Uma cidade brasileira pode ter atingido imunidade de grupo ao Covid-19 a um terrível custo

António Lacerda / EPA

Um surto explosivo de COVID-19 em Manaus pode ter contaminado pessoas suficientes para que a imunidade coletiva tenha se manifestado, sugerem estudos iniciais.

Exames de anticorpos mostram que até dois terços da população pode ter contraído o Sars-CoV-2, de acordo com um time de cientistas internacional incluindo pesquisadores do Brasil, Reino Unido e EUA em 21 de setembro no servidor de pré-impressão medRxiv. Os pesquisadores dizem que isso poderia explicar a redução gradual e sustentada de novos casos na cidade.

“É um tanto difícil descobrir se isso é pura imunidade de rebanho versus uma combinação de coisas”, afirma Thomas Russo, chefe da divisão de doenças infecciosas da Escola Jacobs de Medicina e Ciências Biomédicas da Universidade de Buffalo (EUA), que não esteve envolvido no estudo, para o Popular Science. “Mas é intrigante com certeza”.

A imunidade do rebanho, também conhecida como imunidade de grupo, se desenvolve quando um número suficiente de pessoas está protegido contra uma doença infecciosa — seja por meio de infecção ou vacinação — que não pode se espalhar facilmente para o resto da população. Quando chega nesse ponto cada paciente que contrai a doença a transmite para menos de uma pessoa em média, o que leva que o número de novos casos diminua. Os pesquisadores não têm certeza de qual é esse limite para o SARS-CoV-2, mas Russo diz que as estimativas variam de 60 a 80%.

O novo estudo não pode esclarecer exatamente quando a imunidade de grupo entra em ação. É possível que em alguns dos locais mais atingidos pelo covid-19, a queda de novos casos reflete a enorme fração da população que desenvolveu imunidade e os impactos de práticas como uso de máscara e distanciamento físico. O estudo ainda precisa ser revisado por outros cientistas. Mas Russo observa para o POPSCI que os resultados não são surpreendentes se encaixando nas previsões dos epidemiologistas.

No estudo os cientistas fizeram medições de anticorpos do SARS-CoV-2 em amostras de doadores de sangue de duas cidades entre fevereiro e agosto. Manaus sofreu um surto terrível de Covid-19 após a confirmação do primeiro caso em 13 de março. Os novos casos aumentaram explosivamente em março e abril, até atingir um pico no começo de maio e reduzir entre maio e setembro, mesmo depois que o lockdown foi relaxado.

Com base nas comparações dos resultados positivos para anticorpos, os cientistas estimaram que aproximadamente 44% do povo de Manaus possuía anticorpos detectáveis ​​em junho. Como demora certo tempo para que os anticorpos apareçam após o paciente ser contaminado, os cientistas calculam que 52% da população estaria contaminada nessa época. Houve uma redução de resultados positivos nos últimos meses, possivelmente porque as taxas de anticorpos detectáveis ​​caiu com o tempo. O time finalmente estimou que até 66,1% do povo em Manaus foi contaminado.

“Embora intervenções não farmacêuticas, além de uma mudança no comportamento da população, possam ter ajudado a limitar a transmissão da SARS-CoV-2 em Manaus, a taxa de infecção excepcionalmente alta sugere que a imunidade de rebanho desempenhou um papel significativo na determinação do tamanho da epidemia.”, afirmaram os pesquisadores no estudo.

Diferentemente, São Paulo — onde o primeiro caso de Covid-19 no Brasil foi confirmado 25 de fevereiro — passou por um surto de menor intensidade nos primeiros meses. Em junho, o nível dos anticorpos na população chegou a apenas 13,6%.

Não está claro a causa pela qual o Covid-19 explodiu em Manaus, que estabeleceu medidas de restrição semelhantes a São Paulo e outras cidades no Brasil desde o fim de março. Os cientistas pensam que a forte transmissão em Manaus pode ter sido intensificada pela superlotação, pouco acesso a água potável e a grande dependência de viagens de barco, comumente lotados. A média de idade da população também é mais jovem que a de São Paulo. Jovens podem sair com muito mais frequência, transmitindo mais o vírus. Isso também pode ser a explicação para uma taxa de mortalidade menor em Manaus do que São Paulo por Covid-19.

Os cientistas lembram que suas constatações não podem ser aplicadas diretamente a outras cidades, já que a transmissão generalizada do Covid-19 depende de inúmeros fatores como quantas pessoas são imunes, rigor do distanciamento físico, etc. Os voluntários que doaram seu sangue eram adultos saudáveis que não representam necessariamente a população como um todo.

“Manaus pode atuar como uma sentinela para determinar a longevidade da imunidade da população e a frequência das reinfecções”, alertaram os pesquisadores.

A imunidade de grupo, realmente, pode ter retardado a disseminação do Covid-19 em Manaus, disse Russo, mas essa não é uma estratégia que deve ser aplicada em nenhum lugar. Cerca de três milhões de pessoas estariam mortas nos EUA, e os cientistas acham que o Covid-19 esteja causando sérios problemas de saúde de longo prazo, mesmo nos pacientes de casos levem ou naqueles sem qualquer sintoma.

“Definitivamente haverá um excesso de mortes e quase certamente um excesso de consequências para a saúde de médio e longo prazo”, afirmou Russo. “Pode haver ramificações [da infecção] que não são percebidas inicialmente do ponto de vista da saúde, mas podem aparecer em meses, anos ou décadas.”

Além do mais, a maior parte do mundo — mesmo aqueles com epidemias potentes de Covid-19 — está muito longe de chegar na imunidade de rebanho. No entanto, Russo diz que contar com medidas de saúde pública como usar máscaras, lavar as mãos com frequência e distanciamento físico podem trazer um efeito similar à imunidade de grupo.

“Minimizar o número de pessoas infectadas e usar as medidas de saúde pública como um substituto para proteção até chegarmos à vacina é a chave.”

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Processo contra o Google nos EUA pode afetar o modo como você usa seu celular

Na última terça-feira (23), o Departamento de Justiça dos EUA entregou um "presente de Halloween" pouco agradável ao Google: um gigantesco processo antitruste, acusando a empresa de práticas que eliminam a competição nos mercados de …

Chilenos decidem a favor de nova Constituição por ampla maioria

Em plebiscito, quase 80% dos eleitores votam a favor de uma nova Carta Magna, em substituição à herdada da era Pinochet, e de que ela seja escrita por uma Assembleia Constituinte com igualdade entre mulheres …

'Vai comprar lá na Venezuela', rebate presidente a apoiador que reclamou de preço do arroz

O presidente Jair Bolsonaro rebateu neste domingo (25), durante passeio de moto por Brasília, crítica de apoiador sobre a alta do preço do arroz. No momento em que saia da Feira Permanente do Cruzeiro, região administrativa …

Espanha, Itália e França ampliam restrições em fim de semana com recorde de casos da Covid-19

Os líderes europeus intensificam as medidas de combate à pandemia do coronavírus, depois da alta de 42% de novos casos da Covid-19 em uma semana. A Itália reforçou neste domingo as medidas de restrição …

Pistachio, o cãozinho filhote que nasceu com pelo verde na Itália

O fazendeiro italiano Cristian Mallocci esperava uma ninhada normal de cachorros de sua cadelinha labradora. Entretanto, ao ver os filhotinhos que nasceram, ele percebeu que um era um pouquinho diferente. ‘Pistachio’, como foi nomeado posteriormente, …

Fóssil de pterossauro nunca antes visto de 100 milhões de anos é descoberto na China

Um novo gênero e uma nova espécie de pterossauro dsungaripterídeo, que viveu durante o Cretáceo Inferior, foram catalogados na China após análise de uma mandíbula inferior incompleta. Pterossauros eram répteis voadores que viveram simultaneamente com os …

A consciência é um campo energético: afirma estudo

Uma nova ideia incomum em neurociência sugere que nossa consciência é derivada de um campo de ondas eletromagnéticas emitidas pelos neurônios quando disparam suas cargas elétricas. A ideia é que essas ondas de atividade elétrica sejam …

Pais gays viram alvo de investigações na Rússia

Alguns anos atrás, o advogado Vladimir (nome modificado), morador de uma grande cidade russa, decidiu ter um filho com o auxílio de uma mãe de aluguel. Sua família inteira ficou contente quando uma menina nasceu. …

Líbano: Saad Hariri volta ao posto de primeiro-ministro para formar novo governo

Saad Hariri foi nomeado novamente primeiro-ministro do Líbano, com o desafio de chegar a um acordo com as várias forças políticas do país e formar um governo capaz de realizar as reformas necessárias para …

Alunos incentivam câmeras ligadas para que professores não ‘falem’ com telas em branco

Para amenizar a sensação de solidão de professores em aulas online, alunos norte-americanos começaram a usar o TikTok para incentivar mais estudantes a abrirem as câmeras durante encontros educacionais à distância. A usuária da rede social …