YouTube realiza “mudanças” após queixas por anúncios em vídeos ofensivos

European Parliament / Flickr

-

A diretora-executiva do YouTube, Susan Wojcicki, afirmou nesta quinta-feira (30) que o portal implementou “muitas mudanças” após grandes companhias denunciarem que seus anúncios publicitários apareciam inseridos em vídeos com conteúdos ofensivos.

Em um encontro com veículos de imprensa e analistas em Berlim, Susan afirmou que o YouTube, pertencente ao gigante americano Google, melhorou de forma considerável sua capacidade de detectar e eliminar conteúdos racistas e xenófobos, e deu mais opções aos anunciantes para controlar os vídeos nos quais aparece sua publicidade.

“Implementamos muitas mudanças” em ambos os aspectos, indicou Susan sobre a polêmica levantada após queixas e críticas de grandes empresas como Starbucks, General Motors, PepsiCo, Wal-Mart e 21st Century Fox.

Algumas retiraram diretamente seus anúncios do YouTube, enquanto outras suspenderam total ou parcialmente seu investimento publicitário no Google, a principal fonte de receita da empresa tecnológica.

A diretora do YouTube se mostrou convencida de que, após as mudanças, os anunciantes se sentirão “mais à vontade” com os conteúdos com os quais sua marca é associada.

Susan explicou a complexidade de encontrar o equilíbrio adequado na gestão do imenso conteúdo digital que o YouTube controla, evitando tanto o risco de exagerar e cair na censura, como o de ser permissivo demais com vídeos inapropriados.

Como exemplo, explicou que em uma ocasião vários usuários denunciaram como inadequado um vídeo musical pelo fato de incluir conteúdo LGBT, mas que o YouTube manteve.

Susan também lembrou que o portal segue a regulação correspondente em cada país e, além disso, aplica seus próprios códigos internos em nível global, que proíbem a difusão de conteúdo pornográfico e violento.

O diretor-executivo do Google, Philipp Schindler, se desculpou publicamente na semana passada pela polêmica dos anúncios e garantiu que a companhia estava “revisando extensivamente” suas políticas de anúncios e ferramentas enquanto introduzia “a marca” para facilitar aos anunciantes o controle dos conteúdos onde aparecem.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Estão são as atividades mais e menos arriscadas para espalhar Covid-19

Quando falamos em pegar Covid-19 cada atividade traz um risco diferente. É o que nos mostra esse admirável infográfico (que traduzimos a seguir) recentemente compartilhando pelo Twitter do Information is Beautiful (Informação é linda, em …

Android gerou receitas equivalentes a 2% do PIB brasileiro em 2019, diz estudo

Um levantamento feito pela consultoria Bain & Company apontou que o Android gerou receitas estimadas em R$ 136 bilhões ao mercado brasileiro. Isso aconteceu a partir de empresas diretamente envolvidas no ecossistema do sistema operacional móvel …

Eleições regionais na Itália são um teste para governo diante de avanço da Liga de Salvini

Apesar do novo avanço de contaminações de Covid-19, a Itália organiza neste domingo e segunda-feira eleições municipais e regionais. Os eleitores também são convocados para se pronunciar em um referendo nacional sobre a redução …

Documentos secretos dos EUA expõem grandes bancos

Arquivos do Departamento do Tesouro americano revelam que algumas das maiores instituições financeiras do mundo facilitaram por anos lavagem de dinheiro. Valor suspeito movimentado chega a 2 trilhões de dólares. Milhares de documentos secretos do governo …

Estudo confirma que animais e humanos podem transmitir SARS-CoV-2 entre si

Cientistas neerlandeses examinaram grupos de animais e humanos de 16 fazendas de martas nos Países Baixos, descobrindo que houve infeção entre eles. Um estudo realizado em 16 fazendas de martas nos Países Baixos confirma que o …

Uma imensidão de novos mundos podem conter vida após essa nova descoberta

Pesquisadores observaram um planeta gigante orbitando sua estrela, uma anã branca, pela primeira vez. É a mais forte evidência até o momento de que planetas conseguem sim sobreviver a morte violenta de suas estrelas-mãe. A estrela …

Covid-19 vira “oportunidade" para golpistas na internet

Incertezas sobre os sintomas, alta contagiosidade, milhares de mortes no mundo. Ao atingir em cheio o medo das pessoas, o coronavírus se tornou uma “oportunidade" para golpistas na internet, que se aproveitam da ansiedade …

Trump ofereceu perdão a Assange em troca de fonte de e-mails vazados, diz advogada

Advogada de Assange afirmou que administração Trump ofereceu liberdade para o fundador do WikiLeaks caso ele revelasse a fonte por trás dos vazamentos de e-mails do Partido Democrata dos EUA. A oferta teria sido feita através …

Estudo mostra material especial que pode ser usado em construções em Marte

A NASA planeja levar humanos novamente à Lua com o programa Artemis a partir de 2024, que irá contribuir para a realização de futuras visitas a Marte. E Elon Musk é um entusiasta da ideia …

YouTube, Facebook: redes sociais bloqueiam contas de pesquisadores de maconha medicinal

No final do ano passado o uso medicinal da maconha foi aprovado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e legalizado no Brasil. A lei, que beneficia a saúde de milhares de pessoas que sofrem com …