Tsunami monumental separou Europa da Grã-Bretanha há 8 mil anos, segundo estudo

As ondas provocadas por um massivo deslizamento de terra, ocorrido no norte da Noruega, afetou “gravemente” a vida dos habitantes do território que antigamente unia a Grã-Bretanha à Europa continental, segundo estudo.

Durante o último período glacial, a Grã-Bretanha estava conectada com o resto da Europa através de uma vasta ponte terrestre chamada Doggerland. A situação mudou com o fim da Era do Gelo, quando não somente aumentou o nível do oceano, mas também ocorreu o chamado deslizamento de Storegga.

Esse enorme deslizamento ocorreu em 6200 a.C. no norte da Noruega e provocou um megatsunami, contribuindo para a destruição das terras que uniam a Europa continental e a futura Grã-Bretanha.

Desde 1931, quando um pescador encontrou um arpão mesolítico no banco de Dogger, no centro do mar do Norte, acumulou-se muitas evidências que sugeriam essa versão da história geológica da região. Contudo, até recentemente não existiam provas cabais de outro tsunami ocorrido no sul da Grã-Bretanha.

O estudo de uma equipe internacional de pesquisadores, publicado nesta quarta-feira (15) na revista científica Geosciences, oferece essas confirmações e apresenta novos detalhes do evento devastador.

Em particular, em um local do leito marinho localizado a aproximadamente 50 quilômetros da atual costa de Norfolk, no leste da Inglaterra, os pesquisadores descobriram uma massa de sedimentos relacionados ao tsunami: uma cama de pedras, conchas e sedimentos estuários de quase meio metro de grossura.

Tanto a datação por radiocarbono como outros tipos de análises – como o estudo de geoquímica e paleobotânica, além do DNA sedimentar antigo – confirmaram que este depósito pode estar vinculado ao deslizamento de Storegga. Além disso, permitem concluir que não ocorreu um, mas, sim, “três grandes eventos de ondas”.

Afetou os humanos, mas não acabou com Doggerland

Quanto ao impacto do tsunami na vida dos habitantes pré-históricos da região, os pesquisadores opinam que “nessas áreas costeiras, onde as populações humanas mesolíticas podem ter residido durante a maior parte do ano, os assentamentos teriam sido gravemente afetados”.

Ao mesmo tempo, advertem que as ondas não foram o golpe final em Doggerland, que acabou desaparecendo no mar: “A evidência sugere que a paisagem se recuperou temporalmente e que […] A imersão final das partes remanescentes de Doggerland ocorreu depois do tsunami Storegga.”

Segundo o principal autor do estudo, o professor Vince Gaffney, da Universidade de Bradford (Reino Unido), “a exploração de Doggerland, uma paisagem perdida sob o mar do Norte, é um dos últimos grandes desafios arqueológicos da Europa”.

“Este trabalho demonstra que uma equipe interdisciplinar de arqueólogos e cientistas pode reviver esta paisagem e, até mesmo, revelar informações sobre um dos grandes desastres naturais da pré-história, o tsunami de Storegga“, afirma o pesquisador citado por comunicado da Universidade de Warwick (Reino Unido).

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

George W. Bush: o suposto plano para matar ex-presidente dos EUA desbaratado pelo FBI

Um simpatizante do Estado Islâmico planejava assassinar o ex-presidente dos EUA George W. Bush, mas o plano foi descoberto pelo FBI (polícia federal americana), segundo autoridades dos Estados Unidos. O suspeito, um residente de Ohio, supostamente …

O que se sabe sobre misterioso surto de varíola dos macacos

Casos recentes da doença na América do Norte e Europa acenderam o alerta entre especialistas. Endêmico na África, vírus é transmitido por animais contaminados e por contato próximo prolongado entre pessoas. Autoridades de saúde na América …

EUA: Estudo traz primeiros resultados 'promissores' de vacina de RNA mensageiro contra Aids

Uma vacina usando a tecnologia de RNA mensageiro, a mesma que algumas vacinas contra a Covid-19, pode ser usada desta vez contra a Aids. É o que mostram os primeiros resultados promissores de testes …

Viagem de Lula à Argentina visa fortalecer governo de Fernández e teoria de lawfare contra Kirchner

O ex-presidente Lula será o primeiro estrangeiro a discursar diante de uma multidão na Praça de Maio, em Buenos Aires, em um ato destinado a renovar o vínculo do governo argentino com o seu …

Após EUA, vários países se mobilizam em boicote aos Jogos Olímpicos de Inverno de Pequim

Reino Unido, Austrália, Canadá, Nova Zelândia seguiram os passos dos Estados Unidos e anunciaram que também vão participar do “boicote diplomático” aos Jogos Olímpicos de Inverno de Pequim, previstos para fevereiro. Os países acusam …

Musk anuncia que Neuralink testará microchips neuronais em humanos em 2022

O bilionário e empreendedor norte-americano referiu que já testou com sucesso um implante cerebral em um macaco, e quer agora que essa tecnologia seja aplicada em humanos. Os humanos poderão ter implantes cerebrais da empresa Neuralink …

Cientistas americanos encontram substância contra coronavírus em algas para sushi

Biólogos americanos esperam que sua descoberta ajude na criação de tratamentos antivírus com base em plantas. Os cientistas determinaram que o sulfato de rhamnan – polissacarídeo componente das algas verdes Monostroma nitidum, utilizadas para embrulhar o …

Mulheres comandam metade dos ministérios no governo Scholz

Futuro chanceler confirma nomes finais do seu governo, que deverá começar os trabalhos ainda esta semana. Percentual de mulheres no comando de ministérios federais é o maior da história da Alemanha. O próximo chanceler federal da …

Biden e Putin fazem videoconferência para tentar resolver impasse na Ucrânia

Joe Biden e Vladimir Putin se preparam para uma vídeoconferência nesta terça-feira (7) em um momento em que as tensões entre Washington e Moscou se intensificam com rumores de uma iminente invasão da Ucrânia …

Aung San Suu Kyi é condenada a 4 anos de prisão

Líder deposta por golpe militar em Mianmar enfrenta série de acusações que a Anistia Internacional chama de falsas. Novo veredicto deve sair nos próximos dias. A líder deposta de Mianmar, Aung San Suu Kyi, foi condenada …