Ataques sônicos a diplomatas dos EUA podem não passar de histeria coletiva

US Department of State

Segundo um especialista, os diplomatas norte-americanos que se dizem vítimas dos chamados “ataques sônicos” experimentam apenas uma forma contagiosa de delírio coletivo.

Em 2016, diplomatas norte-americanos em Cuba foram alvo de um misterioso “ataque sônico”, realizado por uma tecnologia nunca vista antes de sons armados. O ataque em Cuba e, mais recentemente, na China, acionaram o alerta da chegada dessa arma perigosa e invisível.

No entanto, talvez nunca tenha acontecido nada.

De acordo com um especialista em doenças psicogênicas coletivas, os sintomas dos diplomatas poderiam ser o resultado de uma ilusão contagiosa coletiva, e não as marcas de uma arma sonora invisível para a qual não existem provas concretas.

“Estou convencido de que lidamos com um caso de histeria coletiva”, disse o sociólogo Robert Bartholomew à ABC News.

A condição é descrita pelo especialista como um fenômeno médico e social que causa ilusões e sintomas em determinado grupo de pessoas. O fenômeno tem sido observado não só nos últimos tempos, como ao longo da história.

Apesar de um relatório divulgado por cientistas da Universidade da Pensilvânia ter concluído que as vítimas de Cuba sofreram “danos nas redes cerebrais”, Bartholomew diz que a histeria coletiva é exatamente o fenômeno que estamos presenciando.

Armas sônicas não podem causar concussões – é fisicamente impossível”, argumenta Bartholomew, contrariando o resultado do relatório.

Na verdade, o estudo não foi conclusivo no que toca à forma como o trauma aconteceu, sugerindo que os sintomas e manifestações podem representar “uma nova entidade clínica”, destacando que ainda não está claro de que forma o ruído está relacionado com o que os diplomatas americanos relataram.

No entanto, Bartholomew desvaloriza os resultados do estudo, defendendo a tendência estereotipada das pessoas de alcançar diagnósticos médicos improváveis face a explicações mais plausíveis. “As pessoas escolhem uma hipótese mais exótica e cientificamente impossível”, destaca.

Seja qual for a causa dos sintomas misteriosos – se um som armado ou delírios desenfreados –, o certo é que não estão desaparecendo.

Caso venha a ser comprovado que se trata mesmo de um fenômeno de histeria coletiva, é provável que nunca venha a ser anunciado pelo governo. “Uma vez que é afirmada a existência de um ataque, não há volta”, explica Mitchell Joseph Valdés-Sosa, diretor do Centro de Neurociência cubano.

O governo estaria disposto a admitir que cometeu um erro?“, questiona.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Twitter vai ser mais rígido com conteúdo adulto na internet e preocupa criadores

Desde o ano passado tem sido mais difícil para os criadores de páginas com o perfil NSFW (Not Safe for Work ou não seguro para ver no trabalho — impróprio, em tradução livre) ter seus …

Otan tenta exibir união, enquanto líderes são flagrados falando de Trump

Chefes de Estado e de Governo de 29 países participaram nesta quarta-feira (4) do segundo dia da cúpula de aniversário de 70 anos da Otan (Organização do Tratado do Atlântico Norte), em Watford, nos arredores …

Radar aéreo descobre um navio viking em uma fazenda

Um estudo do Instituto Norueguês de Pesquisa do Patrimônio Cultural (NIKU) descobriu um navio viking em uma fazenda usando radar aéreo. O achado foi uma surpresa e um golpe de sorte, uma vez que este local …

Casamentos entre pessoas do mesmo sexo saltam 61,7% no Brasil

O número de casamentos realizados entre pessoas do mesmo sexo em 2018 aumentou 61,7% em relação ao ano anterior, segundo dados divulgados nesta quarta-feira (04/12) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). De acordo com …

Uber do entulho te ajuda a descartar resíduos corretamente

O lixo é definitivamente um problema contemporâneo de dimensões globais – e não só a qualidade, o material ou o destino desse lixo, mas também a forma de descarta-lo. Dos 387 quilos de resíduos que o …

Asteroide passará perto da Terra a 27.000 km/h na sexta-feira, alerta NASA

Um grande corpo celeste está se movendo na direção da Terra e chegará ao ponto mais próximo do nosso planeta nesta sexta-feira (6). De acordo com as estimativas da NASA, o asteroide 2019 WR3 mede entre …

Mensagem misteriosa pintada em urso polar na Rússia alarma pesquisadores

Imagens compartilhadas por perfis russos nas redes sociais com um urso polar pintado em spray com o símbolo "T-34" ter alarmado especialistas. Eles advertem que a pintura — cujas circunstâncias ainda não foram identificadas — pode …

Experimento deve provar que microgravidade inibe crescimento de tumores

De onde estiver, Stephen Hawking segue presente na ciência, e seus últimos conselhos devem render uma descoberta para lá de impressionante (e revolucionária). Em conversa com um pesquisador da Austrália, o gênio da física falou sobre …

Justiça absolve Lula e Dilma no caso "quadrilhão do PT"

Juiz que analisou caso afirma que denúncia apresentada por Rodrigo Janot contra cúpula do PT em 2017 foi tentativa de "criminalizar a atividade política". Ministério Público pediu absolvição dos réus em outubro. A Justiça Federal do …

Chineses ativam o primeiro radiotelescópio posicionado no lado afastado da Lua

Um experimento que levou mais de um ano para ser concluído no lado afastado da Lua finalmente está em funcionamento. Não está ainda 100%, mas o Netherlands-China Low-Frequency Explorer (NCLE) já consegue captar sinais de …