Rússia compara denúncias de interferência em eleição de Trump a “novela sem fim”

Michael Klimentyev / Sputnik / Kremlin Pool

O Presidente russo, Vladimir Putin com Donald Trump na cúpula do G20, no último fim de semana na Alemanha

O Presidente russo, Vladimir Putin com Donald Trump na cúpula do G20, no último fim de semana na Alemanha

O porta-voz do Kremlin, Dimitri Peskov, comparou nesta quarta-feira (12) as notícias sobre denúncias de que a Rússia teria interferido na eleição de Donald Trump a uma “novela sem fim, capaz de competir com as séries de maior sucesso exibidas nos Estados Unidos”.

“Não é necessário que nos metam nessa trama. Nós não temos participação nisso“, disse Peskov quando perguntado, mais de uma vez, sobre a polêmica reunião do primogênito de Trump com a advogada russa Natalia Veselnitskaya, que ocorreu em junho do ano passado na Trump Tower, em Nova York.

O porta-voz insistiu que o Kremlin “não sabe nada sobre esta história” e não tem contato com a advogada com que Trump Jr. se reuniu para, segundo ele mesmo admitiu, obter informações incriminatórias sobre Hillary Clinton, a principal rival eleitoral de Donald Trump nas eleições à presidência dos Estados Unidos, informou a EFE.

“Maior caça às bruxas da história”

O presidente Donald Trump insiste em dizer que não sabia das conversas entre o filho, o empresário Donald Trump Jr, e a advogada russa para trocar informações e prejudicar a campanha de Hillary Clinton. Nesta quarta, no Twitter, ele também defendeu o filho ao dizer que “ele é inocente e que esta é a maior caça às bruxas da história”.

Nos Estados Unidos, o assunto é o mais comentado desde domingo (9) quando o jornal The New York Times publicou a reportagem sobre o encontro entre Trump Jr e a advogada, que, segundo a matéria, teria ligações com o governo da Rússia.

Do mesmo modo que Trump, Moscou negou novamente qualquer interferência na campanha dele para prejudicar a campanha da democrata Hillary Clinton.

Trump Jr divulgou e-mails trocados em sua conta no Twitter. O fundador da Wikileaks, Julian Assange, postou no Twitter que havia entrado em contato com Trump Jr para que ele publicasse os correios eletrônicos no site. Duas horas depois, segundo Assange, os e-mails foram publicados na própria página de Trump Jr.

Os correios eletrônicos divulgados são a evidência mais concreta até agora de que a interferência da Rússia na campanha eleitoral teria sido não só aprovada como ativamente procurada pelo círculo mais íntimo do presidente Trump.

Na noite desta terça-feira (11), Trump Jr deu uma entrevista à rede de TV Fox News. Na entrevista, Trump Jr disse que não forneceu nenhuma informação comprometedora à advogada Natalia Veselnitskaya. Ela também negou que tenha ligações diretas com o governo russo, como sugeriu a reportagem.

Após a divulgação dos correios eletrônicos, aparecem outros nomes como o do publicitário e editor britânico, Rob Goldstone, que teria arranjado o encontro entre a advogada e Trump Jr.

Do mesmo modo, o milionário russo Aras Agalarov citado nos e-mails porque estaria disposto a fazer revelações sobre Hillary Clinton a Trump Jr, disse em uma entrevista a rádio russa que as afirmações são “invenções”. Ele disse que não tinha informações comprometedoras sobre a candidata democrata.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Bill Gates vai financiar sete pesquisas de vacina contra COVID-19

Bill Gates, o fundador, ex-CEO e atual filantropo, anunciou durante entrevista no talk show norte-americano Daily Show With Trevor Noah que, por meio de sua própria fundação, estará financiando sete pesquisas clínicas que buscam descobrir …

Bolsonaro é denunciado no TPI por “crime contra a humanidade”

A Associação Brasileira de Juristas pela Democracia (ABJD) denunciou o presidente Jair Bolsonaro por crime contra a humanidade no Tribunal Penal Internacional.  A denúncia foi protocolada nesta quinta-feira (2) na corte de Haia. Segundo …

O primeiro ‘autor’ do mundo era uma mulher

Enheduanna viveu no século 23 antes da nossa era na Mesopotâmia. Princesa, sacerdotisa e poeta, ela pode se orgulhar de ter sido a primeira autora do mundo a ter seu nome conhecido em uma época …

Maduro envia carta ao povo dos EUA pedindo "cessação das sanções"

Nicolás Maduro enviou uma carta ao povo dos Estados Unidos expressando uma mensagem de solidariedade e paz, e pedindo fim das ameaças militares e das sanções contra Venezuela. No documento, o chefe de Estado venezuelano exprime …

Governo dos EUA alerta população para novo "11 de Setembro" devido à covid-19

Chefe da Saúde Pública do país prevê que próxima semana será "a mais difícil e mais triste da vida da maioria dos americanos". Ele compara repercussão a dois dos maiores traumas da história dos Estados …

Quarentena em todo o mundo deixou a crosta terrestre mais "silenciosa"

As medidas de isolamento social adotadas para conter o novo coronavírus (SARS-CoV-2) estão deixando a Terra mais silenciosa - ao menos para os “ouvidos” sensíveis dos sismógrafos. É que as atividades humanas, tais como a circulação …

IA sincronizada com música cria rostos falsos, o resultado pode se aterrorizante

As pessoas ainda aprendem a melhor forma de empregar as redes neurais artificiais, aprendizado de máquina e avanços em inteligência artificial. Entre as pesquisas práticas há a busca por empregar essas técnicas de forma a …

Coronavírus: 92% das mães nas favelas dizem que faltará comida após um mês de isolamento

"Muitas pessoas entraram na linha de pobreza da noite para o dia. O casal que trabalhava no shopping na semana retrasada, que recebia por semana, fez a compra da semana passada e nesta semana já …

Dois anos após mortes de Marielle e Anderson, Anistia Internacional cobra identificação de mandantes

Dois anos após os assassinatos da vereadora Marielle Franco (PSOL-RJ) e do motorista Anderson Gomes, em 14 de março de 2018, o crime permanece sem solução e ilustra a impunidade no combate à violência …

Coronavírus poderia ser a 1ª de muitas outras pandemias futuras, adverte cientista

Apesar do registro de mais de um milhão de infectados à escala mundial, a doença poderia ser suplantada por patologias bem mais perigosas. Comparando com as doenças que poderiam reaparecer como resultado do aquecimento global, o …