Trump anuncia novas sobretaxas a importações da China

Tarifa atinge US$ 300 bilhões em produtos do país asiático que ainda estavam isentos de pacote protecionista. Trump acusa China de não cumprir promessas para solucionar impasse comercial.

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, anunciou nesta quinta-feira a imposição, a partir de 1º de setembro, de novas sobretaxas de 10% sobre outros 300 bilhões de dólares em produtos importados da China, acirrando a guerra comercial entre os dois países.

As novas tarifas atingem as importações que haviam sido poupadas até agora pelos EUA e se unem as sobretaxas de 25% já impostas sobre 250 bilhões de dólares em produtos importados da China, país que exporta cerca de 500 bilhões de dólares em bens para os Estados Unidos anualmente.

“Acreditávamos que tínhamos um acordo com a China há três meses, mas, infelizmente, a China decidiu renegociar o acordo antes da assinatura”, afirmou Trump no Twitter, ao anunciar as novas tarifas.

Trump justificou a decisão acusando os dirigentes de Pequim de não terem cumprido as promessas de aumentar significativamente o volume de compras de produtos agrícolas dos EUA e de interromper as vendas de fentanil, um potente opioide que causa muitos dependentes nos Estados Unidos.

Segundo Trump, “muitos americanos continuam morrendo” por causa desse perigoso opioide vendido clandestinamente em ampla escala por laboratórios do país asiático. A substância causou a morte do astro pop Prince e de cerca de 30 mil americanos em 2017.

“Esperamos continuar o nosso diálogo positivo com a China sobre um acordo comercial integral e sentimos que o futuro entre nossos países será muito brilhante”, concluiu Trump.

Os dois países continuam negociando uma forma de resolver a guerra comercial aberta pelo presidente americano. Fases de progresso e desastre tem se alterado ao longo das negociações. Em maio, as conversas pareciam ter entrado em colapso, mas ganharam um impulso depois da reunião entre Trump e presidente da China, Xi Jinping, durante a cúpula do G20 no Japão.

Na quarta-feira, o governo americano disse que as negociações comerciais realizadas nos últimos dias em Pequim – a primeira de alto nível desde o G20 – foram suspensas e serão retomadas em Washington no início de setembro.

A Casa Branca havia informado ainda que os negociadores chineses tinham confirmado “o compromisso de aumentar as compras de produtos agrícolas dos EUA” e classificado os encontros como “construtivos”.

Apesar do aparente sucesso, Trump decidiu impor uma nova sobretaxa aos 300 bilhões de dólares em produtos chineses que ainda estavam fora do pacote protecionista da Casa Branca.

As tensões entre EUA e China têm raízes no desequilíbrio da balança comercial a favor do país asiático, que exporta 419 bilhões de dólares a mais do que importa, o que segundo Trump acontece devido a injustas práticas comerciais do gigante asiático.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Fortnite dá desconto por fora, é banido pela Apple e caso vai parar na justiça

A Epic está processando a Apple pela retirada de Fornite da App Store. Após um embate jurídico entre as duas companhias, o jogo foi bloqueado na loja do iOS, criando reação imediata da desenvolvedora. A história, …

Com 1000 anos, maior cidade pré-colombiana da região dos EUA fica sob a cidade St Louis

Por mais que tenhamos sido ensinados que a história do continente americano começa pela chegada por aqui dos navegadores europeus – e o próprio nome de tal território sublinha essa recorrente doutrinação – o fato …

Asteroide Psyche poderia ser núcleo de planeta que não se formou, dizem cientistas

Cientistas examinaram um asteroide que deve ser visitado por uma missão da NASA em 2022, encontrando provas que suas propriedades atraíram sucessão de outros asteroides. Após realizar diversas simulações em 2D e 3D usando um supercomputador, …

Essa “formiga-diabo” pré-histórica ataca sua presa há 99 milhões de anos

Uma linhagem extinta há tempos, nomeada afetuosamente de “formiga do inferno” ou “formiga-diabo”, foi encontrada presa em âmbar há 99 milhões de anos atrás, com sua mandíbula em formato de foice agarrada firme na presa. No …

Mataram um crocodilo de meia tonelada e 4,5 metros depois de 50 anos de perseguição

Notícia triste para quem luta pela preservação do meio ambiente. Conhecido como Demônio, um crocodilo de meia tonelada e 4,5 metros, que segundo moradores aterrorizava vilarejos na ilhas Bangka Belitung (Indonésia), foi morto na semana …

China diz que encontrou traços de coronavírus em frango brasileiro

Carga de asas de frango que chegou a Shenzhen, no sul do país asiático, foi confiscada. Funcionários da alfândega que entraram em contato com alimentos foram testados, mas exames deram negativo. Traços do novo coronavírus foram …

Vacinação em SP começa em janeiro, segundo diretor do Butantan

Com a pandemia, inúmeras empresas estão dedicadas ao desenvolvimento de uma vacina que possa ajudar na luta contra a COVID-19. Nesta quarta-feira (12), o diretor do Instituto Butantan, Dimas Tadeu Covas, afirmou que o estado …

Descoberto "Stonehenge de madeira" de 4.500 anos em Portugal

A estrutura de madeira achada é a "única na pré-história da Península Ibérica", explicou o arqueólogo que lidera as escavações. Durante uma escavação no sítio arqueológico de Perdigões, arqueólogos descobriram uma estrutura para fins cerimoniais de …

Coronavírus reaparece na "protegida" Nova Zelândia e gera alerta

A detecção de quatro casos de transmissão local do novo coronavírus, depois de mais de 100 dias sem o vírus, levou as autoridades da Nova Zelândia a restaurar a quarentena em Auckland, cidade mais populosa …

Viagem aos anos 90: Airbnb abrirá reservas para pernoites na última Blockbuster

Quem viveu o boom das locadoras nos anos 90 sabe que ir até uma Blockbuster ou redes semelhantes de VHS e DVDs era um verdadeiro programa de final de semana: a experiência de assistir a …