Só deveríamos começar a trabalhar e estudar depois das 10h

Se você é do tipo que gosta de acordar tarde e acredita que seria ideal se aquilo que chamamos de manhã pudesse simplesmente começar algumas horas mais tarde, não é o único.

De acordo com um especialista em sono do Reino Unido, não é você quem está fora de sintonia – é todo o nosso sistema atual de trabalho e escolaridade.

Paul Kelley, especialista do Instituto de Neurociência Circadiana e do Sono da Universidade de Oxford, na Inglaterra, afirma que a sociedade está no meio de uma crise de privação de sono, já que muitas vezes precisamos cumprir e nos adaptar a um expediente de trabalho com horários pouco naturais e impróprios para nossos relógios internos do corpo.

“Este é um enorme problema para a sociedade”, afirmou o pesquisador em entrevista ao jornal “The Guardian”. “Nós somos, em geral, uma sociedade privada de sono, mas o grupo de [pessoas entre] 14 a 24 anos é mais privado do que qualquer outro setor da sociedade. Isso traz sérias ameaças à saúde, ao desempenho do humor e à saúde mental”.

Novos horários desde a escola

O cientista sono está envolvido com o programa Teensleep, que visa recrutar 100 escolas em todo o Reino Unido para participar de um ensaio experimental na qual adotarão dias escolares começando mais tarde. De acordo com Kelley, jovens na Grã-Bretanha, em média, estão perdendo cerca de 10 horas de sono por semana por serem forçados a se acostumar com aulas num horário não natural, cedo demais.

Ele defende que as aulas devem começar às 8h30 para crianças de oito a dez anos, às 10h para adolescentes de 16 anos e às 11h para jovens de 18 anos. Ele explica que os horários aos quais nos acostumamos fazem sentido em certas idades – como aos 10 ou aos 55 anos -, mas isso varia ao muito longo da vida. “Dependendo da sua idade, você realmente precisa começar [o seu dia] em torno de 3 horas mais tarde, o que é inteiramente natural”.

Tudo errado com o horário de expediente

Se Kelley estiver certo, o que isso significa efetivamente é que, por toda a nossa vida, desde o início da nossa adolescência até o fim da meia-idade, estamos sendo acordados muito cedo. Todo dia.

“Os funcionários deveriam começar [seu expediente] às 10h”, afirmou o especialista no Festival Britânico de Ciência, acrescentando que quem já está trabalhando muito mais cedo do que isso todos os dias – ou seja, a maior parte da população – está normalmente privado de sono. “Todo mundo está sofrendo. Nós não podemos mudar ritmos de 24 horas”.

Não só o sono é crucial para a nossa memória, como não dormir o suficiente pode provocar uma enorme gama de problemas de saúde, incluindo doenças graves, como a doença de Alzheimer.

À luz de quanto os cientistas estão descobrindo sobre os perigos da privação do sono, mal podemos esperar para ver onde isso tudo vai chegar. Podem vir, aulas e expedientes começando mais tarde!

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Caso Marielle: Moro defende Bolsonaro e fala em 'fraude' para envolver nome do presidente

  O ministro da Justiça, Sergio Moro, defendeu nesta quinta-feira o presidente Jair Bolsonaro (PSL), cujo nome nas últimas semanas esteve vinculado ao assassinato da vereadora Marielle Franco (PSOL) e do seu motorista, no Rio de …

Príncipe Andrew vira centro de escândalo sexual

O príncipe Andrew do Reino Unido comunicou nesta quarta-feira (20/11) que decidiu se afastar da vida pública após o agravamento da controvérsia em torno de seu envolvimento com o milionário americano Jeffrey Epstein, acusado de …

Brasil é o maior hub de fintech da América Latina

O Brasil é o maior país da América Latina — tanto em massa quanto em população — e ocupa uma posição influente no cenário global. Depois dos Estados Unidos, o Brasil lidera a lista do …

Entomólogo dos EUA acredita ter identificado fósseis de insetos em Marte

O entomólogo William Romoser, professor emérito da Universidade de Ohio (EUA), analisou fotos captadas por rovers da NASA em Marte e afirma ter achado nelas fósseis de insetos. Romoser analisou detalhadamente estruturas parecidas a abelhas, bem …

China se irrita com decisão americana sobre Hong Kong e convoca diplomata

Pequim convocou nesta quarta-feira (20) um diplomata do alto escalão dos Estados Unidos após a adoção na terça-feira (19), pelo Senado americano, de um texto que apoia os "direitos humanos e democracia" em Hong Kong. Os …

Porteiro que citou Bolsonaro no caso Marielle recua em novo depoimento

O porteiro que citou o presidente Jair Bolsonaro nas investigações sobre a morte da vereadora Marielle Franco e do motorista, Anderson Gomes, depôs nesta terça-feira (19/11) à Polícia Federal e recuou da versão que havia …

Anistia Internacional denuncia mais de 100 mortes em protestos no Irã

ONG relata uso de munição real contra manifestantes e diz que total de mortos pode ser ainda maior. Presidente e líder supremo dizem que país teve êxito ao lidar com distúrbios provocados por inimigos externos. A …

Áustria decide sobre polêmica do destino da casa onde nasceu Hitler

Por enquanto, parece ter se encerrado a polêmica sobre qual destino dar à residência onde nasceu Adolf Hitler. O edifício, que fica na Áustria, se tornará uma delegacia de polícia, segundo anunciou o governo austríaco …

Satélites Starlink já estão atrapalhando observações astronômicas

Em maio, Elon Musk garantiu que seus satélites Starlink não causariam impactos nas observações astronômicas — declaração dada pelo Twitter logo após o lançamento dos primeiros 60 satélites do projeto que visa pelo menos 12 …

As celebridades no esporte que adoram poker - 7 esportistas que jogam poker por lazer!

O poker está cada dia mais alcançando um status como esporte e poderá até mesmo se tornar um esporte olímpico. Desde 2009, o poker é considerado mundialmente como um esporte da mente pela International Mind Sports …