Senador republicano apresenta resolução para revogar o Obamacare

AMSF2011 / Flickr

O senador Mike Enzi

O senador Mike Enzi

O senador norte-americano do Partido Republicano Mike Enzi apresentou nesta terça-feira, 3, uma resolução que permite a revogação do programa de seguro de saúde que leva a marca do presidente dos Estados Unidos, Barack Obama.

O plano dá cobertura a milhões de norte-americanos.

O gabinete de Mike Enzi disse em comunicado que a medida do presidente do Comité de Orçamento do Senado no primeiro dia da nova legislatura dá início ao processo de revogação do Ato de Cuidado Acessível (2010), conhecido como Obamacare, que a maioria republicana prometeu que seria o primeiro item legislativo de importância.

Republicanos dizem que o processo de anulação pode levar meses e que novos planos de seguro de saúde para substituir o actual podem levar anos.

Mais de 20 milhões de norte-americanos previamente sem seguro de saúde ganharam cobertura com o Obamacare. A cobertura foi ampliada com a expansão do programa Medicaid e com trocas online nas quais os consumidores podem receber subsídios.

Os republicanos realizaram repetidas tentativas judiciais e legislativas para desmantelar a lei, alegando que o Governo estava a extrapolar os seus limites.

Democratas ridicularizaram os planos republicanos, dizendo que eles nunca conseguiram se unir em torno de uma estratégia alternativa. Os republicanos usam uma resolução de orçamento para possibilitar a revogação do Obamacare, permitindo que eles actuem sem nenhum voto democrata.

Entretanto, resoluções de orçamento requerem uma maioria simples para passar no Senado, em vez dos 60 votos normalmente exigidos quando há entraves regimentais. Os republicanos têm 52 lugares em 100 assentos no Senado.

A resolução de orçamento contém as chamadas instruções de entendimento, que levam os comités a desmantelar o Obamacare como parte da harmonização de impostos e gastos com o modelo do orçamento. Eles têm que responder ao comité de orçamento até 27 de Janeiro.

Um voto no Senado sobre a resolução poderia ocorrer na semana que vem. A expectativa é que a acção na Câmara dos Deputados venha em seguida. Contudo, o processo de revogação não se completará até que os comités terminem os procedimentos de harmonização e que o trabalho deles seja votado.

“Essas instruções para os comités são dadas para facilitar a acção imediata sobre a revogação, com a intenção de enviar a legislação para a mesa do novo presidente o mais cedo possível”, disse o comunicado do gabinete de Enzi.

O presidente eleito Donald Trump prometeu várias vezes durante a campanha presidencial anular o Obamacare.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

A polêmica sobre campos de extermínio nazistas que opôs a Polônia ao Netflix

O primeiro-ministro da Polônia, Mateusz Morawiecki, enviou uma carta ao Netflix insistindo em mudanças no documentário The Devil Next Door (o diabo ao lado), sobre campos de extermínio nazistas. Na carta enviada no domingo, 10, e …

O único problema de ser filho único é o estigma

Filhos únicos possuem uma péssima reputação. Quantas vezes você não observou algum pai ser criticado por escolher ter apenas um pimpolho? “Ele vai ficar mimado, muito sozinho, egoísta, etc. etc. etc”. É um senso comum. Parece, …

Epidemia mundial: Pneumonia mata uma criança de menos de 5 anos a cada 39 segundos

O Dia Mundial da Pneumonia é comemorado em 12 de novembro. A data foi proposta pela Organização Mundial da Saúde (OMS), com o objetivo de conscientizar as pessoas sobre a importância da prevenção da doença, …

Senadora se declara presidente da Bolívia

A parlamentar oposicionista e segunda vice-presidente do Senado Jeanine Áñez declarou-se presidente da Bolívia nesta terça-feira (12). Ela também afirmou que o país terá novas eleições após a formação de uma nova comissão eleitoral. "De acordo …

Bolsonaro anuncia saída do PSL

Em meio à crise por disputa de poder na legenda, presidente afirma que pretende criar novo partido. Cerca de 30 parlamentares aliados de Bolsonaro devem seguir exemplo e deixar o PSL. O presidente Jair Bolsonaro anunciou …

Israel mata comandante da Jihad Islâmica em ataque aéreo

Forças israelense bombardeiam casa de líder extremista na Faixa de Gaza. Militantes palestinos reagem disparando dezenas de mísseis contra Israel. Autoridades pedem que população fique em casa. Um importante comandante militar do grupo extremista palestino Jihad …

Cão aprende a falar usando máquina de escrever e já sabe 29 palavras

Stella tem 18 meses e, apesar de ser um cachorro, já sabe “falar” mais do que muitos humanos da sua idade. Através de uma máquina criada por sua tutora, o animal consegue se comunicar usando …

Saída de Lula da prisão pode ser “oportunidade” para Bolsonaro, diz especialista ao Le Monde

O jornal Le Monde deste domingo e segunda-feira, feriado em que a França comemora o Armistício da Primeira Guerra Mundial, traz uma reportagem de página inteira sobre a liberação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da …

Evo Morales deixa a Bolívia rumo ao México

O agora ex-presidente Evo Morales deixou a Bolívia na noite desta segunda-feira (11) e pegou um avião em direção ao México. Em comunicado via Twitter, Evo Morales disse que estava agradecido ao México por ter lhe …

Turquia repatria jihadistas estrangeiros do "Estado Islâmico"

A Turquia começou a repatriar nesta segunda-feira (11/11) jihadistas estrangeiros do grupo terrorista "Estado Islâmico" (EI) que foram capturados no norte da Síria. Um alemão, um dinamarquês e um americano foram os primeiros deportados por …