lixo, mas também a forma de descarta-lo. Dos 387 quilos de resíduos que o …

Asteroide passará perto da Terra a 27.000 km/h na sexta-feira, alerta NASA

Um grande corpo celeste está se movendo na direção da Terra e chegará ao ponto mais próximo do nosso planeta nesta sexta-feira (6). De acordo com as estimativas da NASA, o asteroide 2019 WR3 mede entre …

Mensagem misteriosa pintada em urso polar na Rússia alarma pesquisadores

Imagens compartilhadas por perfis russos nas redes sociais com um urso polar pintado em spray com o símbolo "T-34" ter alarmado especialistas. Eles advertem que a pintura — cujas circunstâncias ainda não foram identificadas — pode …

Experimento deve provar que microgravidade inibe crescimento de tumores

De onde estiver, Stephen Hawking segue presente na ciência, e seus últimos conselhos devem render uma descoberta para lá de impressionante (e revolucionária). Em conversa com um pesquisador da Austrália, o gênio da física falou sobre …

Justiça absolve Lula e Dilma no caso "quadrilhão do PT"

Juiz que analisou caso afirma que denúncia apresentada por Rodrigo Janot contra cúpula do PT em 2017 foi tentativa de "criminalizar a atividade política". Ministério Público pediu absolvição dos réus em outubro. A Justiça Federal do …

Chineses ativam o primeiro radiotelescópio posicionado no lado afastado da Lua

Um experimento que levou mais de um ano para ser concluído no lado afastado da Lua finalmente está em funcionamento. Não está ainda 100%, mas o Netherlands-China Low-Frequency Explorer (NCLE) já consegue captar sinais de …

"Vão ter que mudar", diz Greta sobre Bolsonaro e Trump em retorno à Europa

A ativista chegou em Lisboa na tarde desta terça-feira (3), 21 dias depois de sair dos EUA a bordo de um veleiro. A jovem sueca retorna à Europa para participar da COP 25, a conferência …