Rússia ameaça expulsar norte-americanos – e coloca Trump contra a parede

Kremlin

G20 Encontro de Vladimir Putin  com o presidente dos EUA, Donald Trump

G20 Encontro de Vladimir Putin com o presidente dos EUA, Donald Trump

A Rússia contra-ataca e ameaça expulsar diplomatas e apreender bens dos EUA, caso a administração de Donald Trump mantenha as sanções definidas durante o mandato de Obama. O presidente dos EUA fica assim em um beco sem saída, ou cede e dá ares de “marionete”, ou resiste e falha a estratégia de boa relação com a Rússia.

A ameaça provém de fontes do gabinete russo do Ministério dos Negócios Estrangeiros citadas pela mídia do país, avança a BBC. Em Dezembro de 2016, ainda com Barack Obama na Casa Branca, os EUA expulsaram 35 diplomatas russos e fecharam duas agências de inteligência russas, em Nova York e em Maryland, aplicando sanções a várias entidades do país da Europa de Leste.

Foi a resposta norte-americana à suposta intromissão da Rússia nas eleições que levaram Donald Trump a derrotar Hillary Clinton. Nessa época, a Rússia estava já sob medidas sancionatórias da União Europeia por causa do conflito com a Ucrânia.

Agora, o presidente da Rússia pressiona Donald Trump a remover essas sanções. Vladimir Putin teria abordado o assunto nas conversas que manteve com o presidente dos EUA durante a reunião do G20, no passado dia 7 de julho, em Hamburgo, na Alemanha, nota a BBC.

O Kremlin já negou qualquer interferência nas eleições norte-americanas e Putin espera agora que Trump retire as sanções em um sinal de que está de fato empenhado em estabelecer uma boa relação com a Rússia.

Mas qualquer concessão feita aos russos por Trump, neste momento, seria interpretada como uma prova de que é uma “marionete” do Kremlin, lembra a BBC, notando que a investigação em torno da influência da Rússia nas eleições continua.

Ainda nesta segunda-feira (10) foi notícia que o filho de Trump se encontrou com uma advogada russa para obter informações “prejudiciais” sobre Hillary Clinton, durante a campanha eleitoral.

Mas se Trump não ceder, Putin promete azedar a relação Rússia-EUA e o presidente norte-americano já manifestou como estratégia a manutenção de uma boa relação entre os dois países.

As pressões russas para que as sanções sejam retiradas surgem nas vésperas do encontro entre o ministro dos Negócios Estrangeiros do país, Sergei Ryabkov, e o sub-Secretário de Estado dos EUA, Thomas Shannon, que vai se realizar em São Petersburgo, no final deste mês de julho.

// ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Trump volta a lançar dúvida sobre processo eleitoral nos EUA

Após recusar comprometimento com transição pacífica de poder, presidente americano diz não saber se é possível um pleito "honesto". Líder republicano no Senado diz que transferência de mandato presidencial será ordenada. O presidente dos EUA, Donald …

Criador do Novichok aponta falta de principais sintomas da substância em Navalny

Leonid Rink não considera convincente a evidência apresentada pela Alemanha sobre o alegado uso do Novichok contra o opositor russo, pois, se isso tivesse acontecido, os efeitos teriam sido diferentes. Podem ter sido encontrados vestígios de …

Este pode ser o 1º planeta descoberto em outra galáxia, a 23 milhões de anos-luz

Astrônomos encontraram um candidato a planeta localizado em outra galáxia, bem longe da Via Láctea, em uma região de intensa atividade caótica. Este mundo distante parece ser um pouco menor do que Saturno e orbita um …

EUA: Trump causa alvoroço ao recusar transição pacífica caso perca as eleições

Donald Trump tensionou a classe política nos Estados Unidos ao se recusar a garantir uma passagem pacífica do poder se perder a eleição presidencial dos Estados Unidos para Joe Biden, em 3 de novembro. Bastou uma …

Escolas de samba adiam desfile de Carnaval no Rio de Janeiro

A Liga Independente das Escolas de Samba do Rio de Janeiro (Liesa) decidiu adiar os desfiles das escolas de samba do grupo especial, que aconteceriam em fevereiro, devido à pandemia de covid-19. A decisão foi tomada, …

Governo brasileiro publica portaria sobre aborto retirando obrigatoriedade de informar polícia

Nova portaria publicada nesta quinta-feira (24) no Diário Oficial retira a obrigatoriedade de que a polícia seja avisada sobre a realização de abortos previstos em lei. O texto é assinado pelo ministro da Saúde, Eduardo Pazuello. …

Asteroide passa ‘raspando’ pela Terra e chega mais perto de nós do que satélites de TV

Por pouco não tivemos a ‘visita‘ de um asteroide na manhã desta quinta-feira (24). O evento era, basicamente, a cereja do bolo do que está sendo o anos de 2020. Quase! O objeto, chamado de ‘2020 …

Sarcófago de 'supervisor dos tronos' é desenterrado no Egito

Um sarcófago de pedra calcária e várias estatuetas funerárias ushebti foram descobertas na cidade egípcia de Minya, por uma missão arqueológica do país, liderada por Mostafa al-Waziry, o secretário-geral do Conselho Supremo de Antiguidades do …

Trump não se compromete com transferência pacífica de poder

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, recusou-se a se comprometer com uma transferência pacífica de poder caso seja derrotado na eleição presidencial de 3 de novembro. "Vamos ver o que vai acontecer", disse Trump, ao …

TikTok impõe restrições em anúncios de emagrecimento para combater gordofobia

O TikTok anunciou nesta quarta-feira (23) uma série de novas regras que restringem a veiculação de anúncios de aplicativos e suprimentos de emagrecimento dentro da plataforma. Segundo o comunicado oficial da rede social, o objetivo das …