Papa Francisco pede desculpa por ter “magoado” vítimas de abusos sexuais

Esta segunda-feira (22), Papa Francisco pediu desculpa às vítimas por ter usado uma expressão menos feliz ao exigir que apresentem provas de que o bispo chileno Juan Barros encobriu um sacerdote condenado por abusos sexuais.

Durante sua visita ao Chile, o papa defendeu Juan de la Cruz Barros, o bispo de Osorno, nomeado em janeiro de 2015, ao referir que as acusações de que ele encobriu os abusos sexuais a menores cometidos pelo sacerdote Fernando Karadima “são calúnias”.

“No dia em que trouxerem uma prova contra o bispo Barros, eu falarei”, declarou o pontífice aos jornalistas no Chile, adiantando que “não há uma única prova, tudo é calúnia”. Sua declaração recebeu várias críticas por parte das vítimas de abusos sexuais.

As declarações do papa no Chile foram também criticadas pelo cardeal Sean O´Malley, arcebispo de Boston e presidente da Comissão Pontifícia para a tutela dos Menores, que disse ser compreensível que a frase do Papa Francisco pudesse ser vista como fonte de dor para os que foram vítimas de abuso sexual.

Vários chilenos estão ainda descontentes com a decisão de Francisco, tomada em 2015, de nomear um bispo próximo do reverendo Fernando Karadima, que o Vaticano considerou culpado, em 2011, de abusar sexualmente de dezenas de menores ao longo de décadas.

A visita de Francisco ao Chile fez reviver o escândalo dos sacerdotes que abusaram de crianças, tendo a organização Bishop Accountability publicado uma lista de 80 clérigos acusados de abusos sexuais de menores no país sul-americano.

Nesta segunda, durante seu regresso a Roma, o Papa Francisco reiterou o direito de Barros à inocência até que seja provado o contrário ao responder a perguntas de membros da imprensa que o acompanham. No entanto, o pontífice argentino pediu desculpa às vítimas por ter usado a palavra “provas”, e por tê-las “magoado”.

Magoei as pessoas sem querer e isso me doeu muito. Sei o quanto eles sofrem ao ter o papa dizendo que é preciso uma prova. Percebi que a minha expressão não foi feliz, porque não pensei nisso”, admitiu, pedindo desculpa às vítimas.

O caso do bispo Barros, adiantou, fez com que se estudasse e investigasse, mas até o momento não há provas de culpa. Enquanto não existirem, disse, será aplicado o principio de qualquer tribunal: “ninguém é culpado até que se prove o contrário”. Além disso, o papa argumentou que, se alguém é acusado sem provas e com pertinência, é uma calúnia.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. SÓ PEDIR DESCULPAS, NÃO BASTAM….HÁ ANOS QUE OS FATOS SÃO RECORRENTES…..ATE QUANDO, OH PAPA, ABUSARÁS DE NOSSA PACIÊNCIA??????….MUITO LERO-LERO…..PENA DE MORTE AOS PEDÓFILOS….PRINCIPALMENTE OS RELIGIOSOS!!!!!QUE DEVERIAM DAR EXEMPLOS…..EXECUTE UM EM PRAÇA PUBLICA…E TODOS OS DEMAIS FUGIRÃO!!!!!!!

DEIXE UM COMENTÁRIO:

A crise dos combustíveis no Reino Unido

Governo atribui escassez em todo o país ao pânico dos consumidores, enquanto faltam caminhoneiros em razão de políticas pós-Brexit. Premiê Johnson deixa militares de prontidão para garantir distribuição aos postos. Mais de dois terços dos postos …

Cientistas brasileiros desenvolvem algoritmo capaz de detectar covid pela tosse

Para o diagnóstico de infecção do coronavírus SARS-CoV-2, diferentes pesquisas buscaram soluções para identificar sinais da doença. Agora, cientistas brasileiros do Grupo CyberLabs desenvolveram um algoritmo capaz de detectar a covid-19 através de um simples áudio …

CIA teria considerado assassinar Assange durante presidência de Trump, aponta relatório

Jornalistas, analistas políticos e organizações de imprensa ficaram chocados neste domingo (26) após lançamento de uma reportagem que acusa membros da administração do ex-presidente dos EUA, Donald Trump, de haver planejado assassinato do fundador do …

Cresce a desconfiança nas instituições no Brasil, segundo Datafolha

A confiança dos brasileiro nas instituições públicas sofreu uma queda generalizada desde julho de 2019, com a maior piora ocorrendo na avaliação da Presidência da República, segundo pesquisa Datafolha divulgada neste sábado (25/09). Também houve aumento …

Alemanha: social-democratas saem à frente nas eleições, mas disputa é acirrada

Os social-democratas alemães saíram na frente neste domingo (26) nas eleições parlamentares que marcam o fim da era Merkel, de acordo com as estimativas iniciais, mas os conservadores da chanceler alemã ainda pretendem disputar …

Revelada consequência grave da COVID-19 mais frequente do que se acreditava

Novo estudo revelou que os pacientes com COVID-19 que foram internados em unidades de terapia intensiva (UTI) têm mais possibilidade de desenvolver deficiências cognitivas contínuas. O estudo de quase 150 pacientes internados no início da pandemia …

Fundo de Bill Gates investe US$ 50 milhões em robôs agricultores que poupam água

A startup norte-americana Iron Ox recebeu um aporte de US$ 53 milhões (R$ 280,5 milhões) para melhorar sua tecnologia de robôs usados na agricultura e que consomem 90% menos água que plantações tradicionais. O dinheiro veio …

Bolsonaro pede à população que tome banho frio e evite elevador

O presidente Jair Bolsonaro pediu nesta quinta-feira (23/09) à população que tome banho frio e evite usar o elevador para economizar energia elétrica. "Aqui são três andares. Quando tem que descer, mesmo que o elevador esteja …

A incrível descoberta que indica presença humana nas Américas muito antes do que se pensava

Novas descobertas científicas apontam que humanos chegaram às Américas pelo menos 7 mil anos antes do que se estimava anteriormente. As pesquisas em torno do momento em que o continente americano passou a ser povoado a …

Mianmar: Justiça americana ordena quebra de sigilo do Facebook para investigar ameaças contra rohingyas

Um juiz americano ordenou ao Facebook que divulgue os arquivos de contas ligadas de membros do exército birmanês e de milícias budistas que perseguiram a minoria Rohingya em Mianmar. A decisão, que encontra resistência …