Descoberta nova serpente fantasma com olhos-de-gato em Madagascar

Sara Ruane / LSU

Madagascarophis lolo, a serpente "fantasma" com olhos-de-gato

Madagascarophis lolo, a serpente “fantasma” com olhos-de-gato

Uma equipe de cientistas internacionais descobriu uma nova espécie de serpente olhos-de-gato em Madagascar. Apenas um espécimen foi encontrado e foi tão difícil detectá-la que os pesquisadores a chamaram de “fantasma”.

A Madagascarophis lolo – o nome científico atribuído a esta nova espécie de serpente de Madagascar – foi descoberta em 2014, na altura da época das chuvas, quando este tipo de répteis são mais ativos.

Mas só depois de análises morfológicas efetuadas nos Estados Unidos, testes de comparação de ADN e contagem de escamas foi possível concluir que se trata mesmo de uma nova espécie, revelam os pesquisadores no artigo publicado na Copeia.

A serpente tem uma cor cinza pálida e um comportamento tão esquivo e fugidio que levou seus descobridores a lhe chamarem fantasma – ou “lolo” em Malgaxe, língua oficial de Madagascar.

Este novo réptil pertence ao grupo de serpentes endémicas da ilha, as Madagascarophis ou olhos-de-gato, como são mais conhecidas, por terem pupilas verticais que caracterizam as espécies que são mais ativas durante a noite.

É uma serpente única na cor porque “nenhuma das outras Madagascarophis é pálida e nenhuma tem estes padrões distintivos”, explica ao Science Daily a pesquisadora Sara Ruane, do Museu de Ciências Naturais da Universidade do Estado do Luisiana, nos EUA.

Sara Ruane / LSU

-

A “Madagascarophis lolo difere de todas as outras espécies de Madagascarophis, tendo uma cor de corpo cinza combinada com um padrão alternativo de manchas cinza pálidas, ao longo da coluna vertebral, e a presença de escamas pretas nas linhas de escamas vertebrais, dando a aparência de uma fina linha preta dorsal”, escrevem os autores no artigo.

A serpente “fantasma” foi descoberta no Parque Nacional de Ankarana, no norte de Madagascar, uma área protegida, um dado que é ainda mais surpreendente para os pesquisadores e que vem reforçar a ideia de que ainda existem “novas espécies” por descobrir na ilha, em especial por haver “muitas regiões de difícil acesso e pouco exploradas”, sustenta Sara Ruane.

“Foi muito duro. Deu muito trabalho, mas a recompensa foi grande. As serpentes são difíceis de encontrar, mesmo nas melhores circunstâncias. São bastante esquivas”, salienta.

A descoberta, liderada pela pesquisadora norte-americana, contou também com a participação de cientistas do Museu Americano de História Natural e da Universidade de Mahajunga, em Madagascar.

SV, ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Buracos negros são famintos, mas possuem boas maneiras à 'mesa', aponta estudo

Todos os buracos negros supermassivos nos centros das galáxias possuem períodos nos quais devoram a matéria situada de seus arredores. De acordo com um estudo publicado na revista científica Astronomy & Astrophysics, as galáxias ativas têm …

Pnad e Caged: No auge do desemprego, Brasil enfrenta falhas nas estatísticas do mercado de trabalho que confundem e desorientam

Num momento em que o país tem registrado números diários de mortes por covid-19 que ultrapassam 4 mil e diversos Estados e municípios reforçam medidas de distanciamento social, na tentativa de conter a propagação do …

Jovem negro de Minnesota morreu por “disparo acidental”, afirma polícia

Policial teria confundido arma de descarga elétrica com arma de fogo. Incidente em meio a julgamento da morte de George Floyd acirra tensões e agrava protestos. Mineápolis e outras cidades ampliam toque de recolher. A policial …

Bia, assistente de voz do Bradesco, vai responder mensagens de assédio

O Bradesco precisou tomar providências para proteger uma mulher de assédio. No caso, uma mulher que nem existe fisicamente. A mulher que dá voz ao sistema de inteligência artificial do aplicativo, a Bia (sigla para Bradesco …

Covid-19: Médicos pressionam governo francês para aumentar controles de pessoas vindas do Brasil

Especialistas acreditam que medidas do governo francês para frear entrada de variante P1 no país são insuficientes e pressionam para aumento de controles de passageiros provenientes do Brasil nos aeroportos ou pela suspensão dos …

Rede 5G pode transmitir energia elétrica e aposentar as baterias no futuro

O mundo já conhece os benefícios da tecnologia 5G como a alta velocidade na transmissão de dados e baixa latência. Agora, os cientistas do Instituto de Tecnologia da Geórgia, nos EUA, descobriram que essas redes …

Covid: como evitar a trágica marca de 5 mil mortes por dia no Brasil?

No dia 19 de maio de 2020, o Brasil atingiu pela primeira vez a marca das mil mortes diárias por covid-19. Esse número permaneceu relativamente estável, em um patamar considerado alto, durante todo o segundo semestre …

Físicos afirmam que o universo é um computador de aprendizado de máquina

Físicos teóricos que trabalham com a Microsoft lançaram um artigo na sexta-feira afirmando que o universo é essencialmente um computador de aprendizagem de máquina (machine learning, em inglês). Os pesquisadores, vários afiliados à Microsoft, pré-publicaram um …

Mundo ainda tem países sem uma única dose de vacina

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), mais de 600 milhões de doses de vacina contra a covid-19 já foram aplicadas em todo o mundo. Mas a discrepância entre países é alta: enquanto, …

Covid: site calcula quando você será vacinado. Resultados não animam

Um grupo de voluntários chamado CoronavirusBra desenvolveu uma plataforma para calcular quando você será vacinado contra a covid-19. O ‘Quando vou ser vacinado?’ utiliza dados públicos como a média de imunizados com o número de pessoas …