Trump impede (temporariamente) a separação de famílias imigrantes

Kevin Lamarque / Reuters

Donald Trump

O presidente dos EUA assinou, nesta quarta-feira (20), uma Ordem Executiva que permite resolver temporariamente o problema das famílias imigrantes no país, que foram separadas dos filhos na fronteira com o México. No entanto, ressalvou que a política de migração é para continuar. 

A medida da “Tolerância Zero” à entrada de pessoas no país sem autorização legal foi instituída no início deste ano e, desde então, causou fortes críticas por todo o mundo.

Não gostaria de ver famílias separadas“, disse o presidente dos Estados Unidos depois de assinar o documento, de acordo com a Euronews.

A ordem executiva impede a separação de pais e filhos, permitindo que sejam mantidos juntos em centros de detenção após terem tentado entrar ilegalmente no país. No entanto, não ficou claro por quanto tempo as crianças poderão ficar presas.

“Trata-se de manter as famílias unidas, ao mesmo tempo que mantemos uma forte lei”, continuou o presidente dos EUA, recordando também que a Ordem Executiva assinada não significa o fim da política de Tolerância Zero.

“Queremos manter as famílias juntas, é algo muito importante. Mas temos que ser duros se queremos defender nosso país de certas pessoas, do crime e de todas essas coisas que não queremos que existam aqui”, argumentou.

Em reunião com senadores na Casa Branca, Trump antecipou sua decisão e afirmou que a ordem será “algo preventivo até certo ponto”, notando ainda que o Congresso acabará aprovando uma legislação sobre o tema, segundo o Deutsche Welle.

A medida, que desde cedo se mostrou impopular mesmo no seio do Partido Republicano, já separou cerca de 2 mil crianças, que foram retiradas das famílias desde que foi implementada. Vários setores da sociedade americana se mostraram contra, desde congregações cristãs até figuras públicas, atores e apresentadores de televisão.

Os menores estavam em celas, que podiam ter 20 ou mais crianças, com garrafas de água, pacotes de batatas fritas e grandes folhas de papel utilizadas como cobertores. Foram ainda registradas gravações com as crianças em desespero, pedindo para voltar para junto dos pais.

O controle da imigração foi uma das bandeiras mais fortes da campanha de Donald Trump pelo Partido Republicano.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

EUA: Estudo traz primeiros resultados 'promissores' de vacina de RNA mensageiro contra Aids

Uma vacina usando a tecnologia de RNA mensageiro, a mesma que algumas vacinas contra a Covid-19, pode ser usada desta vez contra a Aids. É o que mostram os primeiros resultados promissores de testes …

Viagem de Lula à Argentina visa fortalecer governo de Fernández e teoria de lawfare contra Kirchner

O ex-presidente Lula será o primeiro estrangeiro a discursar diante de uma multidão na Praça de Maio, em Buenos Aires, em um ato destinado a renovar o vínculo do governo argentino com o seu …

Após EUA, vários países se mobilizam em boicote aos Jogos Olímpicos de Inverno de Pequim

Reino Unido, Austrália, Canadá, Nova Zelândia seguiram os passos dos Estados Unidos e anunciaram que também vão participar do “boicote diplomático” aos Jogos Olímpicos de Inverno de Pequim, previstos para fevereiro. Os países acusam …

Musk anuncia que Neuralink testará microchips neuronais em humanos em 2022

O bilionário e empreendedor norte-americano referiu que já testou com sucesso um implante cerebral em um macaco, e quer agora que essa tecnologia seja aplicada em humanos. Os humanos poderão ter implantes cerebrais da empresa Neuralink …

Cientistas americanos encontram substância contra coronavírus em algas para sushi

Biólogos americanos esperam que sua descoberta ajude na criação de tratamentos antivírus com base em plantas. Os cientistas determinaram que o sulfato de rhamnan – polissacarídeo componente das algas verdes Monostroma nitidum, utilizadas para embrulhar o …

Mulheres comandam metade dos ministérios no governo Scholz

Futuro chanceler confirma nomes finais do seu governo, que deverá começar os trabalhos ainda esta semana. Percentual de mulheres no comando de ministérios federais é o maior da história da Alemanha. O próximo chanceler federal da …

Biden e Putin fazem videoconferência para tentar resolver impasse na Ucrânia

Joe Biden e Vladimir Putin se preparam para uma vídeoconferência nesta terça-feira (7) em um momento em que as tensões entre Washington e Moscou se intensificam com rumores de uma iminente invasão da Ucrânia …

Aung San Suu Kyi é condenada a 4 anos de prisão

Líder deposta por golpe militar em Mianmar enfrenta série de acusações que a Anistia Internacional chama de falsas. Novo veredicto deve sair nos próximos dias. A líder deposta de Mianmar, Aung San Suu Kyi, foi condenada …

Em último vídeo do mandato, Merkel pede que população se vacine

A chanceler alemã Angela Merkel, que deixará o poder na próxima quarta-feira (8), voltou a defender neste sábado (4) a vacinação contra a Covid-19, no último de uma série de mais de 600 vídeos …

Descobrem na China ferramenta de marfim de 99 mil anos, possivelmente a mais antiga do país

Pesquisadores desenterraram uma pá de marfim datada de há cerca de 99.000 anos em um sítio arqueológico do Paleolítico na província chinesa de Shandong. Acredita-se que o objeto seja uma das primeiras ferramentas de osso utilizadas …