Pela primeira vez, AVC mata mais mulheres do que homens

Maior participação no mercado de trabalho, mudança nos hábitos alimentares, falta de prevenção e questões culturais. São os fatores que explicam um dado alarmante: o número de mulheres que morreram vítimas de AVC superou o de homens.

Os dados mais recentes, relativos a 2015, foram divulgados pela Sociedade Brasileira de Cardiologia no congresso da categoria. Foram 50.252 mulheres mortas, curiosamente uma morte a mais que entre vítimas do sexo masculino.

O mais grave é quando olhamos em perspectiva: entre 2010 e 2015, as mortes por AVC entre homens seguiram uma tendência de queda, o oposto do que aconteceu com as mulheres.

A cardiologista Amanda Guerra Sousa é diretora-geral do Instituto Dante Pazzanese e presidente do 72º Congresso Brasileiro de Cardiologia. Ela aponta que, quando o assunto é o coração, há entre os homens uma cultura maior de prevenção.

Além disso, Amanda diz que a maior inserção no mercado de trabalho e a chamada “dupla jornada” aumentou o estresse entre as mulheres e modificou os hábitos alimentares dela.

“As mulheres foram acostumadas a cuidar da prevenção oncológica (cânceres). E nós nos preocupamos muito com a prevenção cardiovascular dos homens. Ainda que elas tenham uma proteção hormonal até a quinta década, elas são altamente acometidas por esses problemas obstrutivos, e a prevenção é a chave do sucesso e chave do tratamento”.

“A mulher foi lançada ao mercado de trabalho em idades mais jovens, em responsabilidade de dupla jornada, no lar, em casa. As trabalhadoras lançam mão daquela rápida comida no meio do dia que faz mal para o homem e para a mulher”.

O infarto continua sendo a maior causa de mortes no Brasil, a exemplo do que acontece no mundo. Em 2015, foram quase 112 mil casos. A proporção de mulheres mortas por infarto aumenta em ritmo acelerado: há 50 anos, era de uma mulher para nove homens. Em 2015, foi de quatro mulheres para seis homens.

Internações por urgência

As internações cardiovasculares por urgência representam quase 82% de todas as internações por problemas do coração. Para o cardiologista Marcus Bolívar Malachias, presidente da Sociedade Brasileira de Cardiologia, o dado é grave porque mostra a falta de cuidados preventivos. Nas internações por urgência, as chances de morte são quatro vezes maiores do que nos procedimentos programados com antecedência.

“Metade desses infartos poderiam ser previnidos ou postergados. Principalmente com o controle dos fatores de risco: hipertensão, diabetes, colesterol, não fumar, ter alimentação um pouco saudável –sabemos que é impossível tê-la toda saudável”.

“No Brasil, só 20% dos hipertensos fazem o controle adequado, o mesmo acontece com quem tem diabetes ou colesterol elevado. Muitos sabem que têm as doenças e os fatores de risco, mas não se tratam. Os fatores de risco muitas vezes são inaparentes, são assintomáticos.”

Outro estudo apresentado no congresso aponta que dietas com alto teor de carboidratos estão diretamente associadas com o aumento da mortalidade. Ainda assim, os pesquisadores não recomendam dietas que restrinjam grupos de alimentos, mesmo os carboidratos, as chamadas “low carb”. A chave é sempre ter uma dieta equilibrada, evitando o consumo de produtos industrializados.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Pais gays viram alvo de investigações na Rússia

Alguns anos atrás, o advogado Vladimir (nome modificado), morador de uma grande cidade russa, decidiu ter um filho com o auxílio de uma mãe de aluguel. Sua família inteira ficou contente quando uma menina nasceu. …

Líbano: Saad Hariri volta ao posto de primeiro-ministro para formar novo governo

Saad Hariri foi nomeado novamente primeiro-ministro do Líbano, com o desafio de chegar a um acordo com as várias forças políticas do país e formar um governo capaz de realizar as reformas necessárias para …

Alunos incentivam câmeras ligadas para que professores não ‘falem’ com telas em branco

Para amenizar a sensação de solidão de professores em aulas online, alunos norte-americanos começaram a usar o TikTok para incentivar mais estudantes a abrirem as câmeras durante encontros educacionais à distância. A usuária da rede social …

Identificada a causa da maior extinção em massa na história da Terra

A vida na Terra tem uma história longa, mas também extremamente turbulenta. Em mais de uma ocasião, a maioria de todas as espécies foi extinta e uma biodiversidade já altamente desenvolvida reduziu para um mínimo …

Cães farejadores de covid: eficazes e baratos, mas esnobados

A Europa está em pânico em meio ao segundo surto de covid-19, com taxas de contágio explodindo e os PIBs despencando. A Bélgica acaba de anunciar que não mais testará cidadãos assintomáticos, mesmo que tenham …

Bolsonaro é avaliado positivamente por 37% da população, diz pesquisa

Entre os que souberam do dinheiro na cueca do senador Chico Rodrigues (52%), 74% não mudaram sua avaliação sobre o presidente Bolsonaro. Os que mais mudaram de opinião foram os pesquisados com ensino superior (26%) …

Tribunal Constitucional da Polônia invalida direito ao aborto por malformação do feto

O Tribunal Constitucional da Polônia invalidou nesta quinta-feira (22) uma disposição que permitia a interrupção voluntária da gravidez (IVG) em caso de malformação do feto. Uma vez que a decisão entre em vigor, apenas o …

Estudo descobre 1,8 bilhão de árvores no deserto do Saara e no Sahel

Um estudo publicado na revista Nature descobriu que na região do Saara Ocidental e no Sahel, há mais de um bilhão de árvores. No meio da aridez do local, a surpreendente descoberta colocou um novo …

Guerra Fria 2.0 entre EUA e China será uma batalha tecnológica, dizem especialistas

A batalha mundial pelo domínio da alta tecnologia está cada vez mais centrada em EUA e China. Com confronto aberto no caso da Huawei, especialistas do clube Valdai alertam para uma longa guerra fria tecnológica …

Combate à corrupção reduz mortalidade infantil, aponta estudo

Auditorias anticorrupção realizadas em municípios brasileiros entre 2003 e 2015 reduziram a mortalidade infantil. Esta é a principal conclusão de um estudo, conduzido por pesquisadores da Universidade da Califórnia, nos Estados Unidos, que relacionou o …