A culpa é dos Neandertais

(dr) Joe McNally, National Geographic

De acordo com novos estudos genéticos que identificaram quantos de nossos traços nós devemos aos nossos antepassados, se você tem dificuldade em pegar um bronzeado, é uma pessoa muito noturna ou possui artrite, então seus ancestrais neandertais podem ser os culpados.

Segundo um estudo publicado no American Journal of Human Genetics de Neanderthal, estes nossos parentes ancestrais chegaram no norte da Europa milhares de anos antes dos humanos modernos, o que lhes deu tempo para que sua pele ficasse mais pálida, pois seus corpos se esforçavam mais para absorver a luz solar.

Quando os homo neanderthalensis se cruzaram com os Homo Sapiens, os humanos modernos, esses genes pálidos foram transmitidos.

Também outro estudo, publicado na revista Science, sustenta que algumas das características do homem moderno foram herdadas dos antigos neandertais, como as que predispõem as pessoas à artrite e a ser uma pessoa noturna, que fica acordada até tarde, em vez de render mais durante o dia.

Esta última característica se deve ao fato de que as latitudes do norte terem alterado o relógio circadiano dos neandertais.

Os cientistas compararam o DNA neandertal antigo com o de  112 mil britânicos que participaram do estudo UK Biobank. O Biobank inclui dados genéticos juntamente com informações sobre muitos traços relacionados à aparência física, dieta, exposição ao sol, comportamento e doenças.

Os resultados da análise permitiram concluir que cor de cabelo, humor, propensão a fumar ou a ter um transtorno alimentar são todos traços que podem estar relacionados ao cruzamento da espécie humana moderna com neandertais.

Quando os humanos modernos chegaram na Eurásia, há cerca de 100 mil anos, os neandertais já viviam ali há milhares de anos e estavam provavelmente bem adaptados a níveis mais baixos e variáveis de luz solar do que os recém-chegados da África.

“A cor da pele e do cabelo, os ritmos circadianos e o humor são todos influenciados pela exposição à luz”, disse a Dra. Janet Kelso, do Instituto Max Planck de Antropologia Evolutiva, na Alemanha.

“A exposição ao sol pode ter moldado os fenótipos neandertais e esse fluxo de genes em seres humanos modernos continua a contribuir para a variação nestes traços hoje”.

Com base em novo material genético retirado de uma mulher neandertal que viveu na Croácia há cerca de 50 mil anos, os cientistas agora estimam que os europeus devem 2,6% de seu DNA aos neandertais, e não os 2,1% que se pensava anteriormente.

Endogamia

Um estudo separado da Universidade de Cambridge, no Reino Unido também deu indícios da razão pela qual as populações neandertais se extinguiram, enquanto os humanos modernos prosperaram.

Os primeiros humanos parecem ter sentido os perigos da endogamia, a união entre indivíduos aparentados, geneticamente semelhantes, há pelo menos 34 mil anos, e desenvolveram redes sociais e de acasalamento surpreendentemente sofisticadas para evitar isso.

Estudos genéticos de esqueletos do Paleolítico Superior na Rússia não mostram endogamia nos seres humanos modernos, ao contrário dos neandertais, onde a consanguinidade pode ser vista em mutações genéticas.

Objetos e joias encontrados no local, ligados a diferentes tribos, também sugerem que os seres humanos modernos selecionavam parceiros a partir um grupo maior de pessoas e podem ter realizado cerimônias de casamento rudimentares, trocando objetos preciosos.

A variedade de parceiros é certamente importante do ponto de vista da evolução: a seleção natural atua escolhendo os melhores genes.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Chinesa acorda com problema auditivo e deixa de conseguir ouvir homens

Da noite para o dia, uma chinesa deixou de conseguir ouvir vozes masculinas. Embora possa parecer invejável para alguns, a perda auditiva pode ter sérias repercussões médicas. A chinesa, identificada apenas pelo apelido Chen, se deitou …

Oásis egípcio escondia tumbas da era romana

Dois túmulos da época romana foram encontrados no complexo arqueológico de Beir Al-Shaghala, no oásis egípcio de Dakhla, anunciou esta semana o secretário-geral do Conselho Supremo de Antiguidades, Mostafa Waziri. Construídos com diferentes estilos arquitetônicos e …

60% das espécies de café estão em risco de extinção

Pela primeira vez, o café integra a Lista Vermelha da União Internacional para a Conservação da Natureza como espécie em vias de extinção. De acordo com um estudo publicado esta semana nas revistas ScienceAdvances e Global Change Biology, 60% …

Pela felicidade dos professores, escola cria “licença do amor”

A escola de ensino médio de Dinglan, localizada na cidade chinesa de Hangzhou, apresentou esta semana a “licença do amor”, que visa melhorar o humor dos professores e, consequentemente, o trabalho com os alunos. Segundo relata …

Parte da Antártida está encolhendo (e não deveria)

Quando os cientistas falam sobre o derretimento da Antártida, geralmente se referem à Antártida Ocidental, onde gigantescos glaciares costeiros derramam grandes quantidades de água. Mas, do outro lado das montanhas transantárticas a leste, há um manto …

Estátua de diabo “alegre demais” gera polêmica na Espanha

Uma estátua que representa o diabo foi criticada por ser “alegre demais” pelos moradores da cidade de Segóvia, na Espanha. A escultura de bronze, que ainda não foi instalada, foi criada em homenagem a uma lenda …

Deputada britânica adiou o parto para votar contra o acordo do Brexit

Tulip Siddiq decidiu adiar o nascimento do segundo filho para poder votar contra o acordo do Brexit. A deputada trabalhista chegou ao Parlamento em uma cadeira de rodas. Tulip Siddiq decidiu adiar o nascimento do filho por …

Sorveteria em Florença cobra R$ 106 de turista por uma bola de sorvete

Uma sorveteria cobrou 25 euros (cerca de R$ 106) por um sorvete a um turista de Taiwan. Indignado, o turista reclamou ao guia que o acompanhava, que chamou a polícia. O estabelecimento foi multado em …

McDonald’s perde direitos do Big Mac para cadeia de fast food irlandesa

A irlandesa Supermac’s conseguiu uma vitória histórica: o Big Mac deixa de ser uma marca registrada na Europa. Mas a decisão ainda é passível de recurso. “É o fim do McBully”, disse Pat McDonagh, que recebeu …

Disco de gelo giratório gigantesco "invade" rio no Maine

Um enorme círculo de gelo giratório se formou esta semana no rio de Presumpscot, na cidade de Westbrook, no estado norte-americano do Maine. Esse disco bizarro, ainda que raro, é um fenômeno natural fruto da Física. …