Vacina Oxford AstraZeneca é aprovada no Reino Unido: Covid

USACE Europe District / Flickr

Finamente a tão esperada notícia boa sobre a vacina de Oxford. O Reino Unido acaba de aprovar o uso do imunizante contra Covid-19 desenvolvido pela Universidade de Oxford em parceria com a farmacêutica AstraZeneca.

“O governo aceitou hoje a recomendação da Agência Reguladora de Medicamentos e Produtos de Saúde (MHRA) para autorizar o uso da vacina da Universidade de Oxford com a AstraZeneca”, disse o Ministério da Saúde britânico.

A aprovação ocorre no momento em que a região enfrenta uma grande onda de Covid-19, causada por uma nova variante do vírus, que é mais contagiosa.

Brasil

A notícia pode facilitar a aprovação aqui no Brasil, já que é justamente a vacina que o governo brasileiro mais apostou.

Em entrevista à CNN, o vice-presidente de produção da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), Marco Krieger, disse que o cronograma está seguindo o planejamento inicial da fundação, que é de fazer o registro em janeiro de 2021.

A vacina da AstraZeneca recebeu a certificação de boas práticas de fabricação pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) no dia 23 de dezembro.

Com o certificado, o imunizante tem uma chancela maior do órgão para pedidos de uso emergencial.

Eficácia

No começo de dezembro, a Universidade de Oxford publicou o primeiro resultado revisado do terceiro e último teste clínico da sua vacina.

Na época, a eficácia média ficou em 70,4% em pessoas com idade entre 18 e 55 anos. Mas no último domingo, 27, depois de refazer testes por divergência nos resultados, a AstraZeneca anunciou ter encontrado “uma fórmula vencedora” para fazer com que sua vacina contra Covid-19 – feita em parceria com a Universidade de Oxford – tenha uma eficácia semelhante à da Pfizer/BioNTech, de 95%, e da Moderna, 94%.

A afirmação foi dada por Pascal Soriot, diretor executivo do laboratório farmacêutico AstraZeneca:

“Acreditamos ter encontrado a ‘fórmula vencedora’ para atingir uma eficácia que, após duas doses, é tão elevada quanto todas as outras”, explicou Soriot ao jornal Sunday Times.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

A incrível civilização antiga que mumificava os mortos 2 mil anos antes dos egípcios

"As mais antigas evidências arqueológicas conhecidas de mumificação artificial de corpos", segundo a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco), estão presentes na América do Sul, na costa árida …

Delta pode causar covid-19 mais grave, alerta agência americana

Documento interno do órgão de prevenção de doenças dos EUA indica que a variante delta do coronavírus é tão contagiosa quanto a catapora e pode ser transmitida mesmo por indivíduos vacinados. "A guerra mudou", diz …

Vendas de vacinas anticovid impulsionam lucros de laboratórios

A empresa farmacêutica AstraZeneca anunciou nesta quinta-feira (28) que as vendas de sua vacina contra a Covid-19 alcançaram US $ 1,17 bilhão no primeiro semestre do ano. Este número corresponde à entrega de aproximadamente …

Cientistas transformaram água pura em metal pela primeira vez

Cientistas transformaram, pela primeira vez, água pura em metal. A pesquisa poderia permitir um estudo detalhado das condições de extrema alta pressão dentro de grandes planetas. A água pura é um isolante quase perfeito. Sim, a …

Imagens do satélite Amazonia-1 já estão disponíveis — e qualquer um pode acessar

O Ministério da Ciência e Tecnologia comunicou, nesta semana, que as imagens do Amazonia-1 já podem ser acessadas pelo público. O satélite Amazonia-1 foi lançado em fevereiro de 2021 e, desde então, já avançou por etapas importantes, …

Alemanha acusa médico sírio de crimes contra a humanidade

Promotores federais da Alemanha acusaram nesta quarta-feira (28/07) um médico sírio de assassinato e crimes contra a humanidade. O suspeito enfrenta 18 acusações de tortura contra pacientes de hospitais militares nas cidades sírias de Homs e …

Suposto 'padrão' citado por Bolsonaro não indica fraude eleitoral; presidente admite não ter provas

O presidente Jair Bolsonaro usou sua live semanal desta quinta-feira (29/07) para fazer uma apresentação questionando a lisura das últimas eleições e apontando o que considera ser "fortíssimos indícios" de fraudes nas urnas eletrônicas. No entanto, …

Cientistas revelam novos dados sobre neandertais e denisovanos após analise sanguínea

Cientistas, que analisaram os genes de três neandertais e um denisovano, descobriram que ambas as espécies de pessoas ancestrais provêm da África. Os autores também encontraram uma ligação genética entre os neandertais e os aborígines …

Uruguai anuncia 3ª dose para vacinados com CoronaVac; Brasil e Chile avaliam mesmo caminho

Brasil, Chile e Uruguai são os três países da região que aplicam, maciçamente, o imunizante chinês. A efetividade da CoronaVac é a menor entre todas as vacinas atualmente disponíveis e diminui substancialmente depois dos …

Apple fatura US$ 84 bi no trimestre graças a vendas sólidas de iPhones

Com crescimento em todas as linhas de produtos — até mesmo no segmento de serviços —, a Apple obteve uma receita de US$ 84,1 bilhões (cerca de R$ 434 bilhões) em seu terceiro trimestre fiscal …