Pela primeira vez, cientistas observam como uma espécie se transforma em outra

Wikimedia

A evolução de uma nova espécie foi observada no pássaro conhecido como o tentilhão de Darwin nas ilhas Galápagos.

Pela primeira vez, os cientistas foram capazes de observar em tempo real e em um ambiente selvagem a evolução de uma espécie para outra completamente nova, reporta o portal Science Alert.

A sequenciação do genoma confirmou a nova espécie do tentilhão de Darwin, natural da pequena ilha Daphne Mayor, no arquipélago de Galápagos, no Equador, e que foi denominada Big Bird.

Durante as últimas quatro décadas, cientistas da Universidade de Princeton (EUA) e da Universidade de Upsala (Suécia) realizaram a observação direta da origem desta nova espécie durante um trabalho de campo realizado na ilha. O estudo que detalha os resultados foi publicado na revista Science.

No estudo, percebe-se que duas de pelo menos 15 espécies do tentilhão de Darwin se uniram no processo da chamada hibridação de espécies para criar uma completamente nova, o que ocorreu há 36 anos, segundo a RT.

Em concreto, tratou-se de um exemplar masculino da espécie Geospiza conirostris, um intruso em Daphne Mayor, que acasalou com duas fêmeas de uma das espécies nativas da ilha. E foi isto que deu início a uma nova linhagem.

O estudo explica que a espécie estava completamente isolada, porque seu canto fora do comum não atraía as fêmeas nativas e teve que se juntar dentro da própria espécie para sobreviver. Este feito só fortaleceu o desenvolvimento da nova espécie.

Durante as secas na ilha em 2002 e 2003, quando a nova linhagem estava na quarta geração, sobreviveram apenas dois exemplares que também se juntaram entre si e produziram 26 crias. Todos, exceto nove, sobreviveram para se reproduzir, produzindo uma linhagem terrivelmente endogâmica”, segundo a cientista Rosemary Grant.

Como os tentilhões híbridos eram maiores que os nativos, puderam aceder a novos alimentos e sobreviver. Ao visitar a ilha em 2012, os pesquisadores contaram 23 indivíduos e oito pares reprodutores da espécie.

“A novidade do estudo é que pudemos seguir a aparição de novas espécies na natureza”, comentou Rosemary Grande, citada pela Phys.org. “Durante o nosso trabalho em Daphne Mayor, conseguimos observar o acasalamento de duas aves de diferentes espécies e depois acompanhar o que sucedeu para ver como se produziu a especiação“.

Dessa forma, os especialistas destacam que a formação de uma nova espécie não demorou muito tempo e ocorreu em apenas duas gerações: a nova linhagem de Big Bird se comportou como uma espécie diferente de tentilhões de Darwin depois de apenas duas gerações.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

      • KKKK, isso é a formação de uma espécie hibrida que pode ser comprovada em várias ocasiões com vários animais, mas que em quase todos os casos gera animais estéreis e raros casos férteis, mas isso não comprova de forma alguma a evolução, onde uma espécie se ‘transforma’ literalmente em outra através de mutações genéticas e adaptações tão profundas que denominem ela outra espécie, algo que nunca foi observado pela ciência, apenas na teoria, esse título é tendencioso e o conteúdo não condiz com ele. Ou seja, quando havia só animais aquáticos, segundo a teoria da evolução, com qual animal terrestre um peixe teria cruzado para criar um intermediário entre o peixe e o réptil por exemplo, se não havia animais terrestres?? se a evolução ocorreu de fato isso seria apenas um fato ocorrido devido a evolução mas não o responsável pela mesma, ponha a cochola para funcionar…

        • Olá William,
          Sim, uma espécie híbrida não é a mesma coisa nem prova da evolução das espécies.
          Mas também não é a mesma coisa que dois indivíduos de espécies diferentes se cruzarem e darem origem a um indivíduo híbrido estéril.
          Numa espécie híbrida, os indivíduos são férteis, são filhos de dois indivíduos (“híbridos”) de sua espécie, e têm filhos da mesma espécie.

          • E é exatamente isso que eu tentei passar nas minhas palavras a você! Se ler atentamente meu comentário vai perceber que disse a mesma coisa e portanto, espécia hibrida não é nenhuma evidência para que seja usada como prova da ‘evolução’.

      • Pelo visto, “meu fi”, eu sei ler, sim, e isto foi justificado pelos demais comentários. Também é digno de nota que a sua participação não foi nada científica, pois, simplesmente, faz um apelo tipo “bordão” de principiantes que ainda comem na colher dos professores, sem muito raciocínio.
        Resta, pois, que você mesmo argumente sobre a sua posição “científica”.
        Boa sorte.

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Google está “criando Deus”, alerta ex executivo da Google

Segundo um ex-executivo do Google, a singularidade está chegando. E, segundo ele isso representa uma grande ameaça para a humanidade. Mo Gawdat, ex-diretor de negócios da organização moonshot do Google, que na época se chamava Google …

Pandemia causa a maior redução na expectativa de vida desde a Segunda Guerra

Desde a descoberta do coronavírus SARS-CoV-2, mais de 4,9 milhões de pessoas morreram oficialmente em consequência da infecção, segundo levantamento da Universidade Johns Hopkins. Nesse cenário, a pandemia da covid-19 reduziu a expectativa de vida …

Forças Armadas da Noruega assinam contrato bilionário de mísseis para caças F-35

Noruega tem sido um parceiro ativo no programa de caças dos EUA F-35, tendo em conta que 18 empresas deste país nórdico são parceiros diretos. Subsequentemente, a Noruega decidiu adquirir 52 caças F-35 para substituir …

Brasil fez lobby para mudar relatório climático, diz Greenpeace

Vários países, entre eles o Brasil, tentaram fazer mudanças em um crucial relatório da ONU sobre como combater o aquecimento global, afirmou o Greenpeace nesta quinta-feira (21/10), citando um grande vazamento de documentos. Os documentos aos …

Site da Coreia do Sul é usado para hospedar vírus e distribuí-lo via torrents

Uma campanha de distribuição de malwares na Coreia do Sul está disfarçando cavalos de troia de acesso remoto como um jogo para o público adulto, compartilhado via serviço de hospedagem de arquivos, como o WebHard, …

América Latina pode levar ‘muitos anos’ para superar impacto da pandemia, alerta FMI

Os efeitos negativos da pandemia de Covid-19 em termos de produtividade, emprego e capital humano na América Latina e Caribe podem "demorar muitos anos para serem revertidos". O alerta foi feito nesta quinta-feira (21) pelo …

Dinossauro “garça do inferno com cara de crocodilo” é descoberto

Dois dinossauros carnívoros de dentes pontiagudos com crânios de crocodilo apareceram uma vez nas margens do rio na Ilha de Wight, na Inglaterra, revelam novos fósseis. Os cientistas deram às criaturas nomes científicos que se traduzem …

As 9 acusações contra Bolsonaro no relatório da CPI - e a manobra governista para tentar blindá-lo

Após o relatório da CPI da Covid no Senado acusar o presidente Jair Bolsonaro de nove crimes durante a pandemia, um senador da bancada governista tentou uma manobra para "blindar" o chefe do Executivo e …

Nova onda de covid-19 atinge o Leste Europeu

Uma nova onda de covid-19 se alastra pela Europa, sobretudo em países do Centro e do Leste, onde as taxas de imunização se mantêm mais baixas. A alta nos casos em vários países faz com …

Ator Alec Baldwin mata acidentalmente cineasta e fere diretor em set de filmagem nos EUA

O ator Alec Baldwin disparou uma arma que não devia estar carregada, utilizada nas filmagens no Novo México (EUA), matando a cineasta Halyna Hutchins e ferindo o diretor Joel Souza, segundo as autoridades. O incidente se …