Coca-Cola quer entrar no mercado das bebidas com maconha

Atenta ao crescente mercado das bebidas infundidas em cannabis, a Coca-Cola planeja uma possível entrada nesse mercado, que expandiria as ambições da maior fabricante do mundo de refrigerantes.

A empresa norte-americana anunciou seu interesse nesta segunda-feira (17), afirmando estar em negociação com a empresa canadense Aurora Cannabis Inc. para desenvolver bebidas infundidas com canabidiol (CBD) – óleo extraído das sementes de cânhamo (Cannabis sativa L.) –, substância química não psicoativa encontrada na cannabis.

A partir do próximo dia 17 de outubro, a cannabis será legalizada no Canadá. A Coca-Cola procura se juntar a outras empresas produtoras de cerveja e cigarros para testar esse tipo de mercado no país.

Em declarações distintas, a Coca-Cola e Aurora disseram estar interessadas no mercado das bebidas infundidas com canabidiol, mas não adiantaram detalhes. Depois do anúncio, as ações da Aurora subiram 17%, já as da Cola-Cola registraram um ligeiro aumento.

As bebidas com CBD não têm efeitos psicoativos, mas, provavelmente, visam aliviar a inflamação, a dor e as cólicas.

Os produtos baseados em CBD seriam diferentes dos produzidos pela indústria das bebidas alcoólicas, que visam gerar sensações através do uso do tetrahidrocanabinol (THC), o principal produto químico psicoativo presente na cannabis.

As produtoras de cerveja Constellation Brands, Molson Coors e Heineken já estão presentes nesse mercado. Por exemplo, a cerveja artesanal da Heineken, Lagunitas, lançou recentemente o Hi-Fi Hops, uma espécie de água tônica com sabor de cerveja infundida nas substâncias de THC e CBD.

Produtos mais saudáveis

A Coca-Cola procura um segmento de rápido crescimento que se encaixa bem na sua área de produtos funcionais de bem-estar. Recentemente, a gigante norte-americana lançou um novo sabor no Brasil, a Coca-Cola Plus Café Espresso, com 40% mais cafeína e 50% menos açúcar relativamente à Coca-Cola original.

“Provavelmente, as bebidas com THC ficam melhor com os fabricantes de cerveja, e talvez a CBD se encaixe melhor com a Coca-Cola, tendo em conta suas preocupações com a saúde e o bem-estar”, disse o analista da Liberum, Nico von Stackelberg.

Há também um crescente interesse por parte do consumidor pelo CBD, uma vez que suas propriedades servem perfeitamente como ingredientes para bebidas de recuperação esportiva. Aliás, produtos como a Gatorade também podem se interessar pelo novo mercado canadense.

Além da Aurora, as empresas de cannabis Tilray e Aphria também são alvos de parcerias com grandes companhias, que querem explorar esse negócio na América do Norte.

O Canadá é a primeira grande economia a legalizar a cannabis para fins recreativos. Vários estados dos Estados Unidos já legalizaram a cannabis, mas a substância continua proibida pela lei federal.

Ciberia // HypeScience / ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Taxas de mortalidade por câncer de pulmão têm redução acentuada a cada ano devido a novos tratamentos

As taxas de mortalidade do câncer de pulmão mais comum caíram drasticamente nos Estados Unidos nos últimos anos (desde os anos 1990 para homens e desde os anos 1980 para mulheres). A avaliação é de um …

'TikTok foi feito para ser viciante': o homem que investigou as entranhas do aplicativo

Uma tela de celular, um vídeo vertical e um minuto da sua vida. Esses três elementos são a essência do Tik Tok, a rede social de vídeos curtos que está viciando os jovens e que já …

Vacinação contra COVID-19 será facultativa em Portugal; especialistas divergem sobre o tema

Portugal anunciou seu plano nacional de vacinação contra COVID-19 nesta quinta-feira (3). As vacinas serão distribuídas em 1.200 centros de saúde pública a partir de janeiro, de forma gratuita e facultativa. Especialistas ouvidos pela Sputnik Brasil …

Nosso sistema solar será destruído antes do que pensávamos

Embora o solo sob nossos pés pareça sólido e reconfortante (na maioria das vezes), nada neste Universo dura para sempre. Um dia, nosso sol morrerá, ejetando uma grande proporção de sua massa antes que seu núcleo …

Mãe em Estocolmo não é mais suspeita de aprisionar filho

Promotores suecos estão retirando seu caso contra uma mulher acusada de prender o filho por vários anos. De acordo com as últimas informações, não há provas suficientes de que ele havia sido detido contra sua …

Mistério de galáxia desprovida de matéria escura é revelado

As observações astronômicas apontam para forças de "maré" e comportamento "canibal" de uma galáxia vizinha, que explicariam a escassez deste componente invisível. Se alguma galáxia é pobre em matéria escura, pode ser devido a uma interação …

Maioria das vacinas da Moderna será reservada no início para os Estados Unidos

A Moderna espera disponibilizar entre 100 e 125 milhões de doses de sua vacina contra a Covid-19 no primeiro trimestre de 2021. A empresa anunciou, nesta quinta-feira que, no início, entre 85 e 100 …

Amazonas é 3º estado com mais queimadas, emissões e desmatamento

Pela primeira vez, o Amazonas assume a terceira posição nos três principais rankings que indicam o avanço da degradação florestal na Amazônia brasileira, incluindo indicadores de queimadas, emissões de gases de efeito estufa e desmatamento …

Sudão bane casamento infantil e mutilação genital feminina, mas prática apresenta desafios

Depois de derrubar o ditador Omar al-Bashir no ano passado, o Sudão deu importante passo para reverter alguns dos tantos horrores cometidos contra a população feminina no país – e tornou ilegal tanto o casamento …

Namíbia elege deputado chamado Adolf Hitler

O nome de um recém-eleito político da Namíbia, vem chamando atenção na mídia nacionais e internacionais. "Adolf Hitler teve uma vitória esmagadora nas eleições regionais na Namíbia", relatou o portal de notícias alemão Spiegel Online nesta …